sábado, 29 de junho de 2013

FERIDO POR DENTRO

Alguém estava contando: No seminário onde leciono, existem muitas árvores enormes, conhecidas como faias. São uma espécie de árvores que às vezes alcançam quarenta metros de altura e dois metros de diâmetro. Essas árvores são um símbolo de força e resistência. 

Por muitos anos a maior de todas as árvores ficava na entrada do edifício administrativo do seminário. Todos os visitantes do seminário queriam tirar retratos dessa árvore majestosa. A Junta de Escolas Dominicais, em Nashiville, mandou um fotógrafo para tirar um retrato dessa árvore, e o retrato foi publicado na capa da revista de Jovens e Adultos. Essa árvore ficou famosa entre os batistas do sul dos Estados Unidos. 

Um dia, uma ventania não muito forte soprou no campus. Era tão branda que não deveria ter causado dano nenhum. Mas, para a surpresa de todos, derrubou a faia. Quando a árvore foi examinada, a razão de sua queda se tornou evidente. Parecia sólida do lado de fora, mas por dentro estava toda podre e deteriorada. Apenas um vento brando foi o suficiente para derrubá-la.

Assim será com aqueles que não têm integridade em suas vidas. Podem parecer fortes e saudáveis do lado de fora, mas isto tudo é um engano e fingimento. É só uma fachada que esconde o verdadeiro caráter de suas vidas. Por dentro são fracos e doentes, e em tempo de prova sua verdadeira condição se torna aparente. Não são capazes de resistir às mínimas tempestades que mais cedo ou mais tarde os alcançarão.

ENCONTRAR O AMOR


sexta-feira, 28 de junho de 2013

VERDADEIRA SATISFAÇÃO

O filme épico baseado no romance de Margaret O filme épico baseado no romance de Margaret Mitchell, E o Vento Levou, começa com essas linhas: "Havia uma terra de fidalgos e plantações de algodão, chamava-se Velho Sul. Lá, nesse belo mundo o cavalheirismo teve seu último grande momento... Você só vai encontrá-lo nos livros, pois ele não é mais que um sonho relembrado, uma civilização que o Vento Levou".

Não é somente uma forma de vida que desaparece, mas também os sonhos que guiam os personagens principais. Durante a Guerra Civil, Scarlett O'Hara está preocupada com o seu amado Ashley Wilkes, no final da história, está desiludida. Salomão viu a futilidade em buscar satisfação em pessoas e coisas. Apesar da riqueza acumulada e do conhecimento, de ter completado grandes obras e casado com muitas mulheres, ele disse: "… tudo é inútil, é correr atrás do vento!" (Eclesiastes 1:14).

Por que a busca por coisas transitórias não nos realiza? A resposta bíblica é de que fomos criados para encontrar nossa verdadeira satisfação e realização em Deus. Jesus prometeu: "… eu vim para que tenham vida, e a tenham plenamente" (João 10:10). Pessoas e coisas vêm e vão. Mas a satisfação espiritual que Cristo nos oferece vai durar neste mundo e perdurar até a eternidade.

Fonte: http://www.sfnet.com.br/~walter.pacheco

quarta-feira, 26 de junho de 2013

O QUE VOCÊ PODE E O QUE NÃO PODE MUDAR

Existem muitas coisas que você pode aprender com as coisas que você não pode mudar; você pode usar o conhecimento e a experiência para, positivamente, afetar as coisas que você pode mudar. John Goodman

Existem muitas coisas que você pode mudar e existem muitas coisas também que você simplesmente não pode. Ambas, porém, podem acrescentar preciosos valores à sua vida. Com as coisas que você pode mudar, você tem a oportunidade de aprimorar as circunstâncias na sua própria vida e no mundo que o cerca. Com as coisas que você não pode mudar, você pode crescer, desenvolver real sabedoria, paciência, aceitação e flexibilidade.

As coisas que você não pode mudar lhe dão a base e plataforma para você trabalhar. As coisas que você pode mudar lhe dão um mundo crescente de novas possibilidades. Ao aceitar as coisas que você não pode mudar e ao buscar maneiras positivas de como com elas lidar, você estará montando um importante alicerce para o seu sucesso.

