sábado, 30 de julho de 2011

SEGURANÇA

Porque eu, o Senhor teu Deus, te seguro pela tua mão direita, e te digo: Não temas; eu te ajudarei


Isaías 41.13


Segurança é uma necessidade vital do ser humano. O coração precisa sentir-se seguro para que a alma possa seguir em frente sem medo. Lembro-me de Pedro afundando nas águas do mar e de seu desespero em ser salvo.

Quando a gente passa por algum incidente na vida que deixa marcas profundas, é preciso ser muito forte para seguir em frente sem que o medo apavore a alma e deixe a vida massacrada pelas lembranças.

Quando Jó saiu de Sodoma, o anjo lhe disse: "não olhes para trás de ti". O que o anjo quis dizer foi que, agora, era preciso que Ló seguisse sua vida, digamos sua nova vida. Sodoma era passado. Ele poderia lembrar o que passou? Claro que sim! Mas não poderia viver assombrado pela acabara de perder.


Meu filho de apenas 1 ano sempre procura os braços de "mamãe" ou "papai" diante de algo que lhe assuste. Se agíssemos assim, com certeza o mal que nos assombra seria facilmente dissolvido de nossa vida. 

Ministério Livres para Adorar - Nunca me Deixou

O SONHO DO SAPATEIRO

Quem der a beber, ainda que seja um copo de água fria, a um destes pequeninos, por ser este meu discípulo, em verdade vos digo que de modo algum perderá o seu galardão.


Mateus 10.42

Um sapateiro muito piedoso sonhou que Jesus falou com ele: "Amanhã cedo venho tomar café na tua casa, preparas-me um delicioso desjejum".

O homem acordou impressionado com nitidez do sonho e, mesmo contra a sua razão, preparou uma mesa farta, sentou-se, e aguardou.

Lá pelas nove horas alguém bate à porta. Com o coração sobressaltado, ele corre atender, mas, para sua decepção, é apenas uma garotinha. Ela está com cara de faminta, roupa suja e sapatos arrebentados. Na esquina, há mais duas crianças em igual estado, irmãos dela, aguardando algum ato de generosidade do sujeito.

Ele logo se esqueceu do sonho e tratou da realidade, alimentou as crianças, ofereceu-lhes banho, roupa limpa e uns pares de sapatos consertados que alguns clientes abastados nunca vieram buscar.

Naquela noite o sapateiro sonhou novamente com Jesus, e reclamou: "Preparei uma mesa farta para o Senhor, mas não viestes cear comigo.

Jesus, com um belo sorriso, respondeu: "Eu estava presente à tua mesa, quando cuidastes daqueles pequeninos"
Autor Desconhecido

quinta-feira, 28 de julho de 2011

FRACASSOS

Salmos 51:3,4,6 - "Pois eu mesmo reconheço as minhas transgressões, e o meu pecado sempre me persegue. Sei que sou pecador desde que nasci, sim, desde que me concebeu minha mãe. Sei que desejas a verdade no íntimo; e no coração me ensinas a sabedoria."

Quando você fracassa em não alcançar os resultados desejados, qual é a primeira coisa que você deve fazer? Assumir o fracasso. Se você não assumir responsabilidades pelos seus fracassos, você continuará a experiemntar mais e mais deles.

Mas existe um caminho melhor. Porque você pode assumir total responsabilidade pelo seu fracasso, você pode também se autocapacitar para ir muito além dos seus fracassos. Quando você assume os seus fracassos, você passa a decidir quais serão os resultados futuros e eles poderão ser aquilo que você deseja que eles sejam.

Admita seus fracassos, assuma-os, abrace-os. Quando você se abre para assumir a sua própria responsabilidade pelos seus próprios fracassos, você se posiciona para magníficos sucessos.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

NÃO TINHA TEMPO PARA DEUS

Esta é a história, em oito capítulos, de um homem que nunca achou tempo para Deus:

1.°: Quando criancinha, quiseram ensiná-lo a falar com Deus, mas alguém objetou: 'É muito cedo para pensar em Deus. Não compreende nada ainda."


2.°: Quando virou menino, acharam bom mandá-lo para a escola Dominical, mas logo veio a resposta: "É muito criança para pensar em Deus."


3.°: Quando era jovem, chegou convite para um encontro de jovens. Ele estava entretido com sua namorada. Outros responderam por ele: "Muito apaixonado para pensar em Deus."


4.°: Quando homem feito e casado, sua esposa pedia que fosse à igreja aos domingos, mas ele respondia: "Estou muito ocupado para pensar em Deus."


5.°: Houve vigília e oração na igreja. Quiseram acordá-lo de madrugada a fim de participar de um ato de fé, mas os amigos responderam: "Deixem-no. Está muito cansado para pensar em Deus."


: Uma vez, absorvido pelos negócios, convidaram-no para fazer a participar da páscoa. Ele, porém, respondeu: "Estou muito preocupado, para poder pensar em Deus."


7.°: Quando, já bem idoso, quiseram fazer uma reunião em sua casa para louvar a Deus, os netos objetaram: 'Muito velho para pensar em Deus."


8.°: Quando estava sendo levado para o cemitério, o demônio gargalhou maldosamente no rosto dele: "Muito tarde para pensar em Deus."

segunda-feira, 25 de julho de 2011

A NOSSA ALEGRIA!

Neemias 8:10 - "... portanto não vos entristeçais; porque a alegria do SENHOR é a vossa força".

Entre os alunos de uma escola, estava um jovem que usava muletas. Embora não fosse bonito, tinha um talento especial para amizade e otimismo. Ele ganhou muitas honrarias escolares e também o respeito de seus colegas. Certo dia, um aluno novo lhe perguntou a causa de sua incapacidade. "Paralisia infantil", respondeu o jovem. "Com um infortúnio assim", exclamou o colega, "como você consegue enfrentar o mundo com tanta confiança e alegria?" "Oh", respondeu o que usava muletas, "a doença nunca tocou em meu coração."

Por que permitimos, às vezes, que os motivos de nossas angústias entrem em nosso coração? Por que não deixamos, do lado de fora, todas as nossas tristezas e frustrações? Na maioria das vezes, elas entram porque o nosso coração está vazio, sem a presença de Deus, que  impede a entrada de tudo que tire nossa paz, nossa alegria e a certeza de nossas vitórias.

Pode a paralisia infantil de um jovem, tirar-lhe a felicidade? Não. Pode a cegueira de um servo, tirar-lhe a fé e a confiança em uma vida cheia de conquistas? Não. Podem os problemas financeiros, ou de doenças, ou de solidão, ou de decepções, impedir que você seja feliz? Claro que não.

Quando as lutas se apresentarem diante de você, levante os olhos para os Céus e diga ao Senhor Jesus: "Apesar de todos os contratempos, Tu és, Senhor, a minha alegria"

sexta-feira, 22 de julho de 2011

UM DIA PARA LEMBRAR

Salmos 90:12 - "Ensina-nos a contar os nossos dias para que o nosso coração alcance sabedoria."

Daqui a dez anos, do que você irá se lembrar do dia de hoje? A roupa que você estava usando, ou o que você comeu no almoço ou o programa de TV que você assistiu hoje à noite? Provavelmente não. Existe alguma coisa a respeito de hoje que será realmente memorável ou tudo isso não é mais do que uma sequência de dias que se desvaneceram depois de uma semana ou duas?

Considere que existem coisas que você pode fazer hoje as quais poderão se tornar memoráveis; coisas que quando você olhar para trás, daqui a dez anos, você ficará feliz de ter feito o que fez. Existem pessoas com as quais você pode compartilhar o seu tempo; alvos que você pode estabelecer e começar a agir em cima deles; problemas frequentes que você começa a resolver, coisas novas a aprender e experiências que você se permite desfrutar.

Você vai se lembrar do dia de hoje daqui a dez anos? Talvez. Talvez não. Apenas imagine quão gratificante seria a sua vida se você tentasse fazer de cada dia um dia realmente memorável.

REI FELIPE DESCANSADO

– Declaro essa mulher culpada. Prendam-na – sentenciou o rei Felipe da Macedônia, depois de um rápido julgamento no final do dia.


– Apelo! – exclamou a mulher.


– Apelas a quem? – perguntou o rei, surpreso. – Desconheces que não há outra autoridade maior do que a minha?


– Apelo ao rei Felipe descansado... – replicou ela.


Percebendo que a sentença, de fato, tinha sido proferida após um extenuante dia de trabalho, o rei Felipe reconheceu as razões da mulher e atendeu à apelação.


Qualidade nas decisões: A historinha do rei Felipe descansado, obviamente, se aplica aos profissionais estressados, que precisariam às vezes priorizar o descanso, em um local adequado para "esfriar a cabeça" e reciclar as energias.


