terça-feira, 19 de junho de 2018

CRIE O MELHOR

Se você deseja mesmo fazer alguma coisa, você vai encontrar a maneira de faze-lo; se você não deseja, então você vai encontrar uma desculpa para não faze-lo. Jim Rohn

Em meio a essa turbulência, simplesmente acalme seus pensamentos. Saiba que está tudo bem, mesmo que as circunstâncias não lhe parecem bem; Deus está em absoluto e total controle. Na perspectiva de Deus, esse é o melhor momento melhor que pode haver. Portanto, aceite-o e siga em frente. 

Não tema pelo pior porque os seus pensamentos carregados de temor só faz com que você dê um poder imenso a tudo aquilo que você mais teme; em vez disso, espere pelo melhor e crie o melhor. Saiba que as positivas possibilidades estão sempre presentes e que os seus olhos podem ser abertos a elas. 

À medida que a vida se desenvolve a cada momento, novas oportunidades são criadas. Não importa o que aconteceu, continue a criar o melhor que você possa imaginar. Esse é mais um dia que Deus lhe dá para viver, portanto, viva-o em paz, com propósito e use-o para criar um mundo muito melhor. 

Para Meditação: O Senhor está perto dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito abatido. Salmos 34:18

NÉLIO SILVA

ENGOLIR AS PALAVRAS MÁS


segunda-feira, 18 de junho de 2018

UM GESTO DE COMPREENSÃO

A classe de aula estava inquieta por causa do novo aluno. Desde o momento em que tinha chegado tomou seu acento e lá permaneceu sem falar com ninguém. Os colegas o olhavam com estranheza e cochichavam entre si. A professora buscava acalmar os comentários para que o novo aluno não se sentisse mal mediante a reação das outras crianças.


Estava quase na hora do intervalo, e na classe a professora propôs que os alunos lessem alternadamente um texto do livro de Português. Houve um estrondo de carteiras quando o novato tomou a leitura, para espanto da professora. As outras crianças queriam assistir seu desempenho, e bruscamente se viraram para observá-lo.

Risos e cochichos tomaram a sala. Com dificuldade o menino novato lia os parágrafos e a cada erro que cometia se abaixava mais um pouco na cadeira, sentindo um constrangimento sem tamanho.

Não faltaram broncas para a turma por parte da professora, que foi interrompida pelo sinal do intervalo e a multidão de alunos apressados para tomarem o lanche. E no caminho, debochavam do desempenho do novo colega. – É um burro mesmo, um deles falou mais alto.

O aluno novo baixou os olhos e fez força para não chorar. A professora tentou consolá-lo dizendo que não tinha problema ele ter dificuldades na leitura ou estar nervoso naquele momento por ser o primeiro dia de aula, pois ele ia aprender e melhorar.

Só quando a professora saiu da classe ele pôde ver que não estava sozinho. Um menino do outro lado da classe o encarava. Ele estranhou. Agora caminhava em sua direção. Parecia vir em paz.
- Eu sei por que você não conseguiu ler o texto.

O novato estalou os olhos com a declaração daquele menino, e ficou ainda mais surpreso ao vê-lo levar as mãos ao rosto, tirar seus óculos e estendê-los em sua direção.

- Se tivesse pedido, eu teria te emprestado. Eu também vejo as palavras embaçadas e misturadas quando tento ler sem os óculos.

Imediatamente um sorriso de alívio e gratidão surgiu no rosto do aluno novo, contagiando o seu mais novo amigo que lhe retribuiu o sorriso sem esforço. Nem fazia ideia de como seu gesto estava sendo importante para o menino novato; todo o tempo ele tinha ficado constrangido pela falta dos óculos que acabou por esquecer em casa na pressa de não perder o horário da escola.
.
Que coisa valiosa é a compreensão! Um pequeno momento com ela causa impactos positivos com dimensões futuras e eternas. Mas infelizmente, é tão pouco oferecida! Vive sufocada no interior dos que só se importam com seus próprios prazeres.
.
Quantas pessoas ao nosso redor só necessitam de um pouco de compreensão para progredirem, se transformarem, saírem do lugar ou da dor em que se estacionaram… Como tem sido nosso desempenho para com elas? Quem sabe até nós estejamos precisando da compreensão dos que vivem ao nosso lado, e tristemente só temos encontrado o oposto.

A PERGUNTA MAIS IMPORTANTE

domingo, 17 de junho de 2018

VIDA EXEMPLAR

Há alguns anos, o governo comunista da China mandou um escritor escrever uma biografia do missionário Hudson Taylor com o objetivo de torcer os fatos e provocar descrédito no seu trabalho.

Enquanto o autor fazia a sua pesquisa, ficou bastante impressionado com o caráter santo e a vida dedicada de Taylor, concluindo que sua tarefa seria demasiadamente difícil de executar. Mesmo sabendo que estaria arriscando sua vida, colocou de lado sua caneta, abandonou o ateísmo e recebeu o Senhor Jesus como seu Salvador pessoal.

Nosso exemplo, queiramos ou não, influencia a muitos que estão ao nosso redor. Nosso testemunho poderá conduzi-los à eternidade com Deus ou sem Ele. Somos luz para o mundo e essa luz não pode, de maneira alguma, permanecer apagada.

A nossa vida é uma pregação constante e nossos amigos a ouvirão sempre que se encontrarem conosco. Quando Cristo é o principal tema de nosso viver diário, as trevas se dissipam, os escarnecedores se colocam à margem, os indiferentes são motivados, o sol das bênçãos de Deus brilha com mais intensidade.

É grande a nossa responsabilidade e precisamos estar bem conscientes disso. Seria muito bom se, a exemplo de Daniel, ninguém pudesse encontrar coisa alguma de que nos acusar a não ser o fato de vivermos para adorar e glorificar o nome de Cristo. Os acusadores seriam envergonhados, o mundo seria envergonhado, o diabo seria envergonhado, o nome de Jesus seria exaltado, os céus estariam em festa e a felicidade seria total em nossas vidas. Se alguém buscasse motivos em sua vida para desmoralizá-la, o que encontraria? Muita coisa errada ou apenas o reconhecimento de que você realmente tem uma vida exemplar?

AINDA É CARNAL


sexta-feira, 15 de junho de 2018

ESPERAR EM SILÊNCIO


Bom é aguardar a salvação do SENHOR, e isso, em silêncio.

Lam 3.26

Quando a situação não está fácil, costumamos buscar ajuda. Às vezes, gritamos, exigimos nossos direitos, ameaçamos, perdemos muitas vezes o controle, explodimos. Falamos demais.

Jeremias viveu uma situação assim quando Nabucondonozor sitiou Jerusalém. A cidade estava fechada. Nada entrava nem saia. Havia fome. Ninguém queria ouvir a Deus e, ele sofria ameaças, perseguições e era discriminado pela sociedade.

Quando a cidade foi invadida tudo foi destruído: o templo, os palácios. Os jovens foram levados cativos para Babilônia. Só restou destruição e miséria. No meio desse caos, Jeremias esperava em Deus como quem passa férias no Nordeste.

Isso muito me ensina: esperar em Deus é uma necessidade! É  preciso confiar mesmo quando tudo vai mal. O exemplo de Jeremias deve está constantemente diante de nós; Ele não grita, não acusa Deus, não reclama nem blasfemas.

Você confia em Deus? Então espere... Tenha fé... busque a presença do Pai... Louve-o com a alma e coração... fique em silêncio, porque só assim poderás ouvir Deus falar contigo.

Fandermiler Freitas

UM PRÍNCIPE SÁBIO

quinta-feira, 14 de junho de 2018

A BONDADE COMPENSA

Não se esqueçam de ser bondosos com os estranhos, porque alguns que fizeram isso hospedaram anjos sem percebê-lo!

Heb. 13:2 (A Bíblia Viva).


Tarde da noite, muitos anos atrás, um casal de idade encaminhou-se ao encarregado da portaria no turno da noite, em um hotel de terceira categoria em Filadélfia.

- O senhor teria um quarto onde pudéssemos passar a noite? Já andamos por toda a cidade procurando um lugar onde hospedar-nos, e nada encontramos. Por favor, não nos diga que não tem um quarto onde possamos pernoitar.

- Bem - respondeu o encarregado. - Não tenho um único quarto disponível no hotel, mas podem ficar no meu próprio quarto. Não é tão bom como alguns outros quartos, mas é limpo e para mim será um prazer recebê-los como hóspedes.

- Que Deus o abençoe - suspirou a esposa.

Na manhã seguinte, na hora do desjejum, o marido pediu que um dos garçons chamasse o funcionário da noite. Queria tratar de um assunto importante com ele. Quando este chegou, o marido agradeceu-lhe a bondade e pediu que ele se assentasse.

- Eu sou John Jacob Astor - informou o hóspede. - O senhor é uma pessoa nobre demais para passar o resto de sua vida como porteiro noturno de um hotel de terceira categoria. O que acharia de ser o gerente geral de um grande, belo e luxuoso hotel na cidade de Nova Iorque?

- Isso é maravilhoso demais! - gaguejou o homem.

E assim a bondade de um obscuro funcionário do período noturno de um hotelzinho foi recompensada quando ele se tornou o gerente geral do famoso Hotel Waldorf-Astoria.

Nosso verso faz alusão à hospitalidade demonstrada por Abraão aos três viajantes que na verdade eram anjos. Sim, a bondade compensa. Mas o pagamento nem sempre é recebido nesta vida. Em muitos casos, o dia do pagamento não chegará antes daquele dia em que Jesus dirá: "Vinde, benditos de Meu Pai! entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo. Porque tive fome e Me destes de comer; tive sede e Me destes de beber; era forasteiro e Me hospedastes; estava nu e Me vestistes; enfermo e Me visitastes; preso e fostes ver-Me." S. Mat. 25:34-36.

O DIABO EXISTE


quarta-feira, 13 de junho de 2018

BOAS COMPANHIA

Deixem a companhia dos tolos e vivam. Sigam o caminho do entendimento.

Prov. 9.6

A vida é uma caminhada. E, no decorrer desse percurso nunca estamos sozinhos. A gente vai sempre acompanhado. É muito importante saber escolher os companheiros de jornada. Isso faz uma tremenda diferença, pois dessa escolha dependerá o sucesso de nossa empreitada.

Boas companhias, segundo provérbios tornam o caminho mais belo e seguro, mesmo quando a estrada não é boa ou os vales são os da morte. Um bom amigo não só caminha ao nosso lado, mas nos orienta, conforta e ajuda a viver sabiamente.

Só a sabedoria nos permitirá reconhecer os tolos que nos cercam e a fugir deles. Viver sabiamente é a porta que nos permitirá alcançar grandes coisas e a colher os doces frutos da paz, do amor e do viver tranquilo.

Todo dia, nosso coração deve indagar: Quem são os meus companheiros de estrada? Tolos ou sábios? Como eles têm me influenciado? Para o bem ou para mal? E minhas escolhas tem me levado a paz ou a guerra?

Fandermiler Freitas

PERDER A OPORTUNIDADE

terça-feira, 12 de junho de 2018

NÃO DEIXE O AMOR PASSAR


Quando encontrar alguém e esse alguém fizer seu coração parar de funcionar por alguns segundos, preste atenção: pode ser a pessoa mais importante da sua vida.



Se os olhares se cruzarem e, neste momento, houver o mesmo brilho intenso entre eles, fique alerta: pode ser a pessoa que você está esperando desde o dia em que nasceu.



Se o toque dos lábios for intenso, se o beijo for apaixonante, e os olhos se encherem d’água neste momento, perceba: existe algo mágico entre vocês.



Se o primeiro e o último pensamento do seu dia for essa pessoa, se a vontade de ficar juntos chegar a apertar o coração, agradeça: Deus te mandou um presente: O Amor.


Por isso, preste atenção nos sinais - não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida: O AMOR

Carlos Drumond

O AMOR

segunda-feira, 11 de junho de 2018

UMA PRIORIDADE

Terantius, capitão do exército de Adriano, apresentou ao imperador romano uma petição, na qual solicitava permissão para os cristãos construírem um templo. Adriano rasgou o documento em pedaços, atirou-o ao chão e disse a Terantius que seria melhor que pedisse alguma coisa em seu próprio beneficio e seria atendido imediatamente.

Terantius humildemente recolheu os pedaços de sua petição e, com dignidade, falou ao imperador: "Se eu não tenho o direito de ser ouvido quanto à causa do meu Deus, então nada quero pedir em meu favor".

Fonte: http://recursoshomiletica.blogspot.com.br/

CRIMINOSOS

domingo, 10 de junho de 2018

AS ABELHAS

“Não terás outros deuses diante de mim”.

Êxodo 20.3


As abelhas operárias nascem, secam suas asas e já começam a trabalhar. Cada uma tem a sua tarefa. Algumas são enfermeiras, outras faxineiras, condicionadoras de ar, e outras ajuntam o néctar para fazer mel.

Incrível é que, uma vez tendo começado a trabalhar, nunca mais param por toda sua vida! Não pegam férias, nem mesmo um relax no fim de semana.

Quando não podem trabalhar fora da colmeia, trabalham dentro ajudando a manter o lugar limpo e fazendo outras obrigações.

As abelhas são, no entanto, máquinas incessantes que não saberiam o que fazer com tempo livre. Tudo isto porque? Ela tem apenas um propósito na vida: SERVIR A RAINHA.

Seu senso de adoração é tão absurdo que trabalham sem parar (com exceção da noite) do nascimento até morrerem.

O centro de nossa vida também é adorar. Somos adoradores compulsivos. Dizer isto a um cristão é meio confuso porque em nossa cabeça, adorar é apenas quando montamos um altar e ali oferecemos dádivas ao deus que reverenciamos.

Mas a Bíblia enxerga o assunto bem mais amplamente. Cada minuto de nossa vida, tudo o que fazemos, cada desejo, gosto, vontade, trabalho e objetivo tiveram um motivo: QUEREMOS ADORAR.

A grande pergunta é: QUEM OU O QUE ADORAMOS? VÁRIAS COISAS. Alguns adoram os FILHOS, TRABALHO, CASA, O DINHEIRO, O STATUS SOCIAL, A FAMA, A BELEZA PRÓPRIA, A SENSUALIDADE, O JOGO, ARTISTAS, JOGADORES etc.

Tudo isto revela o centro de nossa adoração: NOSSO EU. Adoramos todas estas coisas pois na verdade elas SATISFAZEM nossos desejos e natureza. Por isto as usamos para saciar nossa sede de adoração.

Mas aí vem Deus, e coloca como início de Sua Lei, o ponto central de nossa existência: Você precisa rever sua adoração para que possa ser feliz.

Fonte: Ewww.4tons.com

O PROPÓSITO DE DEUS


sábado, 9 de junho de 2018

AS MONTANHAS DA VIDA

"Porque eu, o SENHOR, teu Deus, te tomo pela tua mão direita e te digo: Não temas, que eu te ajudo. Não temas, ó vermezinho de Jacó, povozinho de Israel; eu te ajudo, diz o SENHOR, e o teu Redentor é o Santo de Israel" 

Isaías 41:13, 14

Certo homem começou a subir uma montanha juntamente com sua filha pequena. Ele disse para ela ir na frente que ele seguiria logo atrás. A menina, com grande entusiasmo, quis mostrar que era capaz de subir sozinha e apresentou muita disposição em sua caminhada. Depois de um certo tempo, já cansada, ela começou a ter dificuldades. Em certo momento ela caiu, ferindo de leve os joelhos e logo depois teve o braço arranhado por alguns espinhos de um arbusto. Mais um pouco e ela caiu e não conseguiu mais levantar. Começou a chorar e, virando-se para o pai, pediu que a ajudasse. o pai a tomou nos braços e levou-a até o cume da montanha. Desde o princípio, ele não esperava que ela subisse sozinha.

Da mesma maneira, Deus não deseja que subamos as montanhas da vida sozinhos. Ele não espera que atravessemos os desertos áridos com nossas próprias forças. Ele sabe que em determinados momentos, os caminhos não serão fáceis para nós. Em todas as situações Ele caminha junto a nós, pronto a nos estender a mão e nos conduzir com muito amor ao lugar que desejamos ir.

Precisamos compreender que somos fracos e falhos. Que necessitamos da ajuda do Senhor para realizar nossos sonhos e atingir nossos objetivos. Sozinhos, teremos muitas dificuldades e dificilmente alcançaremos nossos propósitos.

Você crê ser capaz de seguir os caminhos da vida sem a ajuda do Senhor?

Paulo Barbosa