terça-feira, 18 de dezembro de 2018

SUA GRAÇA

Eu havia planejado tirar uma soneca durante a viagem. Mas o homem ao meu lado teve outras ideias! Sabendo que eu não poderia dormir, eu abri minha Bíblia.

“Que cê tá estudando aí, cara?” Eu respondi, mas ele não ouviu.

“A igreja está perdida,” ele declarou. “Presa no inferno e doente no coração”
“Cristãos estão dormindo. Eles não oram. Eles não amam. Não se importam.” Assim ele começou a listar todas as aflições e fraquezas da igreja.

Eu não deveria ter permitido que aquilo me incomodasse, mas incomodou. A fidelidade de Deus nunca dependeu da fidelidade dos seus filhos. Ele é fiel mesmo quando não o somos. Quando não temos coragem, Ele tem.

Provavelmente eu nunca mais verei aquele pregador do pessimismo de novo, mas se você o vir, você pode dar a ele um recado por mim? As bênçãos de Deus são dispensadas de acordo com as riquezas da graça dEle, e não de acordo com a profundidade da nossa fé. É isto que faz de Deus, Deus! E é isto que faz a igreja forte.

“Deus nos ressuscitou com Cristo e com ele nos fez assentar nos lugares celestiais em Cristo Jesus, para mostrar, nas eras que hão de vir, a incomparável riqueza de sua graça, demonstrada em sua bondade para conosco em Cristo Jesus.” Efésios 2:6-7

Fonte: O Trovão Gentil

CADA UM


segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

ESQUEÇA A BOLSA

"Porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração" 

Mateus 6:21

Enquanto a bolsa é esvaziada, o coração vai se enchendo." (Victor Hugo)

E por que precisamos de bolsa, ou dinheiro, ou bens materiais, ou qualquer coisa semelhante, para ter o coração preenchido? Quando o coração depende dessas coisas passageiras para se regozijar, perde a alegria quando essas mesmas coisas deixam de existir. Por que ficar dependendo delas?

Quando compreendemos que o nosso coração pode estar cheio independente de coisas materiais, somos mais felizes e vivemos de maneira mais abundante. Cristo substitui todos os bens e tesouros do mundo. Ele é a verdadeira riqueza, o verdadeiro regozijo, a verdadeira felicidade.

Estamos nos aproximando de uma época onde o coração de muitos se enche por uma roupa nova, por uma mesa farta de guloseimas, pelos presentes recebidos, pela compra de um novo carro, pela reforma de uma casa. Mas, o coração deveria ser preenchido pelo amor e gratidão a Deus por Jesus ter nascido nesse mundo para perdoar nossos pecados e para nos dar vida eterna.

Esqueçamos a bolsa -- cheia ou vazia -- e comemoremos com o coração cheio da presença de Jesus. Ele pode encher nossas bolsas e esvaziá-las também. Não importa. Maior bênção é tê-lo como Senhor e Salvador. A bolsa, o banco, os presentes... são apenas consequências para aqueles que amam verdadeiramente a Deus.

Comemore as festas... encha seu coração de Cristo.

Paulo Barbosa

RIQUEZA

domingo, 16 de dezembro de 2018

SUSSURRO DE DEUS

Conta-se que um amigo levou um índio para passear no centro de São Paulo. Seus olhos não conseguiam acreditar na altura dos edifícios e ele mal conseguia acompanhar o ritmo frenético das pessoas indo e vindo. Espantava-se com o barulho ensurdecedor das sirenes, dos automóveis, as pessoas falando em voz alta. De repente o índio falou:

- Ouço um grilo...

O amigo espantado retrucou:

- Impossível ouvir um inseto tão pequeno nessa confusão!

O índio insistiu que ouvia o cantar de um grilo. Tomando o seu cicerone pela mão, levou-o até um canteiro de plantas. Afastando as folhas, apontou para o pequeno inseto.

- Como? 

-Perguntou o amigo, ainda sem crer.

O índio pediu-lhe algumas moedas, e então as jogou na calçada. Quando elas caíram e se ouviu o tilintar do metal, muita gente se voltou:

- Escutei o grilo porque o meu ouvido está acostumado com este tipo de barulho. As pessoas aqui ouvem o dinheiro caindo no chão porque foram condicionados a reagirem a esse tipo de estímulo. Depois arrematou:

- A gente ouve o que está acostumado ou treinado a ouvir. 

Vivemos em um mundo materialista. A vida nos impõe que sejamos muitas vezes duros. Acabamos nos tornando céticos. A voz de Deus não é ouvida senão por aqueles que tem o ouvido sensível. Muitas vezes a correria da vida e as agitações da nossa alma inquieta não nos permitem perceber o Divino. Treinamos os nossos sentidos para reagir apenas aos impulsos da sobrevivência, mas há realidades que só se percebem com o espírito. Aqueles que aquietam o coração e se deixam tocar pelo Eterno, escutam o sussurro de DEUS.

Autor desconhecido

PROFUNDIDADE DA VIDA

sábado, 15 de dezembro de 2018

CICATRIZES DO CORAÇÃO

Jesus respondeu, e disse-lhe: Se tu conheceras o dom de Deus, e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva.

João 4.10

Se pudéssemos ver o coração na sua essência emocional, veríamos todas as feridas e cicatrizes que o tempo gerou. Seria como mergulhar num mundo de dores, desilusões e angústias. Descobriríamos muitos dos porquês de tanta dificuldade em amar, de fazer amigos, da razão de vidas tão amargas e frias, da solidão que persisti em acompanhar almas tão carentes.

O próprio Jesus encontrou muitas pessoas assim. A mulher samaritana é um exemplo disso. Ela era rejeitada e viva longe das luzes e dos caminhos do povo. Mas o Mestre lhe disse: aquele que beber da água que lhe der nunca mais terá sede, porque a  água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna.

Tudo o que Deus deseja é acalmar nossos dilemas e perdoar nossos erros. Quer nos fazer fonte de água vida. Você deseja ser uma fonte de água? Primeiro, deixe o Pai curar suas feridas e apagar as cicatrizes. Porque perdoado do seu passado, o homem pode viver uma vida nova

Fernanda Brum - Como se cura a ferida.

ORAR


sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

UMA CERCA DE ALEGRIA

"Tu mudaste o meu choro em dança alegre, afastaste de mim a tristeza e me cercaste de alegria" 

Salmos 30:11

Uma irmã, disse ao jovem Edmundo, ao final do culto que comemorava sua partida para uma instituição teológica, onde se prepararia para o ministério pastoral: "Que bom que você resolveu deixar a vida de prazer e alegria para servir ao Senhor". O jovem, espantado com o que a irmã lhe dizia, comentou: "A irmã está enganada! É exatamente porque gosto dos prazeres e alegrias da vida que estou me oferecendo para o ministério. Quero ser ainda mais feliz e ter muito mais prazer do que tenho tido até agora."

Quando estamos de fora do centro da vontade de Deus, julgamos que a vida cristã é cheia de sofrimentos e angústias e que essas coisas existem para que mostremos o amor a Cristo. Não é verdade! Cristo é alegria, é satisfação, é cântico e louvor, é um desfrutar da verdadeira felicidade criada por Deus. O nosso Pai, em verdade, enviou Jesus para que a alegria e a vida abundante sejam mais reais em nós.

Não abandonamos os prazeres do mundo para uma vida infeliz ao lado de nosso Salvador. Pelo contrário, deixamos os enganosos prazeres que nos causam destruição para uma vida de verdadeiro prazer e contentamento, que só existem quando o Senhor está em nossos corações.

Apresente-se diante do Senhor e deixe que Ele construa uma cerca de alegria ao seu redor, afastando de vez a infelicidade que ainda atinge muitos que não O conhecem.

