domingo, 7 de agosto de 2016

UM MENINO DE DOZE TALENTOS

"Muito bem, servo bom e fiel; foste fiel no pouco, sobre o muito te colocarei." 

S. Mateus 25:21

- Fritz, venha cá imediatamente! - Era a voz do pai que chegava até o pátio onde a disputa da partida ia acesa.

- Para quê, papai? - o menino arriscou, na esperança de ganhar mais um minutinho de jogo.

- É hora do exercício. - A voz do pai era firme. Fritz sabia que tinha de ir. Relutantemente deixou os amigos e seguiu o pai para dentro da casa. Não é que Fritz não gostasse de praticar violino; ele gostava. Mas a verdade é que ele gostava muito mais de brincar com seus amigos do que percorrer as escalas do violino horas a fio; disto ele não gostava 

- Acho que agora chega, papai - ele se lamentou após a centésima vez em que repetia a escala de lá menor.

- Não, não chega, até que você consiga fazê-lo com perfeição.

Você nunca chegará ao máximo sem duro esforço.

Fritz Kreisler nasceu a 2 de fevereiro de 1875, no lar de um médico em Viena, Áustria. Seu próprio pai foi o seu primeiro professor. À idade de 7 anos Fritz deu o primeiro concerto. Foi-lhe então permitido freqüentar o Conservatório de Viena, embora a idade mínima exigida fosse 14 anos. Aos 10 ele se graduou com medalha de ouro. Conquistou então mais honras em Paris. Aos 13 deu o seu primeiro concerto nos Estados Unidos.

Como o homem da parábola, Fritz não apenas multiplicou os talentos que possuía, mas foi ganhando novos talentos ao longo de sua vida, bem como adquirindo novas habilidades.

Pela altura dos 12 anos ele era um consumado pianista. Mais tarde, em sua adolescência, aprendeu a pintar. Tornou-se também um bom conhecido compositor, tendo escrito mais de 200 peças. Aprendeu a ler em 8 diferentes idiomas.

E você, jovem leitor? Que está fazendo com os talentos que Deus lhe deu?

"Os jovens precisam ser impressionados com a verdade de que seus dotes não são deles próprios. Força, tempo, intelecto - não são senão tesouros emprestados. Pertencem a Deus; e deve ser a decisão de todo jovem pô-los no mais elevado uso." - Educação, pág. 57.

É esta sua resolução? Se é, como Fritz, você verá seus talentos aumentarem, e um dia ouvirá o Mestre dizer: "Bem está."

The World Book Encyclopedia, vol. 11, PP. 307

Nenhum comentário: