sexta-feira, 30 de agosto de 2013

PERSEVERAR EM SEGUIR

Então Moisés naquele dia jurou, dizendo: Certamente a terra que pisou o teu pé será tua, e de teus filhos, em herança perpetuamente; pois perseveraste em seguir ao Senhor meu Deus.

Josué 14.9

A maioria das pessoas pensa que para alcançar as bênçãos dos céus basta se apresentar diante de Deus e suplicar a sua ajuda. Acreditam que Deus está sempre a seu dispor para atender todas as suas reivindicações e que Eles só precisam pedir e terão suas necessidades atendidas. No entanto, quando descobrem que o caminho pode ser mais íngreme e difícil do que pensavam, os homens tendem a desistir e a abandonar a sua fé.

A Bíblia narra a história dos doze espias de Israel que entraram na terra de Canaã cheios de alegria com a promessa de possuí-la. Percorreram a terra por 40 dias. Ao fim destes dias, retornaram desanimados e entristecidos com os desafios e obstáculos encontrados. Apenas Josué e Calebe não tinham o espírito conturbado, pelo contrário, ardia em seus corações a certeza de que a vitória viria.

Deus espera de nós o desejo de vencer, a busca pela vitória. Os obstáculos podem aparentar gigantes, indestrutíveis e bem maiores do que nós. Mas aquele que tem Deus em sua vida deve lembra-se sempre de que Deus é infinitamente maior do que tudo e, apenas uma só palavra Sua pode mover o impossíveis.

O filho de Deus sabe que se seguir o caminho correto, o Pai tem o prazer em realizar seus sonhos: Deleita-te também no Senhor, e te concederá os desejos do teu coração - Salmo 37.4

Fandermiler Freitas

ENCONTRAR A SI MESMO

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

PALAVRAS NÃO PRONUNCIADAS

Ouvi dizer que num túmulo, na Europa Central, há esta inscrição: "Ele morreu por causa de algumas palavras não pronunciadas".

Este túmulo pertence a um rapaz que havia trazido vergonha e tristeza a seus pais. Ele continuou vivendo miseravelmente, a despeito de suas promessas de reconciliação e da tolerância de seus pais. Por fim, a paciência de seu pai acabou.


Numa noite, quando o jovem chegou em casa bêbado, seu pai, irritado, lhe disse: "Vá embora, e não volte nunca mais".

Ao sair pela porta, o filho voltou-se e disse: "O senhor está falando sério, papai? Não é para eu voltar nunca mais?" "Estou", respondeu o pai, "Não quero mais este escândalo em casa".

O moço foi embora, e suicidou-se. O pai, triste, nunca perdoou a si mesmo por ter dito aquilo. Ao invés de pronunciar as palavras que seu filho suplicou para ouvir, o pai endureceu seu coração.

Felizmente, não é assim que acontece com o nosso Pai celestial; Ele está pronto para nos perdoar e nos receber de braços abertos, no momento em que nos arrependermos.

Toivo Rajama (Finlândia)

AMOR NA VIDA

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

O FERREIRO NOTADO POR TODOS

"E ela disse a seu marido: Tenho observado que este que passa sempre por nós é um santo homem de Deus" 

2 Reis 4:9

Em uma pequena aldeia vivia um ferreiro. Não tinha muito talento para falar, mas participava ativamente das reuniões de uma igreja local. Em uma certa noite, muito escura, um homem da localidade e que nada queria com Deus, desceu do trem na estação e começou a caminhar em direção à sua casa.

Durante o trajeto de cerca de três quilômetros, precisava atravessar uma rústica ponte de madeira que cobria um riacho que passava uns cinco metros abaixo. Devido à escuridão, acabou tropeçando e caindo sobre as pedras bem abaixo, ficando seriamente ferido. Seus gritos foram ouvidos pelos vizinhos que correram para ver o que havia acontecido. Ao se aproximarem da ponte,as primeiras palavras que ouviram do homem foram:

" Mandem buscar o ferreiro que ora."

Aquele ferreiro era reconhecido não pelo dinheiro que possuía, nem pelo seu grau de cultura nem por uma posição de destaque no local onde morava. Era lembrado como um homem de oração e certamente já havia acudido a muitas pessoas aflitas que o procuravam para interceder por seus problemas e dificuldades.

Temos nós compartilhado, com as pessoas que nos cercam, das coisas que temos experimentado diante de Deus? Temos dado um testemunho fiel de que somos servos de Cristo, fazendo com que estas pessoas se lembrem de nós quando se vêem diante de dificuldades? Ou a nossa vida é tão apagada que os nossos parentes e amigos nem percebem que somos cristãos?

Que marcas os nossos pés têm deixado ao longo de nossa caminhada? São pegadas profundas, perceptíveis a olho nu, denunciando a presença do Senhor conosco ou rastros insignificantes que sequer são notados por aqueles que passam ao nosso lado?

O que seus irmãos notam em sua vida?

Paulo Roberto Barbosa

terça-feira, 27 de agosto de 2013

DO QUE ADIANTA

Quantas vezes o homem não compreende a vida nem entende Deus. A gente acredita que por ir a igreja ou ouvir as cerimônias religiosas que estamos nos protegendo do mal ou então que Deus nos deve favores e que tem a obrigação de nos ouvir quando clamamos por ele.

O próprio Deus, falando através de Oseias, disse ao povo de Israel: "Porque eu quero a misericórdia, e não o sacrifício; e o conhecimento de Deus, mais do que os holocaustos". Por que é tão difícil de nós, pobres mortais entendermos isto?

Um rabino foi questionado por um congregado, que acabara de ser preso por dar um desfalque: "Onde está Deus, agora que preciso dele? De que me adiantou ter ido a todas as cerimônias religiosas todas as semanas, se ele não vai me tirar deste problema. na única vez que lhe peço?"

O rabino disse ao congregado: "do que adiantou assistir às cerimônias religiosas senão aprendeu que Deus não aprova que se dê desfalques? Do que adiantou frequentar se não entendeu que precisamos pedir a Deus forças para não cair à tentação. 

A pergunta realmente importante é "para que queremos Deus? Para manipulá-lo e trazê-lo para nosso lado ou para caminharmos como amigo e Senhor de nossas vida?

Baseado no livro "Quem Precisa de Deus?" - Kushner

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

A ROSA E O SAPO

Era uma vez uma rosa muito bonita, que se sentia envaidecida ao saber que era a mais linda do jardim. Mas começou a perceber que as pessoas somente a observavam de longe.
 
Acabou se dando conta de que, ao seu lado, sempre havia um sapo grande, e esta era a razão pela qual ninguém se aproximava dela.
 
Indignada diante da descoberta, ordenou ao sapo que se afastasse dela imediatamente. O sapo, muito humildemente, disse:
 

- Está bem, se é assim que você quer... Algum tempo depois o sapo passou por onde estava a rosa, e se surpreendeu ao vê-la murcha, sem folhas nem pétalas. Penalizado, o sapo disse a ela:

- Que coisa horrível, o que aconteceu com você?
 
A rosa respondeu: "É que, desde que você foi embora, as formigas e insetos me comeram dia a dia, e agora estou deste jeito, feia e morrendo e sei que nunca mais voltarei a ser o que era."
 
O sapo respondeu: "Quando eu estava por aqui, comia todas as formigas e bichinhos que se aproximavam de você. Por isso é que você era a mais bonita do jardim...

Existem pessoas que se acham mais importantes do que as outras, e por isso se acham no direito de menosprezar os outros. Mas aos olhos de Deus cada um de nós tem o seu valor, e é de grande importância que nós reconheçamos o valor que tem o nosso próximo, para termos uma vida feliz...

Que Deus abençoe a todos!

FRACASSOS DA VIDA


domingo, 25 de agosto de 2013

O TEMPO

Porque DEUS é eterno, existe fora do tempo. Não é contra o tempo, pois o criou e tudo que criou, anunciou que é bom no tempo certo.

DEUS que vê o fim e o começo, fixa nosso curso de acordo com SEU propósito e não comforme nossas necessidades imediatas. SEU ajustamento é sempre melhor do que os nossos, porque pode ver a nossa vida inteira, estabelecida dentro de todo o SEU propósito, para nós e para os outros. Sempre que queremos algo imediato é um bom momento de entendermos o SEU propósito. ELE nos diz: “Quero lhe dar o melhor, no melhor momento.”

Muitas vezez, ELE “parece chegar tarde”, mas, é o tempo certo. DEUS sempre faz as coisas irem caminhando para a maturidade dentro do SEU tempo já especificado.

Myles Munroe, em “O PROPÓSITO DE DEUS PARA A SUA VIDA”

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

O NEGRO

Estamos no restaurante estudantil de uma universidade alemã. Uma aluna loura pega sua bandeja e senta-se em uma mesa. Então, percebe que esqueceu os talheres; levanta-se para pegá-los. Ao regressar, descobre com espanto que um rapaz negro, provavelmente subsaariano devido ao seu aspecto, sentou-se em seu lugar e está comendo de sua bandeja.

Sua reação imediata é de desconcerto; sente-se agredida. Porém, em seguida, corrige seu pensamento e supõe que o africano não está acostumado ao sentido da propriedade privada e da intimidade do europeu; ou, inclusive, quem sabe não tenha dinheiro suficiente para pagar a comida, mesmo sendo tão barata para o elevado padrão de vida de nossos ricos países. De modo que a garota decide sentar-se frente ao rapaz e lhe sorri, amistosamente. O rapaz responde com outro sorriso branco. Em seguida, a alemã começa a comer da bandeja, tentando aparentar a maior naturalidade e partilhando-a com rara generosidade e cortesia com o rapaz negro. E assim, ele come a salada; ela prova a sopa; ambos comem alternadamente da mesma porção de carne refogada até acabá-la; ele saboreia o iogurte e ela a fruta...

Tudo isso entre múltiplos sorrisos educados, tímidos por parte do rapaz, suavemente alentadoras e compreensivas por parte dela. Acabado o almoço, a alemã se levanta em busca de um café. E, então, descobre na mesa vizinha por detrás dela, seu próprio casaco colocado sobre o espaldar de uma cadeira e uma bandeja de comida intocada.

LAVAR AS MÃOS

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

A CASA DOS MIL ESPELHOS

Tempos atrás em um distante e pequeno vilarejo, havia um lugar conhecido como a casa dos 1000 espelhos.  Um pequeno e feliz cãozinho soube deste lugar e decidiu visitar. Lá chegando, saltitou feliz escada acima até a entrada da casa.

Olhou através da porta de entrada com suas orelhinhas bem levantadas e a cauda balançando tão rapidamente quanto podia. Para sua grande surpresa, deparou-se com outros 1000 pequenos e felizes cãezinhos, todos com suas caudas balançando tão rapidamente quanto à dele. Abriu um enorme sorriso, e foi correspondido com 1000 enormes sorrisos. Quando saiu da casa, pensou:

- Que lugar maravilhoso! Voltarei sempre, um montão de vezes.

Neste mesmo vilarejo, um outro pequeno cãozinho, que não era tão feliz quanto o primeiro, decidiu visitar a casa. Escalou lentamente as escadas e olhou através da porta. Quando viu 1000 olhares hostis de cães que lhe olhavam fixamente, rosnou e mostrou os dentes e ficou horrorizado ao ver 1000 cães rosnando e mostrando os dentes para ele. Quando saiu, ele pensou:

- Que lugar horrível, nunca mais volto aqui.

Todos os rostos no mundo são espelhos. Que tipo de reflexos você vê nos rostos das pessoas que você encontra? O nosso olhar é a janela do nosso coração, por isso a cada dia devemos deixar que Jesus transforme o nosso ser para sermos o reflexo de Seu Amor e Testemunha viva da ação de Jesus em nós.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

NÃO ADIANTA DEVOLVER SÓ A CORDA


"Não vim chamar justos, e sim pecadores, ao arrependimento" 

Lucas 5:32

Um novo convertido foi até seu pastor e disse: "Antes de ser salvo, eu roubei uma corda do celeiro de meu vizinho. Após ler a história de Zaqueu, eu resolvi devolvê-la. Mas, meu vizinho não me perdoou completamente". O pastor, percebendo seus olhos abatidos, fez a ele uma pergunta: "Você está certo de que a corda foi tudo o que você retirou do seu vizinho, ou havia algo mais?" Envergonhado, o homem respondeu: "Eu creio que este é o problema. Eu não devolvi o que estava preso à corda -- o bezerro premiado dele!"

O que, em nós, se parece com a história daquele novo convertido? O que temos feito que se assemelha à sua atitude? Temos sido sinceros diante de Deus? Tem sido a nossa conversão genuína?

Quantas vezes já pedimos perdão pelos nossos pecados, confessando ao Senhor que erramos e que não queremos errar mais? Quantas vezes já colocamos diante do altar de Deus tudo o que impedia nossa plena comunhão com Ele, prometendo viver uma vida de pureza e santidade, e... não cumprimos nossas promessas? Quantas vezes proclamamos que nos "convertemos" e continuamos praticando os mesmos pecados de sempre?

Não adianta entregarmos "a corda" ao Senhor, se continuamos guardando o que estava amarrado a ela: fumo, bebida, drogas, conduta sexual indevida, mentiras, egoísmo, orgulho, avareza, ódio, ressentimentos e tantas outras coisas que não são adequadas a um filho de Deus convertido? Não adianta nos ajoelharmos diante de Deus, dizendo: "Tu és meu único Senhor e Salvador, se continuamos seguindo caminhos contrários a Ele. Não adianta irmos fielmente ao templo nas reuniões do fim de semana se nos outros dias continuamos indo aos mesmos lugares que costumávamos ir antes da conversão. Ou a conversão é total ou não houve conversão.

Ou a corda é devolvida com tudo o mais que estava amarrada a ela ou não adianta devolvê-la!

Paulo Roberto Barbosa

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

PARA SER FELIZ

Pois, quem quiser amar a vida e ver dias felizes, guarde a sua língua do mal e os seus lábios da falsidade

1 Pedro 3:10

Por que é tão difícil nos dias atuais ser feliz? Qual o segredo de uma vida satisfeita, em paz e vivendo a alegria? Existem milhares de livros de autoajuda e outras centenas de religiões que prometem levar o homem ao encontro do sucesso, da paz e da felicidade. Mas será que tudo isso tem conduzido o homem ao caminho da harmonia interior?

Para o apóstolo Pedro, a felicidade é consequência do modo do homem falar. É impossível ser feliz quando o coração deposita todos os dias quantidades gigantescas de ódio, raiva, rancor, maldições, desânimo e outras semelhantes sobre o viver. Se a felicidade é um estado de espírito como, então, o homem pode ser feliz se seu coração está repleto do mal? O Senhor Jesus disse que a boca fala do que o coração está cheio. 

Uma das condições para ser feliz é falar coisas boas. Conheço pessoas que nunca falam nada de bom dos outros, sempre têm uma novidade (má), um escândalo, uma palavra de desgraça do próximo. O mais incrível é que essas pessoas nunca são e nem serão felizes, sempre com problemas e uma dor incurável. Mas não entendem que a sua infelicidade é causada por sua própria língua.

Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção - 1 Pe 3.9

Entenda que é preciso abençoar o próximo mesmo quando ele fala mal de nós. Afinal, fomos chamados por Deus para a bênção nunca para o mal.

Fandermiler Freitas 

domingo, 18 de agosto de 2013

A MÁQUINA DO TEMPO

Em 1896, Wells publicou um livro intitulado A Máquina do Tempo, um conto imaginativo de um cientista que construíra uma máquina que podia transportar uma pessoa através do tempo. O viajante do tempo está preocupado com o futuro, não com o passado. Como muitos cientistas, ele acredita que o "progresso" habilitará a raça humana a construir um mundo melhor. Contudo no livro de Wells esta história de ficção científica não tem um fim feliz.

O protagonista viaja milhões de anos no futuro. Aí, o mundo torna-se frio e sombrio. Quando a neve desanimadora cai, ele vê os últimos vestígios de vida extinguirem-se. Desanimado com o crepúsculo da vida no nosso planeta, o cientista volta ao seu tempo de origem para relatar a sua angústia.

A visão bíblica do futuro é bem diferente. Ela diz-nos que Deus é Senhor do tempo: "Um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos, como um dia" (2 Pd 3:8). Nós podemos ser optimistas com o futuro porque Deus vai substituir o nosso mundo por um mundo novo.

Nos novos céus e nova terra nós experimentaremos comunhão bendita com o nosso Criador ao longo da eternidade (Ap 21:1-4). Neste momento, Jesus está a preparar um lugar para aqueles que O amam (João 14:1-3), um lugar onde "não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor" (Ap 21:4). - Dennis Fisher

JESUS ESTÁ A PREPARAR UM LUGAR PARA NÓS E A PREPARAR-NOS PARA ESSE LUGAR.

Por Extraído Nosso Andar Diário © Ministérios RBC

sábado, 17 de agosto de 2013

NO PRÓXIMO DOMINGO

...aproveitai as oportunidades.
Cl 4.5

Há alguns anos, meu pai me contou essa história. Era o final da década de 70 ou o início da de 80. Não me lembro muito bem. Naquele tempo, Dr. Tomé era quem conduzia os trabalhos na nossa igreja. Ele era médico e sozinho cuidava da saúde da cidade. Mas, aos domingos, levava a mensagem de salvação no pequeno templo de madeira que empenhara-se em construir.

Foi assim, pregando a mensagem de salvação e fazendo apelos no final de cada culto que muitos vieram a conhecer Jesus Cristo. Dentre eles, meu pai e minha mãe.

Mas uma coisa veio chamar a atenção do médico: um homem. Ele estava na casa de Deus todos os domingo. Ouvia a Palavra de Deus e saia sem dizer nada. Isso aconteceu durante algum tempo. Dr Tomé e a esposa oravam em casa pela alma daquele homem. Mas o tempo passou e nada.

Um dia, quando o homem saia da igreja, o missionário o segurou pela mão enquanto dizia boa-noite e olhando-o nos olhos, falou carinhosamente:

— Você não quer aceitar Jesus como seu Salvador?

— Hoje, não. No próximo domingo, doutor.

E a cena se repetiu por vários meses. Até que um dia, o homem não compareceu ao culto. Oito dias depois, ele também não veio. Preocupado, Dr. Tomé foi procurá-lo. Queria saber onde e como ele estava e por que não fora mais aos cultos.

Era possível, ver a tristeza do homem de Deus contando o final dessa história: "Ele morreu enquanto dormia, foi o que me disseram!"

Para aquele homem não houve próximo domingo. É perigoso quando deixamos decisões sérias e importante para depois. O tempo não nos pertence e as oportunidades podem fugir rapidamente de nós. Hoje é dia que o Senhor nos deu. Portanto, sejamos sóbrios e diligentes e não desperdicemos as oportunidades que o Pai nos dá.

Fandermiler Freitas 

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

QUERO SER ESSE TIPO DE PESSOA

"Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão" (1 Coríntios 15:58).

O mundo precisa de homens:

.. que não possam ser comprados;

.. cuja palavra seja seu compromisso;

.. que ponham o caráter acima das riquezas;

.. que sejam maiores que suas vocações;

.. que não hesitem em se envolver;

.. que não percam suas identidades no meio da multidão;

.. que sejam honestos tanto nas pequenas como nas grandes coisas;

.. que não se comprometam com o erro;

.. cuja ambição não seja limitada a seus próprios desejos egoístas;

.. que não digam que farão algo porque "todo mundo faz o mesmo";

.. que sejam verdadeiros para seus amigos, estejam eles agindo de maneira correta ou não, nos momentos de prosperidade ou adversidade;

.. que não creiam que a astúcia e a esperteza sejam as maiores qualidades para se alcançar o sucesso;

.. que não se envergonhem de manter-se do lado da verdade, quando ela for impopular;

.. que possam dizer "não", com ênfase e convicção, mesmo quando todo o resto diga "sim".

Deus, faça-me este tipo de homem.

As qualidades descritas acima são essenciais para que uma pessoa seja verdadeiramente importante. São fundamentais para uma vida vitoriosa. São atitudes esperadas em nós, que somos filhos de Deus, para que o brilho de Sua presença seja visto em nós e copiado por todos aqueles que, de igual maneira, sonham em ser bênçãos em Suas mãos.

Se o mundo precisa de homens com tão grande firmeza moral, muito mais o reino do Senhor precisa de homens e mulheres com vidas santas e determinadas, que não se deixem enganar pelas artimanhas enganosas do pecado.

Permita, ó Deus, que eu tenha estas qualidades. Quero ser uma bênção para Ti. Obrigado, Senhor.

Paulo Barbosa

FECHADOS A VERDADE


terça-feira, 13 de agosto de 2013

COMO VOCÊ ENXERGA A SUA VIDA?

O modo de você definir a vida determina o seu destino. Sua perspectiva irá influenciar o modo de você investir seu tempo, gastar seu dinheiro, usar seus talentos e valorizar seus relacionamentos.

Uma das melhores formas de compreender os outros é perguntar-lhes: “Como você enxerga a sua vida?”. Já me disseram que a vida é um circo, um campo minado, uma montanha russa, um quebra-cabeça, uma sinfonia, uma jornada e uma dança. ou “A vida é um jogo de cartas: você tem de jogar com o que lhe deram”.

Se eu perguntasse como você imagina a vida, qual figura lhe viria à mente? Tal imagem é a sua metáfora de vida. É a visão da vida que você tem, consciente ou inconscientemente. Sua velada metáfora de vida influencia sua vida mais do que você percebe. Ela determina suas esperanças, valores, relacionamentos, metas e prioridades. Por exemplo: se você pensa que a vida é uma festa, seu principal valor é divertir-se. Se você vê a vida como uma corrida, certamente valorizará a velocidade e provavelmente estará apressado a maior parte do tempo. Se você vê a vida como uma maratona, valorizará a resistência. Se você vê a vida como uma batalha, ou um jogo, vencer será muito importante para você.

Qual a sua visão da vida? Qual a sua visão da vida? Você pode estar baseando sua vida em uma metáfora falha. Para cumprir os propósitos que Deus lhe deu, você terá de contestar o pensamento convencional e substituí-lo pelas metáforas bíblicas da vida. A Bíblia diz: “Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês conhecerão a vontade de Deus.” Rm 12:2

A Bíblia oferece três metáforas que nos ensinam a visão que Deus tem da vida: a vida é um teste – Deus continuamente testa as pessoas quanto ao caráter, fé, obediência, amor, honestidade e lealdade. Os testes tanto desenvolvem quanto manifestam o caráter de alguém; a vida é uma incumbência de confiança – Nosso tempo sobre a terra, nossa energia, nossos corpo, inteligência, oportunidades, relacionamento e recursos são dádivas que Deus nos confiou para cuidarmos e administramos; e a vida é uma atribuição temporária – Para usar sua vida da melhor forma possível, você não deve nunca esquecer que a vida é extremamente breve, e que a terra é apenas uma residência temporária, então não fique muito apegado.

Essas idéias são os fundamentos da vida dirigida pelos propósitos de Deus.

Rick Warren, em “UMA VIDA COM PROPÓSITOS”

PARA FAZER MUITAS COISAS


segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Homens Comuns... E Vitoriosos

"O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará" (Salmos 23:1).

"Não existem grandes homens. Existem somente grandes desafios que homens comuns, como eu e você, somos forçados a enfrentar, de acordo com as circunstâncias." Almirante William)

Não somos grandes homens, mas temos um grande Deus. Não somos importantes, mas o nosso Senhor Jesus Cristo tem toda a importância desse mundo. Enfrentamos grandes desafios, e a todos vencemos porque o Senhor é a nossa vitória!

Antes de conhecer o Senhor Jesus éramos criaturas comuns e nada podíamos fazer. Recebendo o Salvador no coração, continuamos sendo comuns, mas não somos mais criaturas... somos filhos do Deus Altíssimo! Que mudança maravilhosa!

O Senhor passou a ser o nosso Pastor e tem nos guiado pelos caminhos da felicidade. NEle encontramos a verdadeira paz, o motivo de estarmos neste mundo, a certeza de que não caminhamos sem rumo, a bênção de estarmos seguindo para o Céu de glória onde viveremos eternamente ao Seu lado.

Para que precisamos ser grandes se o grande Deus está conosco? Para que cobiçar as grandezas materiais deste mundo se vamos desfrutar das grandezas celestiais?

Se as circunstâncias nos colocam diante de grandes desafios, confiemos no Senhor que nos ajudará a ultrapassá-los. Se a nossa bênção depende do esforço de subir uma montanha, comecemos imediatamente a caminhada. Se as dificuldades exigem paciência e fé, esperemos sem duvidar. Uma coisa é certa: em nenhum momento estaremos sozinhos.

Se em um determinado momento você se sentir fraco e seus joelhos começarem a se dobrar, aproveite e, de joelhos, levante as mãos para o céu e, diante do Grande Deus, diga somente: "Sei que me darás a vitória. Obrigado Senhor!"

Paulo Roberto Barbosa

sábado, 10 de agosto de 2013

AMANHÃ DE MANHÃ

Disse mais o Senhor a Moisés: Dize a Arão: Estende a tua mão com tua vara sobre as correntes, e sobre os rios, e sobre os tanques, e faze subir rãs sobre a terra do Egito. 

Êxodo 8.5

O livro de Êxodo narra a história da libertação do povo de Israel do Egito. Faraó escravizara r o atormentava com duros trabalhos. Deus desejava libertar o seu povo r, por isso, enviou Moisés. No entanto, Faraó, de coração duro, não deixava o posso sair. 

Dessa forma, Deus mandou dez pragas sobre os egípcios. Praga de piolhos, praga de moscas, praga de gafanhotos... e mandou também a praga das rãs – e a Bíblia diz que houve rãs por toda a parte. Devia ter sido uma bagunça: rãs pulando nos corredores do palácio, entrando para a cozinha, pulando sobre as panelas! ...outras, alcançando os quartos e subindo nas camas... Tenho certeza de que a Sra Faraó, pressionou o marido para desistir logo e acabar com as rãs.

Quando finalmente, Faraó chamou Moisés e disse: “Muito bem, eu desisto”. 

Moisés perguntou: “E quando você quer que eu acabe com as rãs?” E a resposta de Faraó foi clássica. Ele disse: “...Amanhã”. (devia estar louco! Por que esperar tanto tempo para acabar com as rãs?)!

Nós, muitas vezes, agimos de igual modo de igual diante de problema. Temos a solução, mas ficamos adindo, adiando... Que Deus nos ajude a dizer basta e agora!

TESOUROS DE DEUS

Ouvindo-o Jesus, disse-lhe: Uma coisa ainda te falta: vende tudo o que tens, dá-o aos pobres e terás um tesouro nos céus; depois, vem e segue-me.


Lucas 18:22
 
Existe uma ilha no Chile, denominada Robinson Crusoé onde afirmam haver um tesouro pirata escondido no valor de 10 bilhões de doláres. Durante décadas aventureiros e especialistas têm dedicado tempo e dinheiro a sua busca. Agora, uma empresa afirma ter descoberto o local onde ele está e o governo se prepara para desenterrá-lo.
 
Na História do Jovem rico, Jesus propôs uma troca: os tesouros materiais do jovem na terra pelo de Deus no céu. Os tesouros de Deus é um direto do homem que vive a verdade em Jesus. Deus o oferece de graça ao homem que o busca e o quer receber.
 
No entanto, o jovem rico desprezou estes tesouros e se foi triste pelo caminho. Na vida, também tenho testemunhado muitas atitudes assim - pessoas que têm trocado os tesouros de Deus pelo do diabo, preferido a miséria e a sequidão espiritual à paz, alegria e felicidade interior, que acompanham os tesouros que Cristo conquistou na cruz.
 
Aquele que tem Jesus na vida é rico, não de uma riqueza banal, passageira, mas das riquezas espirituais em Cristo Jesus e estas riquezas acompanham o homem a eternidade.

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

O MENDIGO E A IGREJA

Assim que fora designado à pastorear uma Congregação aonde a Igreja se reúne bem maior (com cerca de 10 mil membros), o Pr Jeremias Steepek se disfarçou de maltrapilho e se dirigiu para o enorme Templo onde eles se reuniam. Ao chegar lá, caminhou em torno da mesma por uns 30 minutos enquanto o mesmo se enchia de pessoas para o culto de apresentação do novo pastor. Lá fora, apenas uns quinze membros (dentre aquela multidão) o cumprimentou ao passar por ele, e mesmo assim, com um “oi” desconfiado... Então ele começou a pedir alguns trocados pra comprar o que comer, mas ninguém – nenhuma boa alma – o atendeu! Dali, ele subiu as escadarias e entrou no templo, e tentou sentar-se nos primeiros bancos (próximo ao altar), mas os diáconos o encaminharam para a parte de trás, lá no último banco, onde ele permaneceu por um tempo, acenando à todas as pessoas que entrava, e que lhes devolvia olhares de julgamento e desprezo como que o avaliando de cima para baixo, se sentissem superioras.

De onde estava, escutou tranquilamente todo o inicio da liturgia, até que a liderança, fazendo uso da palavra, anunciou:

- Irmãos, recebi uma ligação do Pr Jeremias, em que ele confirma já estar em nosso meio, nós ainda não o conhecemos pessoalmente, mas teremos o privilégio de fazê-lo agora. Nesse momento, gostaríamos que o reverendíssimo Pastor Jeremias Steepek ficasse de pé - para que todos nós o conhecêssemos - e que se dirigisse à essa tribuna de honra, para tomar posse como o líder maior da nossa amada Igreja...

Em expectativa, todos aplaudiam, ao mesmo tempo em que olhavam ao redor tentando descobrir de quem se tratava, mas somente o mendigo se levantou... e os aplausos pararam! O pedidor de esmolas então se encaminhou pelo corredor e foi até ao púlpito, foi talvez o momento mais constrangedor e embaraçoso para aquela gente, e sem cerimônias, ele tomou o microfone das mãos do presbítero e falou:

- Então o Rei dirá aos que estiverem à sua direita: “Venham, benditos de meu Pai! Recebam como herança o Reino que lhes foi preparado desde a criação do mundo. Pois eu tive fome, e vocês me deram de comer; tive sede, e vocês me deram de beber; fui estrangeiro, e vocês me acolheram; necessitei de roupas, e vocês me vestiram; estive enfermo, e vocês cuidaram de mim; estive preso, e vocês me visitaram”. Então os justos lhe responderão: “Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer, ou com sede e te demos de beber? Quando te vimos como estrangeiro e te acolhemos, ou necessitado de roupas e te vestimos? Quando te vimos enfermo ou preso e fomos te visitar?” O Rei então responderá: “Digo a verdade, o que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos, a mim o fizeram”.

Depois de haver recitado o texto de Mateus 25: 34-40, olhou a congregação e lhes contou tudo que havia experimentado naquela manhã. Muitos começaram a chorar, muitas cabeças reclinaram-se por aquela tamanha vergonha. O pastor disse então:

- Hoje vejo uma reunião de pessoas, não a Igreja de Jesus Cristo. O mundo tem pessoas suficientes, mas não suficientes discípulos. Quando é que vocês se tornarão discípulos?

Aquela Igreja nunca mais foi a mesma a partir daquele dia...

Ser cristão é muito mais que algo que a gente simplesmente defende. É preciso viver e compartilhar nossas experiências e sermos a Igreja que Deus quer... E então! Será que se essa experiência acontecesse no Templo em que sua Igreja reune, alguém se salvaria???

Silvana Lacerda

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

ALGUÉM AMA VOCÊ


Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós.

Romanos 5:8




Dificilmente podemos imaginar amor maior do que o de um jovem por aquela mulher com quem decidiu casar-se. Mas há um amor com um elevado grau de intimidade, mas sem nenhum sinal visível e nenhuma motivação egoísta. É um amor que você pode experimentar. Nem mesmo o amor da mãe mais terna e dedicada pode comparar-se a ele. Você pode sentir-se só e pensar que ninguém lhe entende; talvez passe pela vida sem saber o que é o amor realmente. Todavia há Alguém que ama você e quer preencher sua vida com gozo e amor.

Ele se importa, procura e tem feito muito por você: pagou a sua dívida, providenciou-lhe um lar e tem uma herança guardada para você. Faz de você o feliz filho de um Rei. Ele cuida de todas as suas preocupações, remove todos os seus problemas e enxuga as suas lágrimas.

Você pode perguntar: “Será isso verdade?” Sim, verdadeiramente! Que fato maravilhoso e alegre! Esta Pessoa maravilhosa não é outra senão o Criador de todo o universo, o Deus todo-poderoso e eterno, que tem tudo à Sua disposição. Você pode alegrar-se com o fato de que Deus lhe ama.

Por um genuíno amor a você, Ele enviou Seu único Filho para sofrer o juízo e a morte a fim de lidar com os seus pecados. isso teria de ser feito antes que Deus pudesse torná-lo filho dEle. E é por isso que o Senhor Jesus veio ao mundo para morrer pela culpa de outros. Ele derramou Seu sangue para lhe purificar e lhe dar Sua vida, a fim que você receba a vida eterna. Não rejeite Seu maravilhoso amor. “Quem crê no Filho tem a vida eterna” (João 3:36).

FELICIDADE NA TERRA


quarta-feira, 7 de agosto de 2013

SE O PROFETA OU SONHADOR

Quando profeta ou sonhador de sonhos se levantar no meio de ti, e te der um sinal ou prodígio, e suceder o tal sinal ou prodígio, de que te houver falado, dizendo: Vamos após outros deuses, que não conheceste, e sirvamo-los;

Deuteronômio 13.1-2

Vivemos tempos de muita agitação religiosa. O número de denominações evangélicas tem crescido muito e com elas surgem figuras humanas oferecendo milagres, curas, prosperidade, restaurações e muitas outras coisas. Nada contra, no entanto se faz necessário muita cautela para que não venhamos ser envolvidos pelo mal em nossa ânsia de nos aproximar de Deus.

O Próprio Deus, no versículo acima, adverte ao Povo de Israel para ter cuidado, porque surgiriam homens que se autodenominariam profetas e que fariam sinais, milagres, prodígios, realizariam sob suas palavras o miraculoso. Estes homens teriam a aparência de homens de Deus e estariam entre o povo de Deus. No entanto, eles pregariam uma doutrina contrária a essência de Deus e levariam seus seguidores ao inferno.

Ouça o que Deus disse sobre esses homens: "Não ouvirás as palavras daquele profeta ou sonhador de sonhos; porquanto o Senhor vosso Deus vos prova, para saber se amais o Senhor vosso Deus com todo o vosso coração, e com toda a vossa alma... E aquele profeta ou sonhador de sonhos morrerá, pois falou rebeldia contra o Senhor vosso Deus"

Precisamos ter muito cuidado com os nossos "líderes", pois não é o seu "poder" que vale ou determina se ele é um homem de Deus. Mas, unicamente, se ele vive e prega o autêntico Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo. 

Fandermiler Freitas

terça-feira, 6 de agosto de 2013

MESMO EM SEUS PIORES DIAS

Não existe nada de errado em se ter dias ruins, mas existe tudo de errado em fazer com que os outros tenham dias ruins…com você. Neil Cavuto
Quando o seu mundo está coberto de nuvens escuras, aí está também um excelente motivo para você ser uma fonte de luz. A qualidade da sua vida jamais depende dos desafios que estão à sua frente, mas, sim, da pessoa que você se torna depois de confrontar esses desafios.

Hoje é um dia bonito porque ele é a manifestação da graça e bondade de Deus. Existem miríades de oportunidades para crescimento e satisfação pessoal em muitas e diversas direções. Se as pessoas ao seu redor estão exalando ódio e manifestando atitudes mesquinhas, você tem uma real oportunidade de fazer uma diferença porque os difíceis desafios que se levantam em seu caminho são os mesmos que escondem preciosos tesouros que estão apenas esperando para serem descobertos.

Não importa onde você estiver, não importa o que você tenha que hoje enfrentar, decida viver a beleza deste dia que Deus está acrescentando à sua vida. Ao fazer assim, até mesmo o mundo ao seu redor irá mudar para melhor.

Para Meditação:

Busquei ao Senhor, e ele me respondeu; livrou-me de todos os meus temores. Salmos 34:4

Nélio DaSilva
http://www.encorajamento.com/index.php

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

INIMIGOS

Quando cair o teu inimigo, não te alegres, nem se regozije o teu coração quando ele tropeçar;

Provérbio 24:17 

Ter amigos é muito bom! Eles fazem a gente se sentir bem, amar a vida e aproveitar as oportunidades de felicidade. No entanto, quando se têm inimigos a vida precisa ser vivida com cautela, determinação e dedicação, porque qualquer passo em falso pode tornar-se numa grande confusão.

A grande dificuldade em se ter inimigos é não se deixar contaminar pela maldade, palavras e ações do outro. O Senhor Jesus disse aos seus discípulos uma coisa que até hoje me impressiona: "Amai a vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam" (Lc 6.27)

Um cristão que vive o autêntico evangelho do Senhor Jesus vive uma vida diferente do mundo e não age como os demais que não conhecem a Deus. É Possível Ele possui inimigos? Claro! O seu modo de viver incomodará a muitos! O próprio Senhor Jesus Cristo possuía alguns!
A diferença é que o Cristão não procura o mal para os seus opositores: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus (Mateus 5.44)
Viver assim é muito difícil, mas não impossível quando Deus está no controle da nossa vida. Rogo ao Pai que me ajude a viver este padrão, porque o nosso coração é mal e deseja revidar ou, ainda, usar de mais rigor com aqueles que nos aborrecem. Mas Lembremos o que Deus espera de nós.
Fandermiler Freitas 

A IMAGINAÇÃO


sexta-feira, 2 de agosto de 2013

NÃO SEJA UM MERCENÁRIO

O Servo do Senhor deve se portar como o tal, espelhando-se sempre nos exemplos deixados pelo Mestre. Ao nos apresentarmos perante Deus, é necessário que estejamos com nossas vidas no altar, sendo incansáveis defensores da verdade, santidade e justiça.

 As atitudes mostram não só o caráter individual, mais na maioria das vezes a condição espiritual também, nas escrituras sagradas encontramos ótimos exemplos a serem seguidos, assim como maus a não serem seguidos. Devemos estar alerta para não sucumbirmos aos nossos próprios desejos, os quais se não forem controlados podem levar o crente a se tornar um mercenário, que através do engano do prêmio de Balaão se tornará corrupto e ganancioso o suficiente, a ponto de apostatar da fé.
O servo bom e fiel deve estar sempre compromissado em fazer a vontade do pai, e não à vontade dos influentes, poderosos, abastados etc. Pois sua recompensa deve ser almejada para o porvir, e não para esta vida, o crente deve deixar de lado o imediatismo fugindo da tentação do “tudo agora”, pois veja o que ocorreu com Esaú, pagou a satisfação de um desejo momentâneo, com a benção de sua primogenitura (Gen. 25:30-34; Hb. 12:15,16).
O cuidado e a cautela se fazem necessário, Satanás é especialista em criar valores para o Homem, então muita calma com os manjares, homenagens, títulos e riquezas que lhes são oferecidos, pois isso servirá para semear a ganância em seu coração.
Para não correr o risco de ser enganado pela doutrina de Balaão, é necessário amar a Deus sobre todas as coisas, só o amor de Deus poderá faze-lo forte para resistir a está tentação (Rm. 8:35-39).
       
Marcio Martins dos Santos

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

AMIGO DE VERDADE

William Stidger narra como um rapazinho que jazia na mesa de opera­ção, tendo de sofrer uma intervenção séria, pediu ao pai que ficasse com ele para lhe segurar a mão enquanto o médico o anestesiava. Justamente antes de lhe colocarem a máscara de éter, ele olhou para o pai, e disse com inteira confiança:

— O senhor ficará comigo até o fim, não é, papai?

O pai respondeu com lágrimas de compreensão: - Certamente ficarei, meu filho.

Eis o que significa a verdadeira amizade. Significa acompanhar por todo o caminho, até o fim. O amigo que é mais chegado do que um irmão, Jesus, nosso melhor amigo, acompanha por todo o caminho. Ele diz: "De maneira alguma te deixa­rei nunca jamais te abandonarei. E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século" (Hb 13.5; Mt 28.20). Cultivemos-Lhe a amizade e, à Sua semelhança, sejamos um amigo verdadeiro para todos - os que têm e os que não têm amigos.

SER BEM SUCEDIDO