Paulo Barbosa

O HOMEM NÃO É O QUE DEVIA SER


quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

QUANTO VALE UM MILAGRE?

Uma garotinha esperta, de apenas 6 anos de idade, ouviu seus pais conversando sobre seu irmãozinho mais novo. Tudo que ela sabia era que o menino estava muito doente e que estavam completamente sem dinheiro.

Iriam se mudar para um apartamento num subúrbio, no próximo mês, porque seu pai não tinha recursos para pagar as contas do médico e o aluguel do apartamento.

Somente uma intervenção cirúrgica muito cara poderia salvar o garoto, e não havia ninguém que pudesse emprestar-lhes dinheiro.

A menina ouviu seu pai dizer a sua mãe chorosa, com um sussurro desesperado: "Somente um milagre poderá salvá-lo. " Ela foi ao seu quarto e puxou o vidro de gelatina de seu esconderijo, no armário. Despejou todo o dinheiro que tinha no chão e contou-o cuidadosamente, três vezes.

O total tinha que estar exato. Não havia margem de erro. Colocou as moedas de volta no vidro com cuidado e fechou a tampa. Saiu devagarzinho pela porta dos fundos e andou 5 quarteirões até chegar à farmácia.

Esperou pacientemente que o farmacêutico a visse e lhe desse atenção, mas ele estava muito ocupado no momento. Ela, então, esfregou os pés no chão para fazer barulho, e nada! Limpou a garganta com o som mais alto que pôde, mas nem assim foi notada. Por fim, pegou uma moeda e bateu no vidro da porta. Finalmente foi atendida!

O que você quer? Perguntou o farmacêutico com voz aborrecida. Estou conversando com meu irmão que chegou de Chicago e que não vejo há séculos, disse ele sem esperar resposta.

Bem, eu quero lhe falar sobre meu irmão. Respondeu a menina no mesmo tom aborrecido. Ele está realmente doente... "E eu quero comprar um milagre. "

"Como?" Balbuciou o farmacêutico admirado.

"Ele se chama Andrew e está com alguma coisa muito ruim crescendo dentro de sua cabeça e papai disse que só um milagre poderá salvá-lo. E é por isso que eu estou aqui. Então, quanto custa um milagre? "

"Não vendemos milagres aqui, garotinha. Desculpe, mas não posso ajudá-la." Respondeu o farmacêutico, com um tom mais suave.

"Escute, eu tenho o dinheiro para pagar. Se não for suficiente, conseguirei o resto. Por favor, diga-me quanto custa." Insistiu a pequena.

O irmão do farmacêutico era um homem gentil. Deu um passo à frente e perguntou à garota: "Que tipo de milagre seu irmão precisa? "

"Não sei." Respondeu ela, levantando os olhos para ele. "Só sei que ele está muito mal e mamãe diz que precisa ser operado. Como papai não pode pagar, quero usar meu dinheiro. "

"Quanto você tem?" Perguntou o homem de Chicago.

"Um dólar e onze centavos." Respondeu a menina num sussurro. "É tudo que tenho, mas posso conseguir mais se for preciso."

"Puxa, que coincidência," sorriu o homem. "Um dólar e onze centavos! Exatamente o preço de um milagre para irmãozinhos."

O homem pegou o dinheiro com uma mão e, dando a outra mão à menina, disse: "Leve-me até sua casa. Quero ver seu irmão e conhecer seus pais. Quero ver se tenho o tipo de milagre que você precisa."

Aquele senhor gentil era um cirurgião, especializado em neurocirurgia. A operação foi feita com sucesso e sem custo algum. Alguns meses depois, Andrew estava em casa novamente, recuperado.

A mãe e pai comentavam alegremente sobre a sequência de acontecimentos ocorridos. "A cirurgia," murmurou a mãe, "foi um milagre real. Gostaria de saber quanto deve ter custado."

A menina sorriu. Ela sabia exatamente quanto custa um milagre... Um dólar e onze centavos... Mais a fé de uma garotinha...

* * *

Não há situação, por pior que seja, que resista ao milagre do amor. Quando o amor entra em ação, tudo vence e tudo acalma. Onde o amor se apresenta, foge a dor, se afasta o sofrimento e o egoísmo bate em retirada.

Autor Desconhecido

LIDERAR

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

ANTES E AGORA

No qual não pode haver grego nem judeu, circuncisão nem incircuncisão, bárbaro, cita, escravo, livre; porém Cristo é tudo em todos. 

Colossenses 3:11.

Antes eu buscava as bênçãos do Senhor, mas agora é o Senhor.
Antes era o que eu sentia; agora é a Sua Palavra.

Antes eu queria os dons; agora, o Doador.
Antes eu queria a cura; agora me basta o próprio Jesus.

Tudo em todos para sempre; somente Cristo louvarei.
Tudo está em Cristo; só Ele é tudo para mim.

Antes era o esforço penoso; agora, a confiança perfeita.
Antes era uma salvação incompleta; agora é a perfeição.

Antes me segurava Nele; agora Ele me segura firmemente.
Antes estava sempre à deriva; agora minha âncora está firme.

Antes era um planejamento incessante; agora a oração da fé.
Antes era um preocupação constante; agora Ele cuida de tudo.

Antes era o que eu queria; agora é o que Jesus disser.
Antes era uma petição constante; agora, adoração incessante.

Antes era eu que trabalhava; agora Ele age por mim em mim.
Antes eu tentava usá-lO; agora Ele que me usa.

Antes eu queria o poder; agora tenho o Todo-poderoso.
Antes trabalhava por vaidade; agora, tão somente para Ele.

Antes tinha esperança de conhecer Jesus; agora sei que Ele é meu.
Antes minha luz era intermitente; agora brilha intensamente.

Antes esperava a morte; agora anseio por Sua volta.
Antes eu era um crente; agora sou um filho de Deus em Cristo Jesus.

Antes eu vivia; agora morri, por isso Cristo vive em mim.
E minhas esperanças estão firmadas no Céu.

Amém, Amém, Glória a Deus.

Bom dia para você - Graça e Paz.

Claudio Morandi

SABEDORIA

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

O SENTIDO DA VIDA

O ladrão não vem senão a roubar, a matar e a destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham com abundância. Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas
João 10:10-11


Alguém falou com propriedade: “Hoje em dia a falta de um verdadeiro sentido para a vida impulsiona milhares de pessoas para as drogas, a violência, o desespero e o suicídio”. Um jovem de 16 anos escreveu em sua carta de despedida: “Queridos pais, por favor, não se culpem. Vocês me deram tudo o que podiam. Vocês não têm culpa. Mas é insuportável para mim não ter resposta para o sentido da minha vida. Já não posso aguentar esse absurdo. Por que devo viver se minha vida não serve para nada?”

A solução para o problema da falta de sentido para a vida começa com a aceitação do fato de que não somos produto do acaso. Deus é nosso Criador. Ele nos deu a vida. Querido leitor, você já pensou alguma vez que o próprio Deus quer que você viva? Além disso, Deus o fez com exclusividade, porque Ele não repete Suas obras. E Ele ama você.

Nisso se mostrou o AMOR de Deus: em que não tenha abandonado Suas criaturas à própria sorte quando caíram no pecado e se rebelaram contra Ele. Ao contrário, o Senhor pensou em salvá-las e para isso enviou Seu Filho como homem a este mundo como sacrifício pelo pecado. Jesus Cristo, o único que não cometeu pecado, morreu em lugar dos pecadores. Com o sacrifício de Sua vida pagou as culpas de todo aquele que clama pelo perdão divino.

Junto com o perdão, o pecador arrependido recebe uma nova vida, selada com o Espírito Santo. Uma vida totalmente nova, a vida do próprio Deus, que dá ao ser humano motivos para viver de maneira que agrade seu Criador e Senhor.

Fomos feitos para a glória de Deus. E esse é o sentido da vida. Qualquer outro propósito para o qual devotemos nossa existência será inútil, não trará satisfação nem significado. Pare um pouco e pense: qual o sentido da minha vida? Eu vivo para quê? Pergunte para Deus porque Ele criou você. Talvez você se surpreenda…


Extraído do devocional Boa Semente

ALCANÇAR A LIBERDADE


segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

VOCÊ QUER?

"Como, porém, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem nada ouviram? E como ouvirão, se não há quem pregue?" 

Romanos 10:14

O sociólogo Tony Campolo, da Filadélfia, foi convidado a participar de um café da manhã com o Governador. Em determinado momento, disse ao político: "O senhor sempre foi simpático com o Evangelho, mas, nunca se comprometeu a seguir Cristo. Por que?" O Governador, mostrando-se sincero, respondeu: "Por que nunca fui convidado". "Bem", disse Campolo, "eu o estou convidando". Para sua surpresa, o Governador disse: "Eu aceito o convite." (Leighton Ford)

Quantas pessoas que conhecemos jamais se decidiram a seguir Cristo, simplesmente porque nunca as convidamos? Quantas pessoas estão ansiosas para serem evangelizadas e acabam frustradas por nossa falta de coragem em falar de Cristo? Quantas pessoas decoram a palavra "sim" para o momento de alguém perguntar se desejam aceitar Jesus no coração e ficam com o "sim" guardado por falta de quem lhes pergunte: "Quer?"

Eu fui chamado para pregar as Boas Novas. Você também foi chamado para falar do amor de Deus. Todos nós, cristãos temos como tarefa básica, testemunhar de nossa salvação e conduzir pessoas à presença do Senhor. E por que não fazemos isso? Há quanto tempo estamos inertes, descansados, calados e indiferentes ao que o Senhor deseja de nós?

"Como ouvirão se não há quem pregue?" Não temos a obrigação de converter pessoas, porém, temos a obrigação de proclamar a Palavra de Deus. Se falamos de Deus, fazemos o bem e se não falamos, deixamos de fazer o bem e cometemos pecado. Se obedecemos a vontade do Senhor, nos alegramos e alegramos ao Senhor. Se não obedecemos, ficamos tristes e entristecemos o coração de Deus.

Quantas pessoas você convidou para Cristo no último ano?

Paulo Barbosa

É UMA PENA


domingo, 9 de dezembro de 2018

AMIGO VERDADEIRO

"O homem que tem muitos amigos sai perdendo; mas há amigo mais chegado do que um irmão" 

Provérbio 18.24

Há no Talmude a história de um judeu que tinha três amigos. Um dia, ele foi chamado ao tribunal a fim de defender-se de certas acusações. O judeu estava aterrado. Foi ter com três amigos, e pediu-lhes que o acompanhassem. O primeiro respondeu:

-Não, eu não farei nenhum bem em ir; nem a você nem a mim mesmo.

O segundo disse:

-Bem, é uma coisa muito perigosa estar ao seu lado. Talvez o imperador o acuse de alguma grande ofensa contra a lei. Se eu for visto com você, ele poderá pensar que tenho parte em sua culpa. Contudo, irei com você até à porta do tribunal.

E assim ele se dirigiu ao terceiro amigo, que lhe respondeu:

-Não tema, irei com você até à presença do imperador. Dir-lhe-ei que conheço você e tenho confiança em você, e não o deixarei, enquanto você não for solto, como espero que há de ser.

E assim o fiel amigo cumpriu sua promessa.

O verdadeiro amigo está pronto a ajudar até o fim.

Fonte: http://recursoshomiletica.blogspot.com.br

A FELICIDADE QUE QUERO