sábado, 23 de outubro de 2021

SUPORTAI-VOS UNS AOS OUTROS

Dá a quem te pede, e não voltes as costas ao que deseja que lhe emprestes

Mateus 5.42

Tantas vezes, ao sermos solicitados a ajudar certas pessoas necessitadas, inclinamo-nos a perguntar: "São cristãos? Estão procurando viver corretamente? Se não, porque os haveríamos de ajudar?" Há uma velha alegoria judaica, mais ou menos nesse teor:

Um dia Abraão estava sentado à porta da tenda, como tinha por costume, esperando hospedar estranhos, quando viu, caminhando em sua direção, um homem de cem anos, todo curvo e amparado em seu bordão, fatigado pelos anos e pela viagem. Abraão o recebeu bondosamente, lavou-lhe os pés, fê-lo sentar-se e lhe serviu a ceia. O ancião comeu, entretanto, sem pedir a bênção de Deus nem lhe dar graças. Ao ser-lhe perguntado por que não adorava o Deus do céu, o velho disse a Abraão que adorava unicamente o fogo, e não conhecia outro deus. Diante desta resposta, Abraão em seu zelo, ficou indignado a ponto de mandar embora o velho de sua tenda, expondo-o às trevas, aos males e perigos da noite, sem proteção.

Deus chamou Abraão e perguntou-lhe onde estava o estrangeiro. Ao que o patriarca respondeu: "Atirei-o para fora, pois não Te adora". 

Deus então respondeu: "Eu o tenho suportado por cem anos, se bem que ele me desonre, e tu não o pudeste suportar por uma noite, sendo que ele não te causou nenhuma perturbação?" 

Em vista disso, diz a história, Abraão o chamou de volta, foi hospitaleiro com ele, e proporcionou-lhe sábias instruções.


TRANSFORMAÇÃO

 

sexta-feira, 22 de outubro de 2021

O PODER DA PERSEVERANÇA

Quando a Igreja Young Nak foi fundada em 1946, com 27 refugiados norte-coreanos, reuniu-se em uma montanha em Seul, na Coréia. Tudo o que eles tinham era uma barraca surrada. Um domingo, o peso da neve que estava derretendo afundou atenda. Todos os membros da igreja eram terrivelmente pobres, não tinham dinheiro. Mas, apesar disso, o jovem pastor, Dr. Han, sugeriu que eles precisavam de um edifício para igreja, o que parecia uma impossibilidade. 

Uma senhora da congregação disse que não tinha dinheiro, mas estava disposta a dar sua aliança de casamento. Outra senhora disse que, além das roupas que vestia, sua única possessão era uma colcha que entregaria ao fundo da igreja. Ela dormiria quando outra mulher com quem morava acordasse, e usaria a colcha dessa mulher. Uma terceira mulher disse que tudo o que tinha era uma colher e uma tigela para comer arroz, e foi isso que ela deu. Ela pegaria emprestada a colher e a tigela da amiga. 

O dinheiro começou a chegar. 

Então começou a construção de um templo magnífico para a Igreja. Em 1950, os comunistas chegaram do Norte e pressionaram o Sul-coreanos quase até o mar. Passaram quase quatro anos antes que os membros da igreja do Dr. Han pudessem retornar a Seul para adorar naquele edifício, que durante a guerra os comunistas haviam transformado em um depósito de munições. 

Logo quando as forças das Nações Unidas afastaram os comunistas, um velho da Igreja Young Nak, foi ao prédio para examinar seu estado. Havia comunistas se escondendo lá dentro e eles disseram que iriam matá-lo. Antes de matá-lo, eles lhe concederam seu pedido para dedicar um momento à oração. Se você visitar a Igreja Presbiteriana Young Nak em Seul hoje, verá uma sepultura à direita do portão principal. É o local onde o primeiro mártir daquela igreja foi enterrado. 

Os contratempos, os desânimos, o martírio e as oposições são todos eles impossibilidades que os membros da Igreja Young Nak tiveram que enfrentar; mas, apesar disso, a persistência deles, que tem origem na fé em Deus, os fez seguir em frente. Hoje essa é a maior igreja presbiteriana do mundo.

 John Haggai / José Luis Martínez - 502 Ilustraciones Selectas

CONTINUAR

 

quinta-feira, 21 de outubro de 2021

POR QUE VOCÊ NÃO VEIO ANTES?

Nas memórias de Hudson Taylor, primeiro missionário protestante na China, é relatado o seguinte incidente: No final de um culto de pregação, um líder chinês, levantou-se dizendo com voz triste: "Durante anos e anos tenho procurado a verdade, assim como meu pai, que a procurou sem descanso. Viajei muito, li todos os livros de Confúcio, de Buda, de Lao Tsé, e não consegui encontrar descanso. E hoje, pelo que acabei de ouvir, sinto que finalmente meu espírito pode descansar. A partir desta noite sou seguidor de Cristo".

Depois, dirigindo-se ao missionário, com uma voz solene, ele perguntou: 

- Desde quando vocês conhecem as boas novas na Inglaterra?

- Por centenas de anos - respondeu Taylor.

- Como é possível que vocês conheçam a Jesus, o Salvador, há tanto tempo e nunca nos tenham comunicado? ... Meu pobre pai buscou a verdade por tantos anos e morreu sem encontrá-la. Por que você não veio antes, por que você não chegou mais cedo?

Taylor inclinou a cabeça e com profunda tristeza respondeu:

- Não tínhamos entendido a autoridade de Jesus quando ele disse: "Vá ao mundo inteiro e pregue o evangelho." Foi tudo o que ele pôde dizer.

 José Luis Martínez - 502 Ilustraciones Selectas

SEDE

 

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

A DIREÇÃO CERTA

Quer você se volte para a direita quer para a esquerda, uma voz atrás de você lhe dirá: "Este é o caminho; siga-o".

Isaías 30:21

É de grande importância andarmos pelo caminho verdadeiro; no entanto, convém notar que toda estrada possui duas direções e é preciso sabermos qual o rumo certo.

Um viajante que se encontrava nas montanhas Adirondack, em viagem para Chestertown, viu-se, ao cair da tarde, perdido numa estrada desconhecida. 

Dirigindo-se lentamente a um estábulo próximo, ouve um ruído e interroga sem ver ninguém: "É este o caminho certo para Chestertown?" Não recebendo resposta, insiste ainda com sua pergunta, e lhe responde o leiteiro que estava lá dentro do estábulo: "Sim; é o caminho, porém, não sei que direção você está tomando." 

Watchmann – Examiner.

UMA JANELA PARA A ETERNIDADE

 

terça-feira, 19 de outubro de 2021

A AMIZADE É MELHOR QUE O OURO

O homem de muitos amigos deve mostrar-se amigável, mas há um amigo mais chegado do que um irmão. 

Provérbios 18.24

Suas relações familiares ou de amigos são vitais para sua felicidade. O tempo gasto com pessoas que você ama nunca é desperdiçado.

As amizades são melhores do que o ouro. Elas satisfazem nosso interior. Selecione àquelas que o Espírito Santo lhe determinou, e cultive este aconchego.

Quando você para de produzir, a solidão e a preguiça abafam todo seu entusiasmo. Então comece um projeto em sua vida. Inicie a construção dos seus sonhos. Resista àqueles que querem controlar e mudar as suas metas pessoais. Mas, junte-se àqueles que lhe apoiam e lhe incentivam a realizar seus sonhos. Pois a felicidade de uma pessoa se compõe de duas metas:

01- As relações pessoais com quem você gosta.

02- E as suas realizações de propostas e sonhos para sua vida.

E nunca se esqueça  de que Deus deve fazer parte dos seus projetos de vida, porque ele é o patrocinador dos seus sonhos.

Prof. Freitas
(BASEADO NOS COMENTÁRIOS DO PR. MIKE MURDOCK)
Fonte: http://blogdoproffreitas.blogspot.com.br/

SEM PROGRESSO


 

segunda-feira, 18 de outubro de 2021

VIVENDO NUM MUNDO DESCRENTE

No início do Livro de Ester, lemos estas palavras: “Ester não revelou sua nacionalidade e origem familiar, porque Mardoqueu a proibiu de fazê-lo” (Ester 2:10). Os persas politeístas não exigiam que seus povos conquistados renunciassem a seus deuses, mas também exigiam que eles adorassem os deuses persas. Os judeus deviam adorar apenas a Jeová Deus. Portanto, a questão do Salmo 137:4 é a questão do livro de Ester. “Como devemos cantar a canção do Senhor em uma terra estrangeira?” Como uma pessoa de fé vive em um mundo sem fé?

Mardoqueu e Ester inicialmente criaram um mundo de identidade oculta. Você sabe, a compulsão de esconder nossa identidade como filhos de Deus afeta a todos nós. No trabalho, na escola ou na liga de boliche. Mas, em algum momento, cada um de nós precisa descobrir quem somos e o que essa identidade significa para nossas vidas.

Max Lucado
Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “Living in a Faithless World”

PERDOA

 

sexta-feira, 15 de outubro de 2021

PROFESSOR


CONFORME-SE OU SEJA TRANSFORMADO

Romanos 12:2 exorta: “Não se conforme com o padrão deste mundo, mas seja transformado pela renovação de sua mente.” Podemos nos conformar ou podemos ser transformados. Na história de Ester, ela e Mardoqueu escolheram primeiro se conformar e disfarçar sua identidade. Mais tarde, eles tomaram uma atitude corajosa.

Você sabe, os personagens da Bíblia são complexos. Eles não são figuras unidimensionais que se encaixam facilmente numa caixa de desenhos de escola dominical. Moisés foi um assassino antes de ser um libertador. Joseph era um moleque antes de ser um príncipe. Sim, o apóstolo Pedro proclamou Cristo no dia de Pentecostes. Mas ele também negou a Cristo na véspera da crucificação. O povo da Bíblia era exatamente isso: pessoas reais. E, como você e eu, eles tiveram seus bons momentos e, bem, eles eram conhecidos por esconder sua fé.

Escolha ser transformado.

Max Luado 
Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “Conform or Be Transformed”

quinta-feira, 14 de outubro de 2021

DESTAQUE-SE E AJUDE

1 Pedro capítulo 2, versículos 9 e 12 diz: “Vós sois um povo escolhido, um sacerdócio real, uma nação santa, um povo pertencente a Deus … Viva uma vida tão boa entre os pagãos que, embora o acusem de fazer coisas erradas, eles podem ver suas boas ações e glorificar a Deus.”

Como o povo de Deus vive em uma sociedade sem Deus? Eles se misturam e assimilam? Não, é hora de se destacar e ajudar. Fomos feitos para este momento. Não é hora de brincar. Você foi feito para mais do que redes sociais e festas chamativas. Você foi feito para servir ao Deus todo-poderoso e ser um templo de seu Espírito Santo. A sociedade não oferece nada. Hollywood não pode satisfazer suas necessidades. A Madison Avenue faz grandes promessas, mas deixa as pessoas sem esperança. Uma vida sem Deus não é uma vida para se viver.

Max Lucado
Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “Stand Out and Assist”

SÓ COM JESUS

 

quarta-feira, 13 de outubro de 2021

CAMINHO ERRADO

E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. 


Mateus 7:14

há alguns meses via a história de um jovem que foi acampar com  dois amigos e se perdeu na mata. Os bombeiros o procuraram por 20 dias e como não encontraram nenhum vestígios, desistiram das buscas. O pai do garoto, no entanto, nunca desistiu e após 71 dias de procura intensa encontrou o filho agonizando. Ele morreu em seus braços.

Essa história me faz lembrar do que Jesus nos disse no livro de Mateus: como é importante andarmos no caminho certo. Andando no caminho certo chegaremos ao destino certo. O mestre não estava falando literalmente das coisas dessa vida, algo muito maior, já que nessa caminhada, nós só temos uma única chance de acertar ou errar.

Mas como desassociar esse ensino da nossa vida? impossível! Mesmo assim fica o lembrete: Deus deseja que cada homem e mulher compreenda que a responsabilidade pelo futuro e destino eterno de cada um é consequência do caminho, primeiro escolhido, depois trilhado por nós.

Fandermiler Freitas 

A SABEDORIA SE APRENDE

terça-feira, 12 de outubro de 2021

COMO UMA CRIANÇA

Em verdade vos digo: Quem não receber o reino de Deus como uma criança de maneira nenhuma entrará nele.

Mc 10.15

Um dia, quando Jesus andava neste mundo, trouxeram-lhe crianças para que as abençoasse. Os discípulos vendo que o Mestre descansava e que se tratava de algo que não era tão urgente nem importante tentaram impedir. Mas Ele não só permitiu que os pequeninos se aproximassem como falou que se alguém não se tornar como uma delas não entrará no Reino de Deus.

O que significa se tornar como uma criança? Para isso, convém examinarmos o comportamento e os atos próprios delas: Uma criança confia inteiramente e se entrega de todo o coração a um adulto a quem conhece. Ela confia sem refletir. Se entrega totalmente. Sua confiança não é uma virtude é uma realidade vital.

Poucos dias antes, Jesus falou aos discípulos, dizendo que eles deixaram tudo e o seguiram, estavam lhe acompanhando nessa caminhada, aprendendo e ouvindo os seus ensinos, Ele os escolheu. No entanto, agora, ele dizia se não colocarem o coração em mim como uma criança faz, sem medo, desconfiança, com toda alegria não será possível entrar no céu.

Se você conhece Jesus, é seu seguidor, lembre-se é preciso ser como uma criança; Se você é apenas um simpatizante dos ensinos do Mestre, lembre-se: é preciso ser como uma criança. Não existe exceção, todos necessitam ter um coração como de criança para entrar no Reino de Deus.

PROFESSOR

 

segunda-feira, 11 de outubro de 2021

À PROCURA DO PERDIDO

Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.

Lucas 19:10

Em Londres num dos últimos anos muitos viajantes deixaram 122.000 luvas nos ônibus da cidade e nos metrôs. Deixaram também 62.000 guarda-chuvas e 14.000 pares de óculos. Sem dúvida, alguns dos possuidores fizeram grandes caminhadas para recuperar os artigos perdido, pois Deus pôs em nós forte aversão a perder nossos bens.

Uma ocasião Jesus disse três parábolas, cada uma das quais envolvia alguma coisa que se perdera. Na primeira foi perdida uma ovelha. O pastor tinha 99 outras ovelhas, mas deixou-as no redil e saiu pela noite a dentro, errando pelos montes e os vales do deserto até encontrar a ovelha perdida.

Na segunda, uma mulher perdera uma moeda. Possuía nove moedas mais, porém acendeu uma vela e varreu diligentemente a casa até encontrar a moeda perdida. Na última parábola, um pai perdeu um de seus filhos. Esse filho não estava fisicamente perdido, mas pior que isto, estava perdido no sentido espiritual: perdido em pecado. Abandonara a casa paterna e estava a desperdiçar a vida numa terra longe. 

 Fonte: http://www.iasdemfoco.net

NA MAIORIA


domingo, 10 de outubro de 2021

CONFIE NO SEU PASTOR

Talvez você não precise ter sua esperança restaurada agora – sua selva se tornou um pasto, sua jornada um deleite. Se esse for o seu caso, parabéns. Mas lembre-se, não sabemos o que o amanhã nos reserva. Você pode estar a um passo de um cemitério, de um vírus, de uma casa vazia. Você pode estar em uma curva na estrada de uma selva. E embora você não precise ter sua esperança restaurada hoje, você pode amanhã. E você precisa saber a quem recorrer.

Ou talvez você precise de esperança hoje. Você sabe que não foi feito para este lugar. Você sabe que não está equipado. Você quer que alguém lhe conduza para fora. Se esse for o seu caso, coloque sua confiança no Pastor. Ele conhece o caminho que leva ao seu novo começo, e está apenas esperando que você se junte a ele.

Max Lucado
Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “Trust Your Shepherd”

QUEM NÃO É BOM SOLDADO


sábado, 9 de outubro de 2021

TUDO OU NADA

Um certo fazendeiro tinha um filho que na sua juventude gostava de competir com seus amigos para ver quem conseguia correr mais rápido. Esse mesmo rapaz desde pequeno corria com um bezerro nas costas o que veio a ajudá-lo no seu treinamento. Numa certa feita ouve um campeonato onde o mais veloz ganharia um grande prêmio em dinheiro, ele quando soube correu á seu Pai e pediu-lhe: 

-Pai! Permita-me participar deste campeonato e eu tenho certeza que vou ganhar!

Seu Pai muito eufórico permitiu, mas seu filho tornou-lhe á dizer:

- Mas Pai, eu preciso de uma certa quantia para pagar a inscrição. 

