domingo, 10 de abril de 2011

ELE SE FEZ MALDIÇÃO POR NÓS

Gálatas 3:13 - “Cristo nos resgatou da maldição da lei. Fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro.”

Ao meditarmos nesse versículo, o apóstolo Paulo nos faz lembrar da palavra de Deuteronômio 21:23, onde está escrito que todo o homem que fosse submetido a juízo de morte, e sendo este pendurado no madeiro, seu corpo deveria ser imediatamente retirado do patíbulo, ou seja, do lugar onde os condenados sofriam a pena de morte, a fim de que a terra não se contaminasse, uma vez que esta era herança do Senhor aos filhos da promessa, herdeiros de Abraão. E o povo hebreu seguia e zelava pelo cumprimento das leis instituídas por Deus por intermédio de Moisés. Porém, a lei embora fosse necessária, não podia justificar o pecado humano, conforme está escrito: Hebreus 10:4 - “Porque é impossível que o sangue dos touros e dos bodes tire os pecados.

E como sem derramamento de sangue não haveria remissão de pecados, conforme está escrito em Hebreus 9:22, Jesus além de oferecer a sua vida em sacrifício pelo pecado da humanidade, é imolado semelhante a um cordeiro mudo, o qual, em momento algum abriu a sua boca a fim de se defender, Isaías 53:7. E ainda com toda essa demonstração e ato de amor pelas ovelhas perdidas, Jesus é crucificado de forma a se fazer maldito em nosso lugar. Com esse ato, Ele retira o homem de debaixo do jugo da lei, e encerra todas as coisas debaixo da graça. Romanos 6:14 - “Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça.”

Assim como Abraão creu na promessa de Deus e foi justificado pela fé, após a morte de Jesus o homem é justificado por Seu sacrifício em favor de toda a humanidade, a saber, todo aquele que nele crer, bem como pela graça de Deus. Efésios 2:8 “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.” segundo está escrito em Gálatas 3:26, todo aquele que crer que Jesus é o Cristo, o Filho do Deus vivo se torna filho de Deus por meio da fé.

O maior preço já foi pago, Jesus se fez maldição por nós. Sofreu todas as dores e martírios que nenhum ser humano seria capaz de suportar. E mais que isso, o maior peso que Ele levou sobre si não foi a cruz, a humilhação e o sofrimento da carne no momento da crucificação. A maior dor que Jesus sentiu e o maior peso que teve de carregar sobre os Seus ombros foi o peso da nossa enfermidade espiritual, foi o terrível e incalculável peso dos pecados de toda a humanidade. Os pecados das gerações passadas, os pecados da geração presente, assim como os pecados das gerações futuras, e isso inclui a minha e a sua vida.

E nós, o que temos feito de Jesus, o ungido de Deus chamado o Cristo, o qual se fez maldição por nós? Não vamos nos envergonhar da Cruz de Cristo, pois Ele a carregou em nosso lugar. Que possamos compreender em Deus o verdadeiro sentido do sacrifício do Seu Amado Filho.

Um comentário:

Dora Tavares Duarte disse...

Por isso não estamos condenados a uma vida de tristezas e sacrificios porque Ele pagou o preço. Não existe maldição que se estabeleça na vida dos remidos de Deus. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo. Dora Tavares.