Deus – pela Sua maravilhosa Graça – lhe dá a possibilidade de viver num mundo onde existem coisas que você pode, sim, mudar e onde existem outras que – decididamente – você não pode mudar. A maravilha em tudo isso é que de um modo ou de outro, você sempre tem a real oportunidade de acrescentar maravilhosos valores à sua vida.

Para Meditação: Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as pratica será comparado a um homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha; e caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram com ímpeto contra aquela casa, que não caiu, porque fora edificada sobre a rocha. Mateus 7:24,25

Nélio DaSilva

CONHECER DEUS

Conheçamos e prossigamos em conhecer ao SENHOR; como a alva, a sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra.

Oséias 6.3

Em publicação de uma revista de circulação nacional, e mesmo pela televisão e nos jornais, contou-se: que uma senhora, ex-escrava, considerada a mulher mais velha do mundo, no apogeu de sua velhice com 124 anos de idade, foi levada do interior de Minas Gerais para uma praia no Rio de Janeiro.

Objetivo da viagem conhecer o mar. Então com os olhos fixos nas ondas, ela disse: "Agora só me falta ver Deus".

O desejo de conhecer a Deus é algo que manifesta no coração do homem. Sempre que eu leio as histórias, na Bíblia, dos Patriarcas, dos grandes heróis; dizendo assim: "Deus falou" ou "Deus disse". fico a pensar no privilégio daqueles que tiveram a experiência da presença de Deus.

Sempre me chama atenção, a naturalidade como as pessoas da Bíblia tinham uma intimidade com Deus. Que para alguns hoje ainda é desconhecida.

Aquela querida senhora, ex-escrava é um símbolo vivo de quem experimentou a liberdade tardia, após a sub-condição humana de ter sido escrava de homens.

Deus quer ajudar muitos a se tornarem livres pelo conhecimento da verdade, pois como disse Jesus: conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

segunda-feira, 24 de junho de 2013

QUAL O TEU NOME?

E disse Manoá ao anjo do Senhor: Qual é o teu nome, para que, quando se cumprir a tua palavra, te honremos?

Juízes 13:17


Nos tempos bíblicos, o nome tinha uma importância muito grande, estava associado ao caráter da pessoa: “Vale mais ter um bom nome do que muitas riquezas; e o ser estimado é melhor do que a riqueza e o ouro” (Pv. 22:1).

Uma grande pessoa tinha, necessariamente, um bom nome. Vejamos o exemplo de Davi, diz a Bíblia que “saindo os príncipes dos filisteus à campanha, sucedia que Davi se conduzia com mais êxito do que todos os servos de Saul; portanto o seu nome era muito estimado” (1 Sm. 18:30).

Quando o filho prometido de Abrão nasceu, ele recebeu o nome de Isaque (riso), porque Sara riu ao saber que seria mãe; Ao sair da prisão para ser Governador, José teve seu nome mudado para Zafenate-Panéia.

O nome é algo importante para Deus, Diz a Bíblia que quando O salvo chegar ao céu, ele terá novo nome. Um nome que represente seu caráter, sua mente, seu coração. No entanto, enquanto estivermos nesta terra, vamos zelar pelo nome que nos foi confiado, pois o Pai o tem como um bem precioso que vale mais que as riquezas desta vida.

domingo, 23 de junho de 2013

VIDA... QUAL A SUA ESCOLHA?

"Também sabemos que o Filho de Deus é vindo e nos tem dado entendimento para reconhecermos o verdadeiro; e estamos no verdadeiro, em seu Filho, Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna" (1 João 5:20).

"Deus não pergunta a nenhum homem se deseja a vida. Não é essa a escolha. Você deve recebê-la. A sua escolha é: como viver a vida que Deus lhe deu." (Rev. Henry Ward Beecher)

Deus nos deu uma vida e esta é a primeira bênção que recebemos do Pai celestial. Ele deseja que a vivamos de maneira abundante e feliz, mas, dá-nos a oportunidade de traçar nossos próprios caminhos. Podemos aceitar os Seus ensinos através das Escrituras -- a melhor e mais abençoada maneira de viver, ou ignorar a tudo que nos diz e fazer aquilo que queremos, seja certo ou errado.

Muitas vezes nos queixamos de que não realizamos nossos sonhos, de que a vitória sorri para todos -- menos para nós, de que lutamos, nos esforçamos, procuramos o sucesso e nada conseguimos. Queixamo-nos de Deus e não percebemos que todos os seus ensinos foram ignorados por nós. Murmuramos contra a sorte e não reconhecemos que o Senhor tem mais do que sorte para nos dar -- tem as Suas incomparáveis e incontáveis bênçãos e que só não as recebemos porque caminhamos de costas para Ele.

Quando nossas vidas estão colocadas diante da Vida -- o Senhor Jesus, tudo é diferente, tudo é mais gratificante, tudo é mais aprazível. Só mesmo a Vida sabe como viver bem a vida, só a Vida conhece as veredas que levam à vida plena e abundante, só a Vida pode prometer e garantir a vida eterna.

Se eu escolho viver minha vida na presença do Senhor, desfruto de uma felicidade real. Se eu escolho viver minha vida longe do Senhor, colho os frutos de minha decisão. Preciso saber o que devo escolher e o que devo esperar como resultado de minha escolha.

Eu já escolhi: fiquei com Jesus! E você?

Paulo Barbosa

A FORÇA QUE TEMOS


sábado, 22 de junho de 2013

A CASA CAIU

“Tem sempre o dia em que a casa cai”, dizia o poeta. Já na Bíblia tá escrito que “nada há encoberto que não venha a ser revelado”, palavras de Jesus. Dizem também que foi Abraham Lincoln quem ensinou que “você pode enganar a todos por algum tempo, alguns o tempo todo, mas jamais enganará todos por todo o tempo”.

Na minha juventude ouvia meu pastor aterrorizando a rapaziada: “O diabo ajuda a fazer, mas não ajuda a esconder”. Depois de algum tempo, fiquei com a opção positiva: “Deus repreende os filhos a quem ama”, e nesse caso, quem gosta mesmo de trazer as coisas para a luz é Deus, que tem absoluto interesse em interromper caminhos de destruição e dar novas oportunidades a quem quer que seja.

Infelizmente já vi a casa de muita gente cair. Aprendi que na hora da crise, do desmascaramento, do flagrante ou da denúncia, quando o pecado é revelado e os esqueletos do armário passam a desfilar na calçada, as pessoas se revelam de fato. Algumas poucas bem aventuradas escolhem o caminho da confissão sem justificativas, racionalizações ou transferências de responsabilidades, e simplesmente exclamam “minha culpa, minha culpa, minha máxima culpa”.

E depois se entregam a atitudes como pedir perdão, promover reparações e restituições, se humilhar em silêncio diante das vítimas que agridem em revolta vingativa, buscar conselheiros sábios, se submeter à disciplina dos justos (antes de reagir leia o Salmo 141.5), não apressar o tempo de sua própria restauração, vestir saco e cinzas, e calar todas as reivindicações de eventuais direitos que julga possuir. Tudo isso, evidente e muito provavelmentemente, regado a muitas lágrimas e noites em claro.

Os anos me ensinaram que quando a casa cai, o caminho mais curto e o prazo mais breve da restauração implica seguir o conselho do apóstolo (1Pedro 5.6 – A Mensagem): “Contentem-se com o que são (digo, admitam o que são) e não empinem o nariz. A mão de Deus é forte e está sobre vocês. Ele os exaltará no tempo certo. Vivam sem preocupação na presença de Deus: ele toma conta de vocês”.

Ed René Kivitz

GASTAMOS TEMPO


quarta-feira, 19 de junho de 2013

NENHUM SUCESSO COMPENSA O FRACASSO DO LAR

O lar foi constituído pelo SENHOR para ser uma benção para todas as nações. Quando uma coluna do lar se desfaz, a possibilidade do desmoronamento é inevitável. Posso dizer: “Nenhum sucesso compensa o fracasso no lar”.

Muitos querem ser próspero se referindo a “ganhar muito dinheiro” em detrimento do lar e deixá-lo de lado, quando falo em lar, estou falando de filho, da filha, da esposa, e os demais membros que fazem parte de um lar. A solução que alguns pais propõem de dar tudo, se referindo aos “bens materiais”, pensando que a materialidade poderá suprir as necessidades reais.

O homem antigo, em sociedades remotas, entende que o homem é o provedor e a mulher a governanta da casa. Na modernidade, os papéis se tornaram responsabilidades mútuas tanto o pai como a mãe são supridores da casa. No entanto, o lar não pode ser deixado na prolixidade pelos tutores, que em teses, são os responsáveis.

Saiba meu amigo, que a paternidade será cobrada pelo SENHOR pela a benção que você alcançou. Pois o salmista expressou: “Os filhos são herança do SENHOR”. Se ele declarou, nós declaramos os filhos são herança e benção do SENHOR.

Vivemos uma sociedade consumista e incentivadora por meio das propagandas de todos os lados, sejam pela Internet, TV, Rádio, “Outdoors”. Este enlevo suscita nos pequenos a querer mais e consumir aquilo que não está no limite.

O que poderá suprir a um lar segundo os padrões de Deus. Noé teve um chamado, este perseverou por anos a fio, e pregou, pregou sem cansar, se desanimar, até que, todo o seu esforço redundou na salvação dos seus familiares. Ele, o patriarca, por meio deste gesto conseguiu salvar o mundo, e o remanescente da existência humana.

Portanto, amigo, você que é o responsável direto, tem o papel de ser o pai ou de ser a mãe. Se você conseguir destinar tempo, para ter comunhão, alegria, cânticos, e estar juntos aos seus, isto será suficiente para conservar o seu lar a salvo, salvando o lar, você poderá conservar o Mundo a salvo. Por isso, afirmo “Nenhum sucesso compensa o fracasso no lar”. Pense nisso.

Um Grande Abraço.
No Senhor Jesus.

JESUS TE AMA!

Élcio Cunha

terça-feira, 18 de junho de 2013

SOCORRO!

Há alguns anos a nação brasileira ficou horrorizada com um incêndio de grandes proporções no Edifício Joelma, no centro de São Paulo. Parecia impossível apagar aquele incêndio. As escadas magirus dos bombeiros não alcançavam a todos os andares, e as pessoas, nos inúmeros escritórios e empresas, começaram a se desesperar. A fumaça rapidamente asfixiava as vítimas, que tentavam respirar junto às janelas e acenar com tremendos gritos por socorro. Quando as chamas avançavam, os flagelados não escutavam as vozes que recomendavam calma, e desatinadamente começaram a saltar de grandes alturas para a morte. 

Dramas de desespero e dor aconteciam dentro e fora do Joelma onde parentes e curiosos assistiam a uma das maiores tragédias. Com intensa dificuldade os que estavam nos últimos andares, chegaram ao heliporto onde o resgate ficava cada vez mais difícil pelo calor da laje e pelos ventos que direcionavam afoitamente as chamas para todos os lados. Muitos morreram exatamente no momento em que procuravam o escape. 

Semelhantemente, milhões, hoje, estão também à procura do escape para os seus dilemas, os seus problemas, e sua dor. Só Jesus pode aliviar uma alma cansada e aflita. Ele Disse: Vinde a mim todos os que estão cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei.

- Fonte: vp@sisac.org.br

O LUGAR DO HOMEM



segunda-feira, 17 de junho de 2013

PRA QUE SERVE O HORIZONTE?

Certa vez alguém chegou ao céu e pediu para falar com Deus porque, segundo o seu ponto de vista, havia uma coisa na Criação que não tinha nenhum sentido...

Deus o atendeu de imediato, curioso para saber qual era a falha que o cidadão apontava na Criação.

- Senhor Deus, Sua criação é muito bonita, muito funcional, cada coisa tem sua razão de ser. Mas, em minha opinião, tem algo que não serve para nada.

- E que coisa é essa que não serve para nada? – perguntou Deus.

- É o horizonte. Para que serve o horizonte se eu caminho um passo em sua direção e ele se afasta um passo de mim? Se caminho dez passos, ele se afasta o mesmo tanto. Se percorro quilômetros em sua direção, ele se distancia os mesmos quilômetros... Isso não faz sentido! O horizonte não serve para nada. – reclamou.

Deus olhou para a pessoa, sorriu e disse:

- Mas é justamente para isso que serve o horizonte... para fazê-lo caminhar!

sábado, 15 de junho de 2013

CORAÇÃO DIVIDIDO


“...e o seu coração não era de todo fiel para com o SENHOR, seu Deus, como fora o de Davi, seu pai.” 

1Reis 11:4b

De quem é seu coração?

O coração do rei Salomão já não era apenas do SENHOR, estava dividido. A Bíblia diz que sendo ele já velho, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses (1Reis 11:4a). Não é que a poligamia fosse o ideal de Deus, mas o que é evidentemente reprovado no texto é o fato de que aquelas mulheres levaram o filho de Davi à idolatria. 

Salomão se tornou idólatra porque se apegou pelo amor às mulheres estrangeiras. Ou seja, ele colocou o seu amor pelas filhas de Eva acima do amor por Deus (1Reis 11:4a). Não será diferente conosco se não nos devotarmos completamente ao Deus Trino. Conhecedor desta verdade, Santo Agostinho disse: “Eu odiaria minha própria alma se descobrisse que ela não ama a Deus.

Precisamos sondar nosso coração e verificar se ele é totalmente do SENHOR. Será que não temos adquirido ídolos pelas relações impróprias com o mundo e as pessoas? Quais seriam, hoje, os ídolos do meu coração? E quem disse que esses ídolos são apenas de madeira ou gesso? Pode ser até uma atividade física.

O coração dividido de Salomão causou indignação no SENHOR, de modo que prometeu tirar-lhe o reino, deixando apenas uma tribo, por amor de Davi (1Reis.11:13). A promessa de Deus foi cumprida, e Roboão, servo de Salomão, se tornou rei sobre dez tribos de Israel (1Reis.12:16-20). Isso nos lembra que Deus não tolera dividir a Sua adoração, a Sua glória (Isaías 42:8). Por isso, dediquemos todo nosso ser ao Altíssimo. Façamos dele o nosso grande tesouro e prazer. Assim não teremos dificuldade ou decepção alguma em encontrá-lo na glória eterna.    
   
Pr. José Roberto

DEUS ESTÁ...


sexta-feira, 14 de junho de 2013

MÁGOA, O CÁRCERE DA ALMA II

Quem retém o perdão não pode orar a Deus nem receber dele o perdão.

A mágoa é autodestrutiva. Ferimo-nos a nós mesmos quando nutrimos mágoa por alguém. Guardar mágoa no coração é como beber veneno pensando que o outro é quem vai morrer. Quem guarda mágoa no coração vive amarrado pelas grossas correntes da culpa. Quem vive nessa masmorra adoece emocional, física e espiritualmente.

Há muitas pessoas doentes porque se recusaram a perdoar. Na igreja de Corinto havia pessoas fracas, outras doentes e algumas que já estavam mortas em virtude de relacionamentos adoecidos (1Co 11.3).

Tiago ordena os crentes a confessarem seus pecados uns aos outros para serem curados (Tg 5.16). Há muitas pessoas vivendo cativas no calabouço do diabo, prisioneiras do ódio, acorrentadas pela mágoa, cuja vida espiritual está arruinada. Gente que precisa ser liberta dessa prisão existencial, desse cativeiro espiritual.

O salmista Davi orou pedindo a Deus para tirar a sua alma do cárcere (Sl. 142.7).

A chave que abre a porta dessa masmorra é o perdão. O perdão traz cura onde a mágoa gerou doença. O perdão traz reconciliação onde a mágoa gerou afastamento. O perdão traz alegria, onde a mágoa produziu tristeza e dor. O perdão restitui aquilo que a mágoa saqueou.

O perdão é a faxina da mente, a assepsia da alma, a limpeza dos porões do coração.

Perdoar é zerar a conta. É nunca mais lançar no rosto da pessoa a sua dívida. Perdoar é lembrar sem sentir dor. 

Rev. Hernandes Dias Lopes

NÃO SABEMOS ESPERAR


quinta-feira, 13 de junho de 2013

MÁGOA, O CÁRCERE DA ALMA I

Nós sofremos mais por causa das pessoas do que por causa das circunstâncias.

As pessoas nos fazem chorar mais do que as vicissitudes da vida. As pessoas nos decepcionam e nós decepcionamos as pessoas.

Os relacionamentos dentro da família, no trabalho e até igreja, algumas vezes, se tornam tensos. Feridas são abertas na alma e mágoas profundas se instalam no coração.

Amizades são rompidas, casamentos são abalados, relacionamentos sólidos entram em colapso. Nesse processo, a comunicação é rompida, o silêncio gelado substitui as palavras de amor e a desconstrução da imagem do outro se torna uma verdadeira ação de desmonte.

O resultado do adoecimento das relações humanas é a mágoa. Esse sentimento de amargura se instala no solo do coração e lança suas raízes trazendo perturbação para a alma e contaminação para os que vivem ao redor.

A mágoa é a ira congelada. A mágoa é o armazenamento do ressentimento. A mágoa é entulhar o coração com o rancor, é alimentar-se do absinto do ranço, é afogar-se no lodo do ódio, é viver prisioneiro na armadilha da vingança.

A mágoa é uma prisão. Ela é o cárcere da alma, o calabouço das emoções, a masmorra escura onde seus prisioneiros são atormentados pelos verdugos da consciência.

Quem se alimenta da mágoa não tem paz. Não tem liberdade. Não tem alegria. Não conhece o amor. Não tem comunhão com Deus. Não pode adorar a Deus, nem trazer sua oferta ao altar.

Rev. Hernandes Dias Lopes

VENCER

quarta-feira, 12 de junho de 2013

CONSCIÊNCIA TRANQUILA

"Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo" 

1 Coríntios 15:57

O pirata Gibbs, que foi executado em Nova Iorque, disse: "Quando eu roubei o primeiro navio, minha consciência não me deixou dormir; porém, depois que hasteei a bandeira negra durante anos, eu podia roubar um navio, matar todos os seus passageiros e dormir profundamente."

Assim é com o pecado. O primeiro erro pode nos tirar o sono, nos trazer inquietação e angústia, mas, se não nos arrependemos e continuamos praticando os mesmos erros, acabamos nos acostumando e nos afastando do Senhor cada vez mais.

O alcoólatra começa sempre com uma pequena dose de bebida; o viciado em fumo com um único e despretensioso cigarro; o jogador inveterado com uma rápida partida de baralho; e, assim por diante. O princípio parece insignificante, contudo, seu final é destruidor.

Se queremos uma vida plena e abundante; se almejamos desfrutar sempre das maravilhosas e incontáveis bênçãos do Senhor Jesus; se queremos caminhar pelas estradas eternas da felicidade; devemos nos afastar totalmente do primeiro degrau do pecado.

Quem se acostuma com o ódio não sente falta do amor. Quem anda abraçado com a incredulidade não consegue forças para vislumbrar a fé. Quem se adapta bem à escuridão trata a luz com indiferença. Dar os primeiros passos em direção ao pecado é fácil; difícil é dar os mesmos passos na direção contrária.

Se almejamos ter uma consciência tranquila; se buscamos dias abençoados em qualquer circunstância; se sonhamos encontrar a verdadeira felicidade; então coloquemos nossas vidas no altar de Deus que nos prometeu vitória através de Seu Filho, Jesus Cristo.

Sua consciência tem estado tranquila?

Paulo Barbosa

A CONSCIÊNCIA

terça-feira, 11 de junho de 2013

VIVER O EVANGELHO

Meu avô Horsfall viveu efetivamente o evangelho. Ele possuia um armazém geral em Midwestern, e dirigia seus negócios como achava que um cristão devia fazê-lo.

Defronte à mercearia, morava uma família de nome Jones, que há pouco tempo se mudara para aquela localidade, e ainda não era conhecida por todos os moradores.

Meses depois, o Sr. Jones procurou o pastor da pequena igreja local, e disse-lhe: "Tenho observado o Sr. Horsfall todos estes meses, e quero ter o que ele tem. Sei que é o evangelho. O senhor poderá me ajudar?" Então o ministro orou com o Sr. Jones, e este aceitou Cristo.

Do seu lar, saíram duas filhas. Uma pregou por muitos anos na Califórnia, E.U.A., e a outra foi missionária na China durante anos. Tudo começou porque meu avô vivia o evangelho cada dia.

Nós também devemos ser testemunhas do nosso Senhor Jesus Cristo, de tal maneira que, pelo nosso viver diário, revelemos o seu amor redentor.

Ellen Beitler Shaw (Wisconsin, E.U.A.)

SER VITORIOSO

segunda-feira, 10 de junho de 2013

ESQUEÇA

E chamou José ao primogênito Manassés, porque disse: Deus me fez esquecer de todo o meu trabalho, e de toda a casa de meu pai.

Gn 41.51


Você tem alguma lembrança que te perturba? Há algum acontecimento do passado que tira o seu sono, seu sossego? Não é fácil lidar com isto. Por isso, gostaria de deixar uma palavra de ânimo baseada na vida de José. NÃO SE DEIXE DERROTAR PELAS LEMBRANÇAS DESAGRADÁVEIS.

José deu o nome de Manassés ao seu primeiro filho (41:51). O nome tem origem na raiz hebraica nashah, que significa “esquecer”. Deus tinha feito José esquecer todo sofrimento passado naqueles 13 anos, desde a traição de seus irmãos até a calúnia da mulher de Potifar.

O esquecimento de José dizia respeito à sua atitude diante do sofrimento passado. Apesar de estar em sua memória, ele não deixaria aquele sofrimento lhe dominar.

Esta atitude é um incentivo para nós, pois é tentador querer vingar-se dos Rúbens, Judás, e das senhoras Potifar do nosso passado. É tentador dar o troco àqueles que nos ofenderam, nos despojaram com atos perversos e palavras más. Em vez disso, devemos dar à luz a um Manassés.

Por que viver nas águas pantanosas, viscosas das más lembranças? Removamos toda coisa negativa. Você e eu escolhemos o que nos torna reféns. Escolhemos quem vai nos manter imobilizados sob seu domínio. Decidamos hoje mesmo dar um basta neste cativeiro. Peçamos o auxílio divino.

Pr. José Roberto

sábado, 8 de junho de 2013

COISA PEQUENAS

Coisas pequenas podem fazer uma grande diferença; muitas delas podem verdadeiramente mudar o mundo. 

Richard Simpson

Um sorriso genuíno é algo pequeno, e requer quase nenhum esforço. Contudo ele pode fazer uma grande diferença naquele que o recebe. Um pequeno ato de gentileza, como uma palavra de encorajamento, é uma coisa pequena. Pense porém sobre como o seu dia seria muito mais radiante se você o desse ou o recebesse a cada dia. 

Coisas pequenas, quando se juntam, exercem um grande impacto. Pois coisas pequenas estão ao alcance de qualquer pessoa que decida investir nelas. Mesmo as maiores realizações têm como resultado os pequenos esforços e os pequenos sucessos acumulados e direcionados ao mesmo alvo. Grandes realizações e coisas magníficas e substanciais são criadas quando você se compromete a fazer todas as coisas pequenas que devem ser feitas. 

À medida que os anos, meses, dias, minutos e segundos vão passando, encha-os com positivas, produtivas e alegres coisas pequenas. Em breve elas se tornarão muito grandes. 

Para Meditação: Porque dele (Cristo) e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amem! I Corintios 11:36

Nélio DaSilva

CIÚME


sexta-feira, 7 de junho de 2013

MORRO PARA QUE VIVAS

Disse o Senhor a Noé: Entra na arca, tu e toda a tua casa na arca, porque reconheço que tens sido justo diante de mim no meio desta geração"

Gn 7.1.



Em junho de 1770, Porto do Príncipe, capital do Haiti, foi destruído por um terremoto. Em certa casa, a fiel serva correu para salvar a criança do seu patrão. Enquanto as paredes ruíam, ela agarrou nos braços a criança, e o telhado se abateu sobre ela. Os destroços atingiram de cheio a serva fiel, mas o bebê escapou ileso.



O corpo curvado da nobre mulher protegeu o infante, mas com o sacrifício de sua própria vida. Sua morte foi a salvação do pequenino ser que se achava aos seus cuidados. Ela morreu a fim de que a criança vivesse. Igualmente, na morte sacrificial de Cristo nossas vidas são salvas.

quinta-feira, 6 de junho de 2013

SUAS MUITAS BÊNÇÃOS

Falar sobre gratidão é algo agradável e cortês; agir em gratidão é algo nobre e generoso, porém, viver em gratidão é tocar o Céu. 

Johannes A. Gaertner

Com que frequência você dá uma pausa na correria da vida, simplesmente a fim de contar as suas bênçãos? Na sua - acelerada – rotina diária, com que frequência você se sente feliz e grato por muitas, - realmente muitas coisas que você já tem? Na sua ambição pelas muitas legítimas conquistas, tenha o cuidado de não deixar passar desapercebidas as riquezas que você já tem. Riqueza? Sim, uma riqueza que é muito real e graciosamente está acessível a você. 

O processo de identificar essas riquezas apenas vem ao contar as suas muitas bênçãos. Faça um inventário de tudo o que você já tem, do conhecimento que você já adquiriu, das pessoas na sua vida, da sua espiritualidade, da sua família, dos seus hobbies, do seu senso de humor, do seu cuidado para com outras pessoas, da sua habilidade de ver oportunidades que outros não veem. A lista é infinita e essas coisas trazem consigo valores que estão muito além daquilo que você imagina. 

Quero desafiá-lo, hoje, a dar uma longa, pausada e focada atenção nas suas muitas bênçãos. A fonte de todas essas bênçãos só tem um remetente: DEUS. Aquele que tem lhe dado essa preciosa bênção chamada VIDA. Ele jamais tem lhe prometido um amanhã – tudo o que você tem é este especial momento que você está vivendo agora e, por ele, quero encorajá-lo a ser muito, mas muito GRATO mesmo a Deus. 

Para Meditação: Vocês nem sabem o que lhes acontecerá amanhã! Que é a sua vida? Vocês são como a neblina que aparece por um pouco de tempo e depois se dissipa. Tiago 4:14

Nélio DaSilva

sábado, 1 de junho de 2013

PERDENDO PARA GANHAR



...O Senhor o deu, e o Senhor o tomou; bendito seja o nome do Senhor!



Jó 1.21





De todos os do Oriente, Jó era o mais rico, o que possuía mais terras, tinha mais gente para o seu trabalho.


Mas ale, de possuir tudo isso, Deus o considerava o mais íntegro entre todos os homens da face da terra. Ele era o mais reto da sua época, não tinha defeitos, era impecável. Depois de um tempo, sucedeu que ele perdeu seus bens, suas juntas de bois, suas jumentas, camelos, seus pessoal que trabalhava foram mortos. Quando Jó ainda estava absorvendo essa idéia, chegou um e disse que seus filhos estavam numa festa, quando um vento derribou sua casa, e mataram todos eles.


A situação não era boa, seus bens estavam acabados e sua família destruída. Sua mulher o abandonara, e para piorar, seu corpo estava podre dada à quantidade de tumores que lhe atingira da cabeça à planta do pé. Diante disso, o que fazer? Alguns iriam pular ponte, atentar contra sua própria vida, sair da igreja talvez, mas ninguém suportaria tamanha desolação.


Mas este homem suportou tudo. Ainda disse que tudo estava nas mãos de Deus, pois se Ele dá, Ele pode tirar e ainda o adorou por causa disso.


Quantos de nós faríamos a mesma coisa? Quantos de nós teríamos mesma situação? Sairíamos correndo sem controle, chorando e pranteando vários dias sem consolo. Mas Jó perdeu tudo só para ganhar da parte de Deus bênçãos sem medidas. A Bíblia diz que após seu sofrimento, ele recebeu tudo em dobro. Novas propriedades, filhos e tudo mais. Deus o considerou fiel em tudo e ele passou no teste.