quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

TAMBÉM NÃO SEI POR QUÊ

Em sua primeira estrofe, um dos hinos que mais aprecio declara:

"Não sei porque de Deus o amor
A mim se revelou.
Porque razão o Salvador,
Pra si me resgatou".
(Hino 3777 do Cantor Cristão) 

O hino foi escrito por Daniel Webster Whittle (1840-1901). Durante a guerra civil norte-americana (1861-1865), ele teve amputado o seu braço direito e acabou recolhido a um hospital. Enquanto se recuperava, procurou alguma coisa para ler. O único livro que encontrou foi um Novo Testamento, colocado na mochila por sua mãe. O conteúdo lhe pareceu interessante, apenas isto. Pouco tempo depois, um enfermeiro o acordou para lhe dizer que um jovem moribundo precisava de alguém que orasse por ele. Como Whittle se recusasse a ir, o funcionário argumentou:

– Pensei que você fosse um homem de oração, quando vi você lendo a sua Bíblia.

Por fim, concordou. Levantou-se e se assentou na cama do jovem, que lhe pediu: 

– Ore por mim. Peça a Cristo para me salvar. 

Whittle mesmo narra a cena seguinte: "Eu me ajoelhei e segurei as mãos do rapaz. Em poucas e trôpegas palavras, confessei meus pecados e pedi que Cristo me perdoasse. Naquele momento, eu cri que Ele me perdoou. Então, orei com convicção pelo jovem. Ele se acalmou e apertou minha mão enquanto eu orava, confiante nas promessas de Deus. Quando me levantei, o rapaz estava morto, mas havia paz no seu rosto antes angustiado. Parece incrível, mas Deus usou aquele rapaz para me levar ao Salvador e me usou para lhe levar a confiar no precioso sangue de Cristo e receber perdão. Espero encontrá-lo no céu." 

ISRAEL BELO DE AZEVEDO

Nenhum comentário: