sábado, 31 de dezembro de 2016

CURA-ME

Aconteceu que, estando ele numa das cidades, veio à sua presença um homem coberto de lepra; ao ver a Jesus, prostrando-se com o rosto em terra, suplicou-lhe: Senhor, se quiseres, podes purificar-me.

Lc 5.12


A lepra era a mais terrível das doenças daquele tempo. Por ser contagiosa, as pessoas eram retiradas de suas casas e vivam isoladas em lugares a eles destinados. Longe da família e dos que amavam.

Ao aproximar-se de Jesus, um leproso ajoelhou-se e suplicou "se quiseres, podes purificar-me". Se pudéssemos olhar o que Jesus viu dentro do coração daquele homem, veríamos um suplicante pedido: cura-me Senhor, dá-me mais uma chance de viver minha vida, quero minha família de volta, meus amigos, abraçar meus filhos, ir à sinagoga.

Todo mundo tem marcas profundas na alma, sombras ainda dos desencontros da vida, cicatrizes de agonias e dilemas passados. É o que os psicólogos chamam de experiências. Todo homem tem que saber conviver com elas.

No entanto, há pessoas que não conseguem seguir em frente, porque as dores passadas os consomem. Seus olhos estão constantemente olhando o passado, não enxergam o futuro nem vêem as belezas da estrada. Estão presos a drogas, vícios, pecados e tristezas. De tal forma envolvidos que perderam a família, os amigos, a alegria, o sentido de viver, e outros, vivem como se tivessem perdidos.
Minha oração é que esses encontrem Jesus e tenham a fé e a súplica sincera para que Jesus possa estender-lhe sua mão e tocá-los. Assim como ele curou aquele homem e me ajuda a continuar caminhando, rogo por eles, para que todos possam dizer como Davi: O senhor é o meu pastor, nada me faltará.

Anjos de Resgate - Cura-me.


O MELHOR DE CADA MOMENTO

Eu tenho descoberto que a coisa mais importante nesta vida não é onde estamos posicionados; mas sim para onde estamos indo. 

Oliver Wendell

Um dia você olhará para traz e se lembrará do dia de hoje e se perguntará: “Por que eu tive tanto medo de tomar aquela ação?” Um dia você olhará para traz e se lembrará do dia de hoje e se perguntará: “Por que permiti que simples inconveniências da vida me deixasse para baixo impedindo de ver um horizonte mais abrangente?” Um dia você olhará para traz e se perguntará: “Por que é que eu não fui mais disciplinado e mais focalizado?” 

O que você lamentaria não estar fazendo hoje, se pudesse olhar atrás daqui a dez anos? O que você consideraria importante sobre hoje, olhando para trás? Quais seriam as oportunidades tão evidentes, as quais hoje está passando desapercebido por você? 

Uma vida de valor e significado é algo que você constrói com o passar dos anos. Com a graça de Deus e confiança em Suas promessas você pode construir uma nova vida através de uma oportunidade que talvez não possa vir novamente. Embora seja impossível saber o que o futuro lhe trará, uma coisa porém é absolutamente certa: não haverá lamento e nem pesar no futuro se você retirar o melhor de cada momento. 

Para Meditação: Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus. E também faço esta oração: que o vosso amor aumente mais e mais em pleno conhecimento e toda a percepção, para aprovardes as coisas excelentes e serdes sinceros e inculpáveis para o Dia de Cristo. Filipenses 1:6,9-10

Nélio DaSilva

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

NÃO TENHO NADA

Quando você dispõe de uma base para iniciar um empreendimento, ou de alguma garantia que o apoie na busca de resultados para seus esforços, tudo parece mais fácil.

Partir do nada ou quase nada é, no entanto, algo muito diferente, e não há muitos que se aventurem a tal salto no escuro.

Observe, por outro lado, que Deus é aquele que pode tornar o valor zero de qualquer pessoa em uma grande cifra.

Foi assim que Ele criou a luz na fundação do mundo, e também foi assim que Jesus multiplicou pães e fez vinho de água pura.

Se está se sentindo abatido, derrotado e sem forças, é chegado o momento de buscar Deus. Ele dará a você um suprimento completamente novo e inesperado do Seu poder, pelo oferecimento de oportunidades surpreendentes para sua vida presente e futura.

"Multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor" Isaías 40:29

Pastor Elcio Lourenço

UMA PALAVRA



quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

PARDAIS E VOCÊ

"Não temais pois! Bem mais valeis vós do que muitos pardais." 

Mateus 10.31.

Hoje é aniversário de nascimento de John James Audubon, pintor de pássaros. Ele publicou um livro com os seus desenhos chamado Pássaros da América. Talvez você já tenha visto um filme de TV sobre a vida selvagem da autoria de Audubon. Ou quem sabe você já tenha tomado parte num estudo sobre conservação do solo, água, plantas, e a vida selvagem sob o patrocínio de uma sociedade que leva o nome de Audubon.

Um dia, estando o pequeno Jonh brincando no jardim, ele ouviu um leve e estranho ruído que vinha de uma roseira perto do portão de entrada.
Ajoelhando-se ele se rastejou cuidadosamente por entre os longos e espinhentos galhos. Pôde então ver uma espécie de pequena bola de penugem. Com o maior cuidado possível ele se aproximou dos ramos entrelaçados e pegou na mão um filhote de pássaro.
"Pobre filhotinho perdido!" ele disse. "Você deve ter caído do seu ninho original. Não se aflija, eu cuidarei de que sua mãe o encontre." Mas embora procurasse por toda parte, não conseguiu encontrar o ninho.

"Você pode fazer para ele um ninho numa caixa pequena" a mãe sugeriu. "Utilize algodão macio para forrar o ninho, e então cuide de alimentá-Io.” Logo John estava com o ninho pronto para o filhote. Mas este se encolheu num canto com os olhos fechados e recusou comer. A tarde estava morto.

John correu em soluços para a mãe. Ela enxugou-lhe as lágrimas e apertou-o ao coração. Então lançou mão de uma Bíblia que estava sobre a mesa próxima.

"Ouça", ela disse. "quero ler alguma coisa para você: 'Não se vendem dois pardais por um asse? E nenhum deles cairá em terra sem o consentimento de vosso Pai.' " Este verso fez John sentir-se melhor. Ele tem uma mensagem para nós também. Se nem mesmo um pequeno pássaro cai ao solo sem o conhecimento de Deus. Acha que alguma coisa pode acontecer a você sem que Deus saiba e cuide? Ele vê toda vez que você cai. Ouve toda vez que você chora. Nada que lhe aconteça é demasiado pequeno para que Ele desconheça.
Deus ama os pardais e cuida deles - e de você também.

The World Book Encyclopedia, vol. 1, 1973, págs. 860 e 861.

BOA AÇÃO


terça-feira, 27 de dezembro de 2016

NOSSA VIDA MUDA QUANDO DECIDIMOS MUDAR

Um dia, eu perdoei meu inimigo
e fui forte…

no outro eu pedi perdão
e fui grande.

Um dia, mostrei minhas razões
e fui eloqüente

e…no outro, ouvi meu próximo
e fui humano.

Um dia, lutei pela minha causa
e fui bravo..

no outro, lutei pela causa alheia
e fui gente.

Um dia, batalhei pelo que queria
e fui perseverante…

no outro, dividi o pão
e fui rico!

Um dia, recebi aplausos
e fui admirado…

no outro, fiz o bem em silêncio
e os anjos me aplaudiram.

Um dia, usei a inteligência
e fui respeitado…

no outro, usei o coração
e fui amado!

Quando me dei conta minha vida mudou quando mudei minhas atitudes diante da vida e dos fatos.


MUDAR DE VIDA


segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

EXISTE UMA RAZÃO

O que você vê como um problema pode não ser um problema; simplesmente pode ser algo conspirador da parte de Deus em seu favor. David Jeremiah

Nada – partindo da perspectiva de Deus – sai errado. O que existe, existe por uma razão. Quando as coisas não saem como você planejou, entenda que existe uma razão para isso. Quando você não alcança o que havia proposto, existe uma razão. 

E da mesma maneira que existe uma razão porque as coisas são do jeito que são, existe também uma maneira de mudá-la. Para alcançar diferente resultados é necessária uma estratégia diferente, é necessário entender a causa porque as coisas não ocorreram como esperado. 

Entenda a causa, entenda a razão e os próximos resultados poderão ser completamente diferentes. Existe uma razão por detrás de tudo que acontece. Faça com que essa razão venha trabalhar a seu favor. 

Para Meditação: Para tudo há uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu. Eclesiastes 3:1 

Por Nélio DaSilva

NUNCA SOZINHO


domingo, 25 de dezembro de 2016

HOJE É NATAL!

Havia, naquela mesma região, pastores que viviam nos campos e guardavam o seu rebanho durante as vigílias da noite.
Lucas 2.8

Alguns afirmam categoricamente que a data do nascimento de Jesus Cristo está errada, não foi dezembro, provavelmente março ou abril, afinal os pastores estavam à noite nos campos cuidando das ovelhas, isso só aconteceria no verão, e dezembro era inverno.

Mas isto pouco importa, o importante é o espírito de gratidão que deve envolver nossos corações. Hoje era para ser um grande dia de festa muito mais do que quando a seleção ganha Copa do Mundo ou do que nosso aniversário. Natal simboliza o nascimento de Jesus Cristo.

Em nossa região, no início do século passado quando os nordestinos desbravam as florestas, eles criaram um código para anunciar o nascimento de uma criança - tiros de espingarda. Desafio você que neste natal grite ao mundo: Jesus nasceu para nos salvar!

Faça como todos os envolvidos no primeiro natal: louve, adore e se aproxime do menino-Deus com hinos e louvores, presentes e amor no coração. Há mais de dois mil anos ele veio a este mundo por causa de você e eu.

Um Feliz natal, na paz de Nosso Senhor Jesus Cristo, o menino que nasceu lá em Belém.

NATAL

sábado, 24 de dezembro de 2016

NASCER MIL VEZES


FELICIDADE, PRESENTE DE NATAL!

Lucas 2:11 - "É que vos nasceu hoje, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor".

Certo comediante relata que houve um tempo obscuro em sua vida em que nada o fazia sorrir. Disse ele: "Tudo em minha vida dava errado. Vivia sem esperança e sentia-me completamente inútil." Ao aproximar-se o Natal, seu filho pequeno lhe perguntou o que desejaria ganhar de presente.

Este homem, desanimado, respondeu: "Felicidade - e você não pode me dar isso." Quando chegou o Dia de Natal e a família abriu seus presentes, o menino entregou a seu pai um pedaço de papelão onde estava escrita com letras um tanto rabiscadas, a palavra felicidade. O menino disse: "Veja, papai, eu posso lhe dar felicidade!"

Há um costume entre o mundo cristão de se trocar presentes no Dia de Natal. Embrulhos coloridos, laços dourados e crianças ansiosas à espera do tão sonhado presente. Além do brilho da ornamentação característico desta festa de fim de ano, vemos a família reunida, a mesa arrumada, de acordo com o poder aquisitivo de cada um, com as mais deliciosas iguarias. É uma noite de muita alegria para todos.

E o que acontece por ocasião do Natal? O que ele tem significado para nós além de uma noite festiva? Temos tratado o Natal apenas como um dia onde damos e recebemos presentes de amigos e parentes ou representa algo muito mais profundo e marcante para nossa vida cristã?

O filho daquele homem, naquela noite de Natal, trouxe grande alegria ao coração do pai, mas a verdadeira felicidade não vem de um amigo ou parente, mas do próprio dono da festa, Jesus Cristo, esta é a razão do natal. Ele nasceu para que comemorássemos o Natal, para que tivéssemos os pecados perdoados, para nos dar vida e vida com abundância, para que nossos nomes fossem escritos no Livro da Vida, para que a felicidade não fosse apenas uma palavra escrita em um pedaço de papelão, mas fosse real e abundante para toda a eternidade.

Jesus nasceu em uma manjedoura em Belém, e continua nascendo a cada dia em nossos corações. Ele colore e dá brilho à nossa existência e firmados nele, comemoramos o Natal todos os dias do ano.

Deixe Jesus lhe dar a felicidade e retribua o presente dando-lhe o seu coração.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

DOIS BRINQUEDOS

Passeando com sua avó em um shopping, o menino se encantava com os brinquedos expostos nas vitrines. Vendo o interesse do neto, a senhora lhe perguntou: 

– O que você gostaria de ganhar de presente no Natal, querido?

– Ah, vovó, eu queria ganhar dois caminhões, dois carrinhos com controle remoto e dois video-games.

A avó, intrigada com o pedido do neto, indaga-lhe: "Mas por que você quer dois brinquedos de cada?"

– Assim, vovó, eu poderei compartilhar com meus amiguinhos os brinquedos que ganhar.

Bom seria se todos nós tivéssemos o mesmo pensamento do menino de nossa ilustração. Quão felizes seríamos se aproveitássemos o Natal para deixar de lado nosso egoísmo, nossas vaidades, nossa indiferença em relação ao nosso próximo e procurássemos compartilhar aquilo que temos de melhor.

CEGO NO NATAL

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

CELEBRAR O NATAL EM SEU CORAÇÃO

Lucas 2.19 - "Maria, porém, guardava todas estas palavras, meditando-as no coração”.

Quando aconteceu o primeiro Natal, lemos acerca daquela jovem mãe. Além de Maria ter sido escolhida para dar à luz ao Salvador, ela também é um exemplo de como devemos refletir sobre o verdadeiro significado do Natal.

Depois que Maria ficou sabendo de todas as coisas que os anjos haviam dito acerca do menino Jesus, essas palavras calaram profundamente em seu coração! Lemos: "E, (os pastores), vendo-o (Jesus) divulgaram o que lhes tinha sido dito a respeito deste menino. Todos os que ouviram se admiraram das coisas referidas pelos pastores. Maria, porém, guardava todas estas palavras, meditando-as no coração" Lucas 2.17-19. Não está escrito apenas que Maria "guardava todas estas palavras ...no coração", pois lemos que ela "guardava todas estas palavras, meditando-as no coração". Isso significa que seu coração estava envolvido nos acontecimentos, que ela não apenas tinha ouvido a mensagem do Natal e ficado impressionada por um momento com o que escutara. Ela ouviu essas palavras e continuou a pensar sobre elas; ela ocupava-se com o que tinha ouvido e repetidamente sentia-se tocada e movida com a lembrança de palavras tão significativas.

É assim que devemos celebrar o Natal. É assim que devemos nos ocupar com a mais importante mensagem que jamais chegou até nós, seres humanos: Jesus veio a este mundo! Que possamos neste início de semana começarmos a refletir na data que relembra o nascimento de Jesus, o nosso Salvador e guardarmos estes acontecimentos em nosso corações.

ENCONTRAR O NATAL

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

AMOR NA LATINHA

A ninguém devais coisa alguma, senão o amor recíproco.



Romanos 13.8

Dois irmãozinhos maltrapilhos, um de cinco anos e o outro de dez, iam pedindo comida de porta em porta.

Depois de muitas portas na cara, acabaram ganhando uma latinha de leite condensado.

Que festa! Ambos se sentaram na calçada. O maior fez um furo na latinha, levou-a à boca, sorveu só uma gotinha e passou a lata para o menor.

- Agora é a sua vez.

O pequeno chupava o leite condensado com um prazer indescritível.

Para evitar que ele bebesse muito depressa, o maior tomava-lhe a lata e dava à entender que ia beber à vontade, mas, só molhava os lábios, para deixar mais leite para o caçula.

- Agora é a sua vez. Só um pouquinho, heim...

Quando o leite acabou, o mais velho começou a cantar, a sambar e a jogar futebol com a lata vazia. Estava radiante.

O estômago vazio, mas o coração cheio de alegria.


E recomeçaram sua caminhada de porta em porta.

O ESPÍRITO DO NATAL

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

COMO ENRIQUECER SUA VIDA

As pessoas de um modo geral estão buscando riquezas quando, na realidade, o que elas precisam é de satisfação interior. Robert Concklin

Aprenda a apreciar o nascer do sol e você ficará mais rico a cada manhã. Aprenda a apreciar os desafios e dificuldades e você irá perceber que aquelas mesmas coisas que paralisam a maioria das pessoas serão as mesmas que irão lhe energizar. Aprenda a amar as pessoas ao seu redor e a sua riqueza irá se multiplicar em cada vida que você tocar. 

A verdadeira riqueza não consiste em obter aquilo que você deseja. Riqueza cheia de significação consiste em amar aquilo que você tem e ser aquilo que você realmente é. Sob muitos e variados aspectos, você já é muito rico. Aprenda a amar e a valorizar aquilo que, graciosamente, por Deus já lhe foi dado e você verá ainda maiores riquezas sendo acrescentado à sua vida. 

O que é que você realmente aprecia, ama e valoriza? Onde é que você encontra o mais autêntico senso de gratificação pessoal? Chances mui fortes existem de que, aquilo que você ama, valoriza e aprecia, serão essas mesmas coisas que irão enriquecer a sua vida. 

Para Meditação: O galardão da humildade e o temor do Senhor são riquezas, e honra, e vida. Espinhos e laços há no caminho do perverso; o que guarda a sua alma retira-se para longe deles. Provérbios 22:4-5

Nélio DaSilva

ÍDOLO

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

VENCENDO TODAS AS GUERRAS

"E o Senhor lhe dava a vitória por onde quer que ia" (2 Samuel 8:6).

William Barclay sugere que "Paracleto" venha do termo usado para uma pessoa que acompanhava um exército grego. Era sua tarefa encorajar os soldados quando eles perdiam uma batalha. Ele, quando isso acontecia, dizia: "Vocês perderam apenas uma batalha e não a guerra inteira." Ele não levava armas mas servia de motivador e conselheiro na hora das provas. O "Paracleto" diria após uma vitória: "Vocês ganharam apenas uma batalha e não a guerra inteira." Da mesma forma Deus, através do Espírito Santo, encoraja-nos a seguir firmes e confiantes durante todas as batalhas.

A nossa vida é cercada de grandes batalhas. Temos de saber enfrentá-las e estar preparados tanto para as vitórias como para as derrotas. Temos que crer que nenhuma das duas situações é definitiva e que Deus tem experiências a nos dar tanto em uma como em outra.

Às vezes nos vangloriamos pelas grandes conquistas e até esquecemos de que Deus esteve ao nosso lado nos ajudando em todos os momentos. Outras vezes nos deixamos abater por um repentino fracasso esquecendo de que Deus estava também ao nosso lado e que tudo servia para nossa edificação e crescimento espiritual. O que realmente importa é que, em qualquer situação, estejamos confiantes e louvando ao Senhor por tudo. Afinal, quando estamos caminhando no centro de Sua vontade, somos e seremos sempre "mais do que vencedores."

Somos filhos de Deus e desejamos ardentemente servi-Lo com toda determinação e prazer. As vitórias e derrotas fazem parte dessa caminhada. O "Paracleto" de Deus, o Seu Espírito, estará conosco e nos conduzirá em alegria. O coração do Senhor se regozijará e nós seremos muito felizes.

Perdendo ou ganhando batalhas, com o Senhor você sempre vencerá todas as guerras.

Paulo Roberto Barbosa

DESCOBRIR O AMOR

domingo, 18 de dezembro de 2016

SEM ACORDO

Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. 

Tiago 4:7

A vida cristã tem propósitos e objetivos claramente definidos na Bíblia. E não é fácil alcançar o padrão exigido por Deus. Há sempre lutas a serem travadas na alma, no coração no mundo e os inimigos são os mais diversos: paixões e desejos da carne, o próprio homem, o mundo que o cerca e, às vezes, os seus mais chegados amigos, etc.

Por isso, É preciso ter cuidado com os inimigos, já que na vida do cristão existem coisas que não podem ser negociadas e acordo que jamais podem ser feitos. Se isto acontecer, estaremos pondo em risco o nosso relacionamento com Deus e o nosso caráter estará sendo influenciado para o mal.

Não sei o que Judas pensava ao procurar os sacerdotes para negociar sua traição a Jesus? Mas ele não encontrou nada do que imaginava. Diz a Bíblia que ele pegou sua pequena recompensa e devolveu aos sacerdotes. Mas já era tarde... O mal tinha sido semeado e seu coração fora contaminado de tal forma que a dor, a tristeza e o remorso o levaram ao suicídio.

É preciso compreender que há coisas que o cristão não pode negociar com ninguém. São inegociáveis. Provérbios nos diz: "sobre tudo o que se deve guardar, guardo o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida"

Que Deus nos ajude a dizer não aos nossos inimigos.

ACENDA UMA VELA


sábado, 17 de dezembro de 2016

A PORTA ABERTA

"Melhor é buscar refúgio no Senhor do que confiar no homem." Salmo 118:8

Prédios adicionais eram necessários para o Colégio de Avondale, mas não havia dinheiro. O presidente da Missão Australiana, A. G. Daniels, se dirigiu aos madeireiros, aos serralheiros, aos construtores, e pediu-Ihes que vendessem material e trabalhassem a crédito.

Prometeu-Ihes efetuar o pagamento tão logo chegasse um dinheiro que estava aguardando da Associação Geral, provavelmente na primeira semana de maio.

Maio chegou, e chegou também a mala postal. Sim, havia uma carta, mas nenhum cheque! A igreja na América estava tendo problemas ela mesma e os irmãos sugeriam que os planos de construção fossem suspensos.

Era muito tarde para esta medida. Que devia fazer o Pastor Daniels? Ele se dirigiu ao bosque de eucaliptos e clamou a Deus pedindo ajuda. Permaneceu ali toda a noite, e na manhã do dia 3 de maio veio-lhe a certeza de que Deus proveria o dinheiro. Logo após a refeição matinal o Pastor Daniels saiu para a cidade, confiante de que encontraria o dinheiro.

Na manhã seguinte ele leu na hora do culto Dan. 6:16. As palavras "Que Ele te livre" pareciam estar ali em letras maiúsculas na página.

Isto lhe deu fé para crer que Deus proveria o dinheiro para livrar o colégio de uma situação embaraçosa. Na margem ele escreveu: "7:30 da manhã. 4/5/99." Nessa tarde às 4 horas ele e um amigo resolveram passar por determinado banco. Embora já houvesse passado da hora de fechar, a porta estava ainda ligeiramente aberta. Os dois entraram e o banqueiro disse desconcertado: "Como conseguiram entrar?" "A porta estava aberta e nós simplesmente entramos", os homens responderam.

O banqueiro sabia que havia fechado a porta a chave e passado a corrente com cadeado. No entanto ali estavam dois homens diante dele que haviam entrado por essa porta fechada! "Que desejam?" ele indagou.

Não levou muito tempo ao Pastor Daniels para explicar ao homem a situação. Às 5 horas ele tinha em suas mãos 300 libras australianas.

Nessa noite o Pastor Daniels de novo abriu sua Bíblia em Dan. 6:16 na hora do culto, e escreveu na margem: "Cumprido. 5:00 h da tarde. 4/5/99." Às vezes pessoas em quem depositamos confiança falham conosco. A igreja pode nos faltar como faltou ao Pastor Daniels. Nossos amigos podem não cumprir sempre suas promessas. Mas Jesus jamais falha. Suas promessas são certas. Você pode contar com Ele!

História do Adventismo, C. Mervyn Maxwell, págs. 89 e 90.

DESTINO OU ASNEIRA


quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

UM NOBRE ROMANO

Talvez vocês já tenham ouvido a história de um jovem romano que fora condenado à morte. Tinha cometido um crime de traição e acabava de ser condenado à morte pelo juiz, quando se adiantou o seu irmão mais velho que tinha servido à pátria nos campos de batalha, defendendo-a contra os inimigos e perdendo os dois braços. Este, pondo-se em pé diante dos juízes, erguendo os tocos dos braços decepados, intercedeu pela vida do irmão; não pelo que o irmão fizera, mas pelo que ele, o intercessor, fizera. Reconhecia que o seu irmão era criminoso e merecedor da morte; mas, pelo que tinha feito em defesa da pátria, implorava que a vida lhe fosse poupada. Considerando os argumentos deste nobre romano, os juízes, pelos seus merecimentos, perdoaram o irmão criminoso.

É exatamente o que Cristo faz por todos nós, pecadores. Cristo morreu no Calvário para que pudéssemos viver. Nós merecemos a morte; mas, pela intercessão de Cristo, que deu a Sua vida para nos salvar, Deus perdoa os nossos pecados.

The Traveler's Guide

PALAVRAS DESTRÓEM


quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

PERDOADO E JUSTIFICADO

"E da parte de Jesus Cristo, a fiel testemunha, o primogênito dos mor­tos, e o soberano dos reis da terra. Aquele que nos ama, e pelo seu sangue nos libertou dos nossos pecados..."

Ap 1.5

A palavra sangue é mencionada cerca de 460 vezes na Bíblia. No Novo Testamento, Jesus falou 14 vezes de seu próprio sangue. Só pelo derra­mamento do seu sangue, ele propiciou a possibilidade de nossa salvação e pagou a pena por nosso pecado e nos remiu.

Voluntariamente, ele aniquilou a sua vida e pagou a pena que nós devíamos pagar. É este o significado da cruz. O sangue de Jesus Cristo não nos redime apenas, mas também nos justifica. Ser justificado significa mais do que ser perdoado. Posso dizer: "Eu te perdoo, mas não te justifico". Deus, no entanto, não somente perdoa o passado. Ele reveste a nova criatura de justiça, como se jamais houvesse pecado. Isto custou o sangue de seu Filho na cruz

ALEGRIA CONSTANTE


terça-feira, 13 de dezembro de 2016

UMA MÃO LAVA A OUTRA...

"O mundo é dos espertos, mas acho que não sou um deles"


Machado de Alencar


Recente pesquisa revelou que em cada quatro brasileiro, três admitem que praticariam algum ato de corrupção se tivessem oportunidade.

Vendo por esse ângulo dá pra entender porque somos campeões e, miséria, violência, prostituição e outros males.

Você não pode fugir desta verdade: a miséria só existe porque tem corrupção.

Criamos e divulgamos a idéia de que a esperteza é a chave de tudo. As pequenas corrupções praticadas no dia-a-dia alimentam um mal maior que afeta diretamente as classes mais pobres.

É verdade que no poder público tem gente que não presta, mas quem os colocou lá?

E minhas mãos? Estão sujas? Eu financio o comércio pirata? Sou desonesto na minha vida escolar, na minha casa, com meus amigos? Acredito que vale tudo para alcançar a vitória?

Com certeza, os fins não devem justificar os meios. O país está tão atolado em práticas corruptas, que ser honesto dá manchete em jornais. A corrupção mata silenciosamente e gradativamente. Ela te faz perceber que não existe outro meio de vencer, de ter o que você quer, a não ser através da trapaça, da mentira, do chamado "jeitinho brasileiro".

Entretanto, ainda há tempo de mudar, mudar a sociedade, mudar a si mesmo.

Caso contrário, não existirá água no mundo capaz de limpar a sujeira das suas mãos.

Gilberto Cardoso

O TEMPO QUE TEMOS

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

BÍBLIA

Para sempre, ó SENHOR, está firmada a tua palavra no céu.

Salmo 119.89

domingo foi o dia da Bíblia - a Palavra de Deus. Nenhum livro do mundo é tão atacado, combatido, chamado de antiquado, preconceituoso e condenado quanto ela. No entanto,
os números alcançados pela Bíblia são inacreditável:

- É o maior Best-seller de todos os tempos com mais de 6 Bilhões de cópias vendidas em todo o Mundo.

- A Bíblia escrita ao longo de um período de 1.600 anos por cerca de 40 homens das mais diversas profissões, origens culturais e classes sociais.

- De acordo com as Sociedades Bíblicas Unidas, a Bíblia já foi traduzida, até 31 de dezembro de 2007, para pelo menos 2.454 línguas e dialetos, sendo o livro mais traduzido do mundo.

As vidas que já foram marcada pelos textos bíblicos são incalculáveis. Ela é a maior obra escrita entre os homens, porque nela encontramos respostas para as perguntas mais importantes da vida. Leia a Bíblia.

Cassiane - A Tua Palavra


A FELICIDADE

domingo, 11 de dezembro de 2016

ÁRVORES ALTAS

"Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante: É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre a rocha" 

Lucas 6:47-48

Quando uma tempestade cai violentamente sobre um determinado local, atinge furiosamente tudo que encontra no caminho. As árvores sentem a força dos ventos, balançam e se curvam sob o poder da tormenta. Todas as árvores sentem a força dos ventos, mas, as mais altas árvores são as que sentem mais. a árvore mais alta que permanece sente a força dos ventos mais do que todas as demais.

Muitas vezes questionamos o fato de passarmos por angústias e sofrimentos durante a nossa vida. Achamos que, pelo fato de sermos cristãos fiéis ao Senhor, não deveríamos ter que suportar tantas lutas e batalhas. Mas, não será exatamente por isso que somos atacados? Não será exatamente por sermos "árvores mais altas" que somos mais facilmente atingidos pelos ventos e turbulências deste mundo? Não será por causa de nossa firmeza espiritual e capacidade de aguentar as aflições que Deus permite tais lutas?

O Senhor nos advertiu que "no mundo teríamos aflições", mas, ao mesmo tempo, garantiu-nos que estaria ao nosso lado e que seríamos vitoriosos.

A casa firme na rocha também sofre ação dos ventos, como a que está construída na areia. Porém, uma cai e a outra permanece. As árvores pequenas, inexperientes, fracas na fé, não são capazes de resistir os ventos dos problemas. E, fracas, ao caírem, têm muito mais dificuldade em levantar-se novamente. O que Deus quer dizer para nós, quando permite que sejamos submetidos às intempéries deste mundo, é que sabe que estamos preparados para enfrentar os ventos. Podemos balançar, podemos nos curvar, mas, por fim, os ventos passarão e estaremos ainda de pé. Ele é a nossa força e nesta força seremos vencedores.

Você é uma "árvore alta"? Saiba que os problemas acabarão e você permanecerá firme.

Paulo Roberto Barbosa
Fonte: http://www.webservos.com.br

PAZ


sábado, 10 de dezembro de 2016

O CHORO

Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.


Salmo 30:5


O mundo não é perfeito, muito pelo contrário, o mal está em todos os lugares, até em nós. Salomão disse que há a necessidade de guardamos o nosso coração, de fazermos dele uma fortaleza que resista as investidas dos soldados do mal, protegendo-nos de nós mesmos e livrando a alma de angústias e dificuldades desnecessárias.

Por outro lado, às vezes não há como evitar que a tristeza, a dor, o choro nos atinja, porque o mal que provocou o sofrimento é consequência de nossa semeadura antiga ou de um outro ser que visita ou convive em nosso mundo familiar. Aí! o choro sempre virá.

O choro em si não é mal ou resultado de uma vida desventurada ou sem Deus. Muito pelo contrário, pode ser um mal extremamente necessário para nos conduzir com segurança ao centro da vontade de Deus. O Senhor Jesus algumas vezes chorou... Foi um choro de amor, de tristeza, de sinceridade..

A Bíblia Fala que Pedro negou Jesus, e que essa negação resultou em muito choro... Isso foi necessário para que Pedro se voltasse para Deus com toda a convicção necessário para liderar os discípulos a evangelizar o mundo;

O que a Bíblia nos ensina no versículo acima é que o choro é inevitável, mas sua duração dependerá  de como nos relacionamos com Deus, porque que tem Deus como companheiro tem a certeza de que a noite será pequena e que o amanhã sempre será glorioso.

Bruna Karla - Quando eu Chorar.

APRENDER A OUVIR

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

MÃOS ERGUIDAS

"Vós  mesmos  sabeis  que  estas  mãos  proveram  as  minhas necessidades e as dos que estavam comigo" 

Atos 20.34

Alberto nasceu na  Alemanha  e  desde  cedo  revelou  grande aptidão pelo desenho e pintura. Mais tarde, teve oportunidade de  estudar  numa  cidade  maior  onde  com  sacrifícios  se mantinha nos estudos. Encontrou um colega na mesma  situação e se tornaram amigos, repartindo entre si o quarto, a comida e até as privações. Um  dia,  quando  juntos  enfrentavam  a maior crise de recursos, o amigo lhe disse:

- Nossa maneira de lutar pela sobrevivência não nos  permite êxito  nos  estudos.  Então,  deixemos  que  um  de  nós  só trabalhe, enquanto o outro só estuda. Quando este começar  a vender os seus quadros e obtiver lucros para o sustento  dos dois,  então  aquele  que  só  trabalhou  passará  a  apenas estudar.

- Muito bem pensado - disse Alberto. - Serei  o  primeiro  a trabalhar.

- Eu sou mais velho e não tenho  tanto  talento  como  você; além do mais, já  estou  trabalhando  em  um  restaurante  - retrucou o amigo.

Alberto concordou. No dia seguinte, foi para a escola e logo instalou sua oficina. Desenvolvia a  sua  arte,  enquanto  o amigo trabalhava e o fazia alegremente, por estar cooperando com Alberto e também pela esperança de um dia  retornar  aos estudos interrompidos. Um dia vendeu-se o primeiro quadro  e feliz Alberto apresentou ao amigo o resultado, dizendo:

- Agora eu trabalharei para o nosso sustento e você  voltará amanhã mesmo para a escola.

O colega, com as esperanças renovadas, voltou à arte. Gastou horas trabalhando, mas fez pouco  progresso.  Seus  dedos  e músculos  haviam  enrijecido  e  as  articulações  crescidas dificultavam  o  manuseio  do   pincel.    Alberto tentou encorajá-lo, porém, dentro de alguns meses, o amigo concluiu que teria de sacrificar sua arte  para  sempre  e  voltou  a trabalhar  no  restaurante.  Vendo  o  que  acontecera    ao companheiro na ânsia  de  ajudá-lo,  o  coração  de  Alberto parecia  despedaçar-se,  pois  sabia  que  jamais    poderia restituir-lhe a flexibilidade dos dedos. Todavia,  havia  de amá-lo sempre, sendo-lhe eternamente reconhecido.

Um dia, voltando ao quarto, ouviu a voz do amigo em oração e o viu com aquelas mãos calejadas erguidas, rogando a Deus pelo sucesso do companheiro e suplicando  que  lhe  desse  a habilidade com a qual ele sonhou uma vez possuir. Foi grande a emoção de Alberto, enquanto dizia para si  mesmo:  "Jamais poderei restituir àquelas mãos a habilidade perdida, mas  eu posso mostrar ao mundo um  sentimento  de  amor  e  profunda gratidão, pelo seu tão nobre feito em benefício de um amigo. Pintarei suas mãos assim como as vejo e acontecerá  que,  ao olharem para a tela, todos sentirão  como  vivos  seu  gesto altruísta".

E foi justamente o que fez Alberto e o mundo hoje conhece  o magnífico quadro das Mãos Erguidas.

Fiquem na paz!

Virginia

PERDOAR

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

O ABRAÇO DA JIBOIA

O salário do pecado é a morte.  

Romanos 6.23 
Conta-se o caso de um saltimbanco que treinara uma jiboia a enlaçar-lhe o corpo, desenlaçando-se depois.

Uma noite ele percebeu, horrorizado, que o enorme réptil lhe apertava mais e mais o corpo. Gritou por socorro, mas a plateia julgou que isso fizesse parte do ato. Só deram pelo fato quando viram o homem desfalecendo e morrer no abraço da serpente.

Ouviu-se depois alguém dizer, ao abandonar o circo: "Não importa o quanto se conheça esse animal, cobra é sempre cobra".

Acrescentarei: "Não importa o quanto se conheça o pecado ou se pensa que é capaz de "domá-lo", pecado é sempre pecado e, por fim, ele vai te matar."

Fonte: Livro: Conta mais uma!
Editora Mensagem Para Todos

A CHAVE DO SABER


segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

LIVRES DO PECADO

A pequena aldeia de Beaulieu, em Hampshire, Inglaterra, é famosa por seu mosteiro, hoje em ruínas. Ali, em 1539, respeitava-se a lei de asilo. Na­quele lugar, ladrões, assassinos ou quaisquer fugitivos da justiça podiam se refugiar e salvar suas vidas. Ninguém podia prendê-los ali. 

H. V. Morton diz o seguinte, a propósito dessa lei: "O delegado da polí­cia podia golpear os portões e os cavaleiros podiam galopar em volta de seus muros por quanto tempo quisessem, mas a raposa tinha se evadido para uma terra santa, estava salva como se nunca tivesse cometido pecado". 

A graça de Deus em Cristo Jesus provê asilo para os pecadores. Por mais grave que seja seu pecado, o homem pode voltar-se arrependido para Deus e ser perdoado. E como se nunca tivesse pecado, torna-se uma nova criatura em Cristo Jesus. Sobre ele se ergue o santo escudo do favor divino. Neste refúgio por Deus preparado, ele poderá permanecer até ser recebido na inexpugnável cidade celestial.

LIVRES

domingo, 4 de dezembro de 2016

PACIÊNCIA

Ora o Senhor encaminhe os vossos corações no amor de Deus, e na paciência de Cristo.

2Te 3:5

Ouvi a história de um homem, que era gerente de uma grande companhia em Londres. Este homem ia pegar o trem, a fim de assistir a uma importantíssima reunião de negócios. Mas perdeu o trem. O relógio na parede do escritório andava atrasado, e por isso o gerente não chegou a tempo à estação. 

Perdendo completamente o controle de si mesmo, o homem apressou-se em voltar ao escritório. Agarrando o grande relógio, jogou-o pela escada de pedra abaixo. Provavelmente teria feito assim com seus brinquedos quando criança e rapaz também! Se houvesse sido um homem em vez de um relógio que lhe motivasse o atraso, quem sabe se na fúria não lhe tivesse tirado a vida também? 

Muitas vezes, agimos assim também... Perdemos a paciência facilmente, atiramos pedras, derrubamos relógios, esbravejamos do alto da montanha. No entanto esse tipo de atitude não resolve nada, não avança em nada, muito pelo contrário, tem um efeito negativo muito grande, torna o ambiente pesado e o dia cinzento.

A Bíblia conta a história de Saul. Ele poderia ter sido um grande rei, tinha qualidades para isso. Porém a falta de paciência o levou a uma vida de tragédias. Minha oração é que Deus nos dê sabedoria e paciência para conduzirmos a vida rumo à paz, alegria e sucesso.

Fandermiler Freitas

A SABEDORIA SE APRENDE