Seu Pai lhe disse:

- Meu filho é muito caro , Eu só tenho está fazenda, não tenho esta quantia! 

O filho insistiu dizendo:

- Pai, então vende a fazenda e inscreve-me e eu ganharei, eu tenho certeza Pai. Pai é tudo ou nada!

Seu Pai então vendeu sua fazenda e inscreveu seu filho.

Na hora da corrida, quando se deu a largada, seu filho disparou na frente e liderava a corrida, quando os torcedores começaram a jogar jóias preciosas, muito ouro e prata jogaram e o garoto por ser pobre esqueceu-se da corrida e começou a juntar aquelas jóias enquanto os outros corredores o ultrapassavam. 

De repente ele ouviu a voz de seu Pai que lhe dizia:

- Meu filho não olhe para estas coisas, olhe para corrida, meu filho é tudo ou nada!

E o rapaz tornou em si e correu, ultrapassou todos os competidores, pois tinha perdido todas as posições e ganhou a corrida.

A corrida é o mundo, nós estamos em uma grande corrida no qual muitas vezes o diabo nos tenta com falsas jóias querendo desviar nossa atenção do nosso real objetivo, mas quando escutamos aquela voz suave e meiga do Bom Pai que nos Ama e já venceu por nós retomamos as forças e vencemos tudo em Nome do Senhor Jesus!

"Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo." Jo 16:33

Benedito Gledson de Araújo Oliveira

O PROPÓSITO DE DEUS


sexta-feira, 8 de outubro de 2021

O TREM DA ALEGRIA

Todas as viúvas o rodearam, chorando e mostrando as túnicas e vestes que Dorcas fizera quando estava com elas.

Atos 9.39

Certo dia, tomei café da manhã com um homem que vendeu jornais e engraxou sapatos por quase 60 anos nas ruas de uma cidade de Idaho, nos Estados Unidos.

Ele me contou sobre a sua vida naqueles dias, e como as coisas haviam mudado.

Eu lhe perguntei: “O que mais mudou, desde então?”

Ele disse: “As pessoas, elas não se importam mais umas com as outras.”

Como exemplo, ele contou-me sobre a sua mãe, que muitas vezes deu comida a homens que vinham à sua casa. Cada dia, ela preparava comida para a sua família e então fazia diversas refeições a mais porque sabia que viajantes sem nenhum lar iriam aparecer na hora das refeições. Ela tinha uma profunda compaixão por aqueles em necessidade.

Certa vez, ela perguntou a um homem como ele encontrou o caminho até a sua porta. Ele disse-lhe: “O seu endereço está escrito em todas as paredes dos vagões de trem em que os mais miseráveis viajam clandestinamente“.

Autor Desconhecido

DE MÃOS VAZIAS


quarta-feira, 6 de outubro de 2021

O BOM CAÇADOR

Durante o inverno rigoroso e sombrio do Alasca, os jovens de uma vila esquimó costumam sair para o frio para encontrar comida para suas famílias. O caçador, armado apenas com uma vara bem afiada em uma das extremidades e movido pela compaixão pelo seu povo em risco de fome, vagueia vigilante para fora, antecipando o possível ataque de um urso polar. Não tendo medo natural do ser humano, um urso polar pode muito bem atacar e comer um homem. Caso esteja sob ataque, o caçador esquimó move as mãos para enfurecer o bicho e faz com que ele levante o corpo mais de dois metros nas patas traseiras. Nesse exato momento, o esquimó se aproximando aponta a vara afiada para o coração e, apoiada no chão, a outra extremidade espera que o urso caia com todo o seu peso na vara e ela penetre seu coração. O urso, mesmo com o coração trespassado, ainda pode matar ou mutilar o caçador. Família e amigos do caçador saem mais tarde e seguem as trilhas na neve, encontrando através daquela grande demonstração de coragem, comida para sobreviver.

Os primeiros missionários proclamaram aos ouvintes atentos que Cristo Jesus é o "bom caçador" que dá a vida pelo mundo faminto. Sejamos seus imitadores.

 José Luiz Martínez - 503 Ilustraciones Escogidas

EM DÍVIDA ETERNA

 

terça-feira, 5 de outubro de 2021

A OBRA PERTENCE A ELE

Paulo disse em 1 Coríntios 13:4 “O amor não inveja!” Alguns anos atrás eu soube de uma nova igreja do outro lado da cidade. Um amigo veio me dizer: A igreja é ótima. Está transbordando de tanta gente – a maior na cidade. Um Max mais espiritual teria regozijado. Um Max mais maduro teria agradecido a Deus. Mas o Max que soube da notícia não agiu de forma madura ou espiritual. Ele agiu de forma invejosa. Ao invés de comemorar a obra de Deus, ele ficou obcecado com sua própria obra. Eu queria que a nossa igreja fosse a maior. Que tristeza!

Num momento profundo de convicção, Deus me lembrou que a igreja é dele, não minha. A obra é dele, não minha. E a minha vida é dele, não minha. Meu dever não era questionar ele, mas confiar nele. A cura para inveja? Confiar!

Max Lucado
Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “The Work is His”
de “A Love Worth Giving”

DO PÓ DA TERRA

 


domingo, 3 de outubro de 2021

QUAL É A PONTUAÇÃO DA SUA IGREJA?

A experiência de um homem que visitou dezoito igrejas diferentes em sucessivos domingos foi mencionada em um boletim de igreja. Ele estava tentando descobrir como eram realmente as igrejas. Este homem disse:

"Eu sentava-me nos primeiros bancos. Após o culto, caminhava lentamente em direção à saída e voltava para a frente novamente, usando outro corredor. Eu sorria e estava sempre corretamente vestido. Pedia a alguma pessoa que me levasse a um determinado lugar: Para o salão de confraternização ou cantina, para o escritório do pastor, etc. Tomava café, se me fosse servido. Usava então uma escala para avaliar a recepção que recebia.

Eu a segmentara da seguinte forma:

10 pontos para o sorriso de um membro.

10 pontos para uma saudação de alguém sentado nas proximidades.

100 para um cumprimento com troca de nomes.

200 pontos para um convite para tomar café.

200 pontos para um convite para retornar.

1.000 pontos se eles me apresentassem a outras pessoas.

2.000 pontos se eles me apresentassem ao pastor.

Nesta escala, onze das dezoito igrejas atingiram menos de 100 pontos. Cinco receberam 20 ou menos pontos. 

A conclusão: a doutrina pode ser bíblica, o sermão pode ser bom, mas quando um visitante descobre que ninguém se importa se ele está ali ou não, ele provavelmente não voltará".

 José Luiz Martínez 

ACREDITAR

 

sábado, 2 de outubro de 2021

BURACOS NA ESCURIDÃO

Robert Louis Stevenson tem um conto em que fala de um garoto que certa vez olhou pela a janela de sua casa ao entardecer. De repente, ele viu o homem encarregado de acender as luzes de gás da rua chegando e, enquanto o mesmo se movia pela rua, as acendia. 

Surpreso, o menino correu para sua mãe e disse: "Mãe, mãe, do lado de fora da rua há um homem que está fazendo buracos na escuridão". Assim o menino viu as coisas, e esse era seu conceito de luz e escuridão. 

Qual é o seu conceito do evangelho e o que você faz com ele? Você acha que proclamá-lo é como abrir buracos no escuro? Você abre buracos no escuro?

 José Luiz Martínez - 503 Ilustraciones Escogidas

ESCOLHIDO POR DEUS

 

sexta-feira, 1 de outubro de 2021

ALTERANDO AS FRONTEIRAS

Há alguns anos, durante um seminário de uma semana numa grande universidade cristã da Califórnia, desafiei os alunos a fazerem a oração de Jabez (1Cr 4.10), pedindo mais bênçãos e maior influência. Sugeri que o corpo discente de mais de dois mil alunos estabelecesse um objetivo ministerial digno da importância daquela escola.

— Porque não olhar para o globo e escolher uma ilha? –  sugeri - Depois de escolher o lugar, reúnam um grupo de alunos, fretem um avião e conquistem a ilha para Deus.

Alguns alunos riram. Os outros questionaram minha sanidade. Mas quase todo o mundo ouviu. Insisti. Tinha viajado à ilha de Trindade e constatado a carência do lugar e por isso disse a eles:

— Vocês podem pedir Trindade para Deus. E também um DC-10.

Ninguém comprou a ideia.

Mesmo assim, o desafio deu início a uma agitada conversa. Vi que a maioria dos alunos estