quinta-feira, 5 de maio de 2011

DOUTORADO ESPECIAL: SER MÃE

Pelo contrário, fiz calar e sossegar a minha alma; como a criança desmamada se aquieta nos braços de sua mãe, como essa criança é a minha alma para comigo.
Sl 131.2 
 
Se tem alguém que nos ama muito e sem nenhum interesse neste mundo, é a nossa mãe. É só lembrar que antes mesmo que nós fôssemos alguma coisa, quando éramos apenas células se formando, ela já nos aguardava e nos amava.
 
A Bíblia narra lindas histórias de mães, mulheres que mostraram ao mundo um pouco do amor de Deus. Ser mãe é ter um pouco de Deus dentro de si. Um sentimento que é maior que a própria vida. Não se esgosta nem finda, mas termina sempre em perdão, amor, carinho e perdão de novo. 
 
Nesta semana que antecede ao segundo domingo de maio, queremos oferecer a todas as mães mensagens de amor, de gratidão, de louvor. Quem poderia acordar de madrugada e cuidar de nossas tristezas? Quem poderia ficar feliz com os nossos sucessos e tristes com os nossos fracassos? Quem poderia chegar em casa tarde, cansada e ainda ter tempo para nos aconselhar, nos abraçar, nos ajudar? Quem perdoaria tanta ingratidão? Quem poderia nos amar do jeito que nós somos e virar uma fera quando somos magoados?
 
Só mãe! Mãe é anjo que não envelhece jamais! Mãe é sol que aquece até na noite mais escura! Mãe é a lembrança que até o louco traz no peito! Mãe é a pura forma de demonstrar amor! Mãe é presente de Deus dado aos homens! Mãe é um infinito na alma de mulher.


Um comentário:

Olivia disse...

Linda homenagem!!!!Amei.