O cérebro cansado não tem agilidade nem tranqüilidade para avaliar todos os aspectos de uma decisão complexa. Imaginem o custo que pode ter, para a empresa, uma série de decisões tomadas erradamente.


Descansar não é tudo. O novo conceito de lazer é uma constante realimentação de energia que a pessoa obtém através do contato com a natureza, a cultura e o esporte.


(Trecho do livro Vida com Qualidade)
Prof. Gretz

quarta-feira, 20 de julho de 2011

CHUVA DE SANGUE

Com efeito, quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e, sem derramamento de sangue, não há remissão.

Hebreus 9:22  

No Antigo testamento, qualquer aproximação de Deus tinha como exigência sangue. Todos os dias, sangue de animais inocentes eram derramados sobre o altar, pois só o sacrifício de um animal inocente e perfeito podia aproximar o homem sincero e arrependido de um Deus Santo. Sem essa aproximação não havia modo de o homem reconciliar-se com Deus.


No entanto, ao morrer naquela cruz, Jesus ofereceu a si mesmo no altar de Deus e derramou seu sangue como sacrifício pelos pecados. Diz a Bíblia: o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado. O mais importante neste versículo é que, a partir de Jesus não se necessita de animais para selar uma aproximação a Deus. Ela acontece através do Filho de Deus, através do seu sangue.

Por isso, o homem que desejar aproximar-se Deus deverá lavar-se no sangue de Jesus. Tal qual a chuva cai sobre a terra e lava a terra e plantas o coração humano precisa de uma chuva de sangue que limpe, purifique e o torne apto a ser redimido.

Voz da Verdade - Chuva de Sangue.

terça-feira, 19 de julho de 2011

O AMOR REGENERA

Aquele soldado não tinha conserto. Estava de tal modo comprometido que era impossível corrigi-lo. Não havia semana em que não perdesse um ou dois dias na cadeia. Oficial novo que chegava ao regimento era logo avisado acerca daquele pobre soldado. Estava marcado.

Designado para servir no regimento, chegara um tenente cuja vida espiritual se plasmara na comunhão com Jesus Cristo. Ouviu falar na icorrigibilidade do soldado marcado. Orou por ele e procurou um meio de ajudá-lo. Seria possível?

Certo dia, de plantão o jovem oficial, o soldado foi trazido à sua presença acusado de mais uma falta. O cinismo retratava-se nas feições daquele moço viciado. Já sabia o que o esperava: cadeia. Ignorava apenas quantos dias.

Teve, porém, uma surpresa. O tenente olhou-o co bondade e falou-lhe com mansidão:

— A sua falta é grave. Você é reincidente. Mas, desta vez, você não vai ficar preso. Resolvi perdoá-lo. Pode ir.

O pobre rapaz ficou boquiaberto. Não era possível! Lágrimas brotaram de seus olhos. Gaguejou um “obrigado” e retirou-se confuso. Era outro homem, porém. Nunca mais foi preciso castigá-lo. O incorrigível corrigira-se.

(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 19710

RENOVADOS EM CRISTO

2 Coríntios 5:17 - "Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo".

Não há renovação espiritual se não nos arrependermos de tudo que colocamos no lugar da vontade de Deus para nossas vidas. A verdadeira renovação nos leva a um relacionamento pessoal com Jesus Cristo como Salvador e a uma submissão a Ele como Pai soberano."

Como poderemos dizer que somos novas criaturas, que as coisas antigas já passaram, que fomos renovados pelo Espírito Santo, que não temos mais aquela vida fútil que levávamos antes de conhecer o Senhor, se continuamos a mostrar os mesmos galhos secos e sem frutos da velha natureza?
 
Conversão não significa apenas mudar de igreja, ou usar uma camiseta com um versículo bíblico, carregar uma Bíblia debaixo do braço ou nascer em um lar cristão. Antes de uma mudança exterior, é necessário que mudemos por dentro, que compreendamos o que significa ser um "filho de Deus", que nos apresentemos como verdadeiros discípulos e imitadores do Senhor, que passemos a mostrar o brilho e a beleza de Cristo em nossas atitudes.
Como poderemos ter coragem de dizer que somos do Senhor se Ele não faz parte de nossas prioridades? Como nos apresentaremos como soldados do Rei Jesus se vivemos "escondidos" de Sua presença? Como poderemos afirmar que fomos lavados pelo "sangue do Cordeiro" se o que falamos e fazemos provam o contrário? Se a nossa vida espiritual foi renovada pela presença do Senhor em nossos corações, todos perceberão, mesmo que nada falemos sobre isso.
 
Deixemos, verdadeiramente, o Senhor nos transformar. Deixemos que Ele molde todo o nosso procedimento. Deixemos que Ele seja o Senhor de nossas vidas. Assim, seremos muito felizes e a nossa vida será muito mais abundante e vitoriosa.

domingo, 17 de julho de 2011

O MAIS PURO AMOR

O amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem

Romanos 12.9

Todo mundo sonha com o amor. Com aquela situação em que o coração é cheio de seus doces frutos. Encontrar alguém que lhe complete, que lhe ajude a viver e que seja por companhia o resto dos seus dias é busca árdua e decepcionante, porque aqui e acolá nos deparamos com uma situação em que o sonho vira pesadelo. Alguém em quem acreditávamos nos rouba a esperança e nos deixa o rancor  no coração.

No entanto uma coisa é certa. Nós humanos temos grande capacidade em espalhar o amor, mas preferimos oferecer um pouco de mal: a desconfiança, a indiferença, a surdez, a timidez, o desprezo; Claro que nós mesmos temos feito muito para merecer isso. Mas é preciso rever o conceito de amor, porque amar é incondicional, não se tempera com o mal sofrido nem vive do passado. É preciso que a humanidade conheça o mais puro amor e só assim saberá amar como convém.


Só Jesus oferece ao homem a oportunidade de viver um grande amor. Não aquele dos romances ou das novelas, mas um real que aconteça no dia-a-dia e se espalhe por toda a vida. Um amor bem maior que o universo, que vive a alegria de ser feliz.

Ana Paula Valadão - O mais Puro amor.


sábado, 16 de julho de 2011

O MELHOR DA VIDA

João 14:6 - "Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim."

Tente segurar água em suas mãos e ela vai se esvair rapidamente. Porém, se você se imergir dentro de uma piscina cheia da mesma água, ela vai estar continuamente ao seu redor pelo tempo que você queira.

A vida é da mesma maneira. A vida não pode caber e nem pode ser segura pelas suas mãos. Para experimenta-la em sua plenitude você precisa se imergir dentro dela. É necessário deixar que a vida flua completamente para que você possa experimenta-la com alegria.

Ao contrario do que é constantemente pregado na nossa sociedade, absolutamente não é necessário possuir algo para que você venha a desfrutar o melhor desta vida. Muito frequentemente nós gastamos tempo, esforço, energia e dinheiro tentando possuir aquilo que jamais poderá realmente nos satisfazer. O conceito “precisar” assume grandes e reais limitações. A realidade porém, é que quando você está livre da necessidade de possuir você está verdadeiramente livre da limitação. E uma vida com Deus é a melhor coisa da Vida, enquanto não descansarmos em Deus, nosso coração sempre estará inquieto.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

SE EU APENAS TE TOCAR

porque dizia consigo mesma: Se eu apenas lhe tocar a veste, ficarei curada.
Mateus 9:21

Uma mulher estava doente há 12 anos e diz a Bíblia que ela havia gastado tudo quanto possuía com médicos na busca da cura, mas tudo fora em vão. Ela tornara-se triste e angustiada. No entanto, ao saber que Jesus passava por ali, voltou a esperança, pois o coração dizia: Se eu apenas lhe tocar a veste, ficarei curada.

Tocar em Jesus significou a libertação, a cura e a restauração daquela mulher! Diferente de todos os outros humanos ela só precisou tocar no Mestre para que o seu milagre acontecesse. Ela só precisou estender a sua mão no meio da multidão e receber a transformação de vida. Agora não era a dor que lhe acompanharia, não era a solidão que estaria com ela a noite. Não...

Aquela mulher não ousou dirigir a palavra a Jesus, a contar-lhe sua situação e suplicar um milagre, pois ela sabia que tudo do que precisava era a fé e a disposição em ir ao Mestre. Isso fez toda a diferença...

Jesus ainda continua entre nós. E todo o que anseia um milagre pode encontrar. Diz a Bíblia: buscarás ao SENHOR, teu Deus, e o acharás, quando o buscares de todo o teu coração e de toda a tua alma. Ao encontrar-se com o Mestre você só precisa lhe tocar. Você crê?

Mariana Valadão - Se Eu Apenas Te Tocar.

SALVO PELA TEIA

Conta uma velha lenda que, no inferno, gemia e penava a alma de um ladrão. Clamava sempre pelo céu. Parecia-lhe impossível, porém, conseguir a mudança.


Desanimava-se, quando lhe apareceu um anjo celestial e perguntou-lhe se se lembrava de algum bem que houvesse feito enquanto vivera na terra. Não, não se lembrava. Fora ladrão, egoísta, cuidara apenas de si. Nada fizera em favor de outros. Foi então que o anjo lhe disse que, certa vez, quando ele, ladrão, descansava à beira de uma estrada, vira uma aranha que ia ser pisada pelos que passavam e dali a tirara. Esse ato bom fora registrado e seria aquela aranha que o salvaria. Mostrou-lhe o anjo um fio de teia de aranha que do céu descia até o inferno. O fio lhe pertencia, por ele subisse ao céu.


Começou a escalada. Ia contente. Enfim, seu sonho se tornaria realidade. Logo mais, livre do inferno, estaria no céu.


De repente, lá em baixo a ponta do fio oscilou violentamente. Olhou e viu, alarmado, inúmeras almas que subiam pelo fio acima. Não se conteve e protestou:


— Larguem do fio! Ele é só meu! Fui eu quem salvou a aranha! Larguem!


Nervoso, irritado, sacudia o fio para que os outros caíssem. Aconteceu o inesperado: partiu-se o fio e o ladrão caiu de novo no inferno. Levantou-se a protestar. O anjo se aproximou e lhe disse:


— Tu não te acostumarias no céu. És muito egoísta. O céu é o reino do amor. Não te darias com o seu clima.

Será que nos acostumaremos com o céu? Nossa mudança para ali será realmente agradável? Se não vivemos a vida de amor dificilmente nos aclimataremos.


(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 1971.)

quinta-feira, 14 de julho de 2011

NÃO FUJA

“Jonas se dispôs, mas para fugir da presença do SENHOR...”

 Jonas 1:3ª

Você já deve ter visto ou ouvido falar de grandes fugas. Uma dessas é contada no filme “A Fuga de Alcatraz”. Mas nem todas essas investidas acabam bem. Um dia desses foi reportado a descoberta de um túnel que dava acesso a um dos presídios paulistas. Nesse caso, o plano para escapar da cadeia foi  frustrado. Encontramos na Bíblia a tentativa sem sucesso de fuga do profeta Jonas. Ele não estava preso, mas fugia de uma ordem de Deus.

O SENHOR havia chamado Jonas para pregar contra a malícia crescente da cidade de Nínive, capital do império Assírio (Jonas 1:1-2). O profeta, porém, fugiu da presença de Deus, ou pelos tentou. Em vez de ir para o destino apontado, Jonas pegou um barco para Társis, cidade que ficava na direção totalmente contrária e distante de onde deveria ir. Daí em diante ocorre uma sucessão de acontecimentos dirigidos pelo SENHOR soberano, de modo que o profeta foi lançado ao mar para que a tempestade que assolava o navio cessasse.

Deus salvou o seu profeta por meio de um grande peixe, no ventre do qual Jonas permaneceu três dias e três noites (1:17). Em ato soberano sobre a natureza, o SENHOR fez o animal aquático vomitar Jonas na terra. Depois de receber outra vez a ordem de pregar aos ninivitas, o profeta obedeceu.

A fuga de Jonas é a nossa também. Tentamos fugir daquilo que o SENHOR nos ordena. Fazemos isto quando deixamos de orar, congregar, ler a Bíblia, evangelizar e, principalmente, quando deixamos de amar. Paremos de fugir de nossas responsabilidades.

Como Jonas, muitas pessoas tentam fugir da presença de Deus. Não podemos fugir da presença de Deus, mas podemos levar uma vida totalmente desprovida da presença de Deus no sentido de não fazer o que lhe agrada. Se você é uma pessoa assim, mude de atitude. Na verdade, não adianta fugir de Deus. Será um esforço inútil. Hoje te convidamos a parar de fugir de Deus e render-se ao Salvador, que é Cristo Jesus, o Senhor. Convide-o a ser presente em seu viver.

Pr. José Roberto

PERGAMINHOS

Logo depois da Segunda Grande Guerra, humilde pastor conduzia seu rebanho nas proximidades do Mar Morto. Violenta tempestade fez com que entrasse numa caverna desconhecida, onde encontrou vasos de barros com alguns rolos dentro. Pelo chão, pedaços de vasos quebrados e rolos desfeitos. Levou alguns pedaços à cidade para estudo dos entendidos. Com auxílio da química, foi possível examinar a parte interior dos rolos. E, cousa admirável, verificou-se que eram cópias dos textos de Isaías e de Habacuque. Velhos de dois mil anos, aqueles rolos haviam sido escondidos ali antes do nascimento de Cristo. Era mais uma ponte que se estendia entre a igreja do Antigo Testamento e a do Novo Testamento.

(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 1971)


VER A ETERNIDADE

quarta-feira, 13 de julho de 2011

A FÉ

Hebreus 11: 6 -“De fato, sem fé é impossível agradar a DEUS...”

Aquilo que eleva um cristão acima dos outros não é sua aparência, inteligência, talento ou oportunidade. É a fé.  Os olhos de DEUS vivem passando de lá para cá pela Terra, olhando para homens e mulheres de fé. O novo testamento diz que a coisa que DEUS requer da nossa parte é a fidelidade.

A fé vem através da Palavra de DEUS. E também vem por meio do ESPÍRITO SANTO, porquanto que a fé é um dos frutos da presença do ESPÍRITO em nós. Porém, também existe uma outra maneira pela qual a fé nos é conferida, em Romanos 1:17 nos mostra que o justo viverá pela fé. Em outras palavras, quando damos um passo de fé, ela é ampliada para darmos o passo seguinte. As pessoas que nunca confiam em DEUS quanto ao primeiro passo de fé, nunca se tornarão poderosas na fé, e DEUS não poderá usa-las suficientemente, apesar de quanta habilidade natural elas possam ter. Diz o trecho de Romanos 14:23: “E tudo que não provém de fé é pecado”. Muitos cristãos limitam o uso que DEUS faz deles devido ao pecado da incredulidade.

A FÉ é muito mais valiosa para nós do que a inteligência, capacidades, força, dinheiro ou talentos. A fé é o que nos leva a chegar onde DEUS nos quer levar. Para chegarmos nesse ponto, muitas vezes, talentos e inteligência não nos são de muita serventia, a fé na sabedoria de DEUS, a fé no poder de DEUS, a fé no amor e na fidelidade de DEUS, sim, é tudo de que precisamos.

terça-feira, 12 de julho de 2011

RESSUSCITA-ME

Estando ele ainda falando, chegaram alguns do principal da sinagoga, a quem disseram: A tua filha está morta; para que enfadas mais o Mestre? E Jesus, tendo ouvido estas palavras, disse ao principal da sinagoga: Não temas, crê somente.

Marcos 5.35-36

Enquanto Jesus andou neste mundo, ele nunca permitiu um morto sair de sua presença rumo ao cemitério. Não, o mestre sempre afastou a morte. Quem andou com Jesus conheceu a vida em sua plenitude mais real, encontrou a paz em meio a guerra, foi desafiado a amar mesmo quanto impossível e viu poder para devolver vida e sonhos perdidos.

A Filha de Jairo estava morta, seus dias terminaram, seus sonhos destruídos e seu corpo começava a decompor. Não havia mais nada a ser feito pelos homens, a não ser chorar e lamentar. Quantos de nós estamos assim? Sem esperança, sem sonhos, sem vida. Vamos vivendo um dia a trás do outro sem alegria nem paz. Apenas vivemos...

Lázaro estava morto a mais tempo: 4 dias. Quando Jesus pediu para que o túmulo fosse aberto, muitos o advertiram: "Já fede". Jesus conhece cada um de nós e sabe onde estamos mortos e vê claramente a podridão que se encontra em mim.

Ressuscita é a palavra de ordem de Jesus. Ele falou a filha de Jairo e a lázaro e eles voltaram a vida. Jesus também ressuscita sonhos, traz de volta a esperança e ensina a amar. Minha oração é que ele te traga de volta a vida e te mostre que é possível ainda amar e vencer.

Aline Barros - Ressuscita-me.

SALVO PELA BÍBLIA

Moço crente, convocado para defender a Pátria nos campos de batalha, lá se foi ele, deixando um vazio na sua união de jovens.



A guerra era dura. As saudades de casa, da igreja, dos amigos eram tremendas. Estava sempre com Deus, pela oração e pela constante leitura do Novo Testamento e dos Salmos. Na hora da batalha, guardou o precioso volume no bolso da túnica.



No crepitar do tiroteio, sentiu no peito o impacto violento da bala inimiga. Mas, milagre! não estava ferido... A bala se chocara com o volume sagrado e nem atingira sua pele.



Mais uma razão para amar a Palavra de Deus.



(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 1971.)

A BÍBLIA COMO GUIA

domingo, 10 de julho de 2011

NÃO ERAM OVELHAS...

Era um homem bondoso o cura de La Roudaire, cidadezinha francesa de Bourg-em-Forêt. Atento à necessidade de seus paroquianos velava em particular pelos pobres e desprotegidos.

Entre os necessitados havia dois irmãos infelizes: uma jovem cuja vida fora desviada do seu curso de pureza graças a impiedade humana e um moçço doentio que, sem a assistência da irmã, órfãos ambos, abandonado ele à sua pobreza e miséria, enquanto ela estivera na prisão, ficara corcunda.

Desprezado por todos, perambulava o corcunda pelas vielas escuras da cidade quando, uma noie, um grupo de jovens bêbados o tomou para suas brincadeiras de mau gosto, que culminaram em deixá-lo amarrado a um poste de iluminação. O bondoso padre, passando e vendo, tirou-o dali e levou para tratar suas feridas. Pouco depois, no entanto, as águas do rio recebiam o seu corpo e o sepultavam na morte. Suicidara-se. A mesma sorte era reservada à sua irmã que, desanimada e abatida, golpeada pelo que sucedera ao irmão, suicidava-se no mesmo dia.

Marcada a hora do enterro, as casas de comércio cerravam as portas para que todos pudessem assistir à cerimônia fúnebre. Templo cheio. O cura subiu ao púlpito. Ali estavam, no meio da igreja, cercados de gente, reinava o silêncio!

E o cura começou:

-- Cristãos!

A palavra soara como uma chicotada. E, de novo:

-- Cristãos! Quando, no Dia Final, o Senhor me perguntar: “Pastor de La Roudaire, onde estão as tuas ovelhas?” não lhe responderei. Nem mesmo que me pergunte segunda vez. Mas se terceira vez Ele me fizer a mesma pergunta, eu, coberto de vergonha, responderei humilde: Não eram ovelhas, Senhor; eram lobos famintos.

(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 1971.)

sábado, 9 de julho de 2011

DOMINANDO PELO AMOR

Dirigia a Penitenciária do Estado de São Paulo o prof. Flamínio Fávero. Cristão evangélico, implantara naquela casa um regime novo, substituindo o castigo pela bondade.

Desde o começo de sua gestão como diretor procurou manter, para com os sentenciados, uma atitude bondosa e paternal. Eles começaram a tratá-lo do “nosso pai”.

Tal orientação, porém, não satisfazia a certas pessoas que tudo fizeram para prejudicar a obra do diretor.

Instrumento de insufladores, um sentenciado, certo dia, revoltou-se contra os guardas e, armado de faca, mostrava-se perigoso. Esgotados os recursos para submetê-lo, resolveram chamar o diretor. Este residia longe, mas atendeu prontamente ao chamado. A primeira coisa que fez foi pedir aos guardas que se retirassem, que o deixassem só com o sentenciado ameaçador. Fizeram-lhe ver o perigo. Não importava. Saíssem.

A sós, frente a frente com o criminoso irado, dirigiu-lhe o prof. Flamínio Fávero palavra de conselho, chamando-o à razão. O homem mostrava-se irredutível. O diretor entrou na cela. O preso advertiu-o a que não entrasse, não respondia por algum desatino, podia feri-lo... O diretor, falando mansamente, lembrava-lhe a amizade que lhe dispensara. O preso ameaçava. Às tantas disse que se entregaria desde que não sofresse nenhum castigo. O diretor disse-lhe que nada poderia prometer-lhe, que largasse a faca. Sucedeu, então, o inesperado. O homem atirou a faca longe de si, rendeu-se e, chorando, disse ao diretor:

— Doutor, eu com o senhor vou até o inferno.

O amor dominara-o. É grande o seu poder.
 
(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 1971

sexta-feira, 8 de julho de 2011

ELIMINANDO O ATRITO

Era costume engraçado o daquele homem. Entrava numa casa. Rangia uma dobradiça? Tirava ele do bolso uma latinha de óleo e, com todo o cuidado, deitava uma gota na dobradiça e, pronto, desaparecia o barulho incômodo.

A palavra amistosa, cordial, fraterna tem o efeito, nas relações humanas, da gota de óleo na dobradiça. “Bem aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus.”

(Extraído de VASSÃO, Amantino Adorno. Esteiras de Luz. Rio de Janeiro: Juerp, 1971.)




quinta-feira, 7 de julho de 2011

FUI TRANSFORMADO

2 coríntios 5:17 - "Pelo que, se alguém está em Cristo, nova criatura é...".

Muitas coisas maravilhosas acontecem quando abrimos o coração para o Senhor. Tudo se transforma em nossas vidas e o horizonte que se abre à nossa frente enche-nos de gozo e prazer.

Quando o Salvador nos alcança, somos transformados. E se não o somos, então, em verdade, não fomos alcançados. Quando Cristo passa a ser o Senhor de nossas vidas, todos percebem. O nosso rosto mostra um sorriso, as nossas palavras espalham vida pelos caminhos por onde passamos, as nossas mãos estão sempre prontas para ajudar o próximo, e se um ambiente estiver tomado por sombras escuras, a nossa presença pode iluminar completamente.
Como é bela a nossa vida após a transformação! As incertezas são substituídas por fé; a angústia por paz; a indiferença por um amor verdadeiro; o caminho sem rumo por uma certeza de onde se deseja ir e chegar.

Que você possa manifestar com alegria e adoração a Deus: "Eu fui transformado. .. e não quero voltar jamais ao que era antes".

segunda-feira, 4 de julho de 2011

DE ONDE VIRÁ O SOCORRO?

Salmo 121:1-2 - "Elevo os olhos para os montes: de onde me virá o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez o céu e a terra."

Existem momentos na vida de todo ser humano que parece não ter saída, situações difíceis, circunstâncias inesperadas e inexplicáveis chegam, então, você não consegue pensar, não consegue reagir, mas, aquele que confia no Senhor sabe que tem uma porta que se abre para cima, você deve elevar os seus olhos para muito além dos montes, olhar para o alto de onde vem o verdadeiro socorro, em meio a tantos perigos, tantas possibilidades de queda, o salmista diz que Ele não deixará vacilar o teu pé, sempre que você estiver em perigo, em dúvida, sem rumo e sem direção, parecendo que não tem solução.

Creia que há um Deus que intervém, é só clamar e confiar, quando a pergunta de onde me virá o socorro surgir, lembre-se: O socorro vem do Senhor, que fez o céu e a terra.

Não pense que estou sendo simplista, sei que as dificuldades são inúmeras, mas sei também que o mesmo Pai amoroso que enviava o maná todos os dias na porção exata para o povo lá no deserto, continua atento as dificuldades daqueles que esperam por Ele. Afinal, todos sabem que a Oração muda as circunstâncias. Você crê nisso? Então, você é mais que vencedor!

sexta-feira, 1 de julho de 2011

É POSSÍVEL!

Mateus 11:28 - "Vinde a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso."

Segundo Tolstoi, o homem forte domina os outros. O homem sábio se domina a si mesmo. E olhando para este pensamentos, podemos imaginar que é possível que existam inúmeras cicatrizes em você, a ponto de paralisá-lo diante dos desafios diários que a vida lhe oferece. São cicatrizes relacionadas com memórias de infância; ou de palavras que ainda ecoam em seu interior; cicatrizes talvez relacionadas a ressentimentos; ou quem sabe resultantes de julgamentos alheios.

As feridas desta vida podem ser disfarçadas com nossa personalidade, hábitos, e algumas vezes droga, sexo e álcool. São inúmeras as pessoas que ocultam uma alma ferida, escondendo-se atrás de uma máscara, como se as feridas não estivessem abertas e até sangrando constantemente; enfim, como se não existissem. Entretanto, sempre que são confrontadas por algo similar, no qual a dor teve a sua origem, novamente é reaberta a ferida.

A realidade é que jamais haverá cura para nosso mundo exterior, até que sejamos curados em nosso interior. O primeiro passo nessa direção consiste antes de tudo em admitir que a ferida existe, está viva, presente e influencia nosso ser. O segundo passo é entregar-nos Àquele que como ninguém conhece a mais profunda necessidade da nossa alma, JESUS CRISTO.  

A cura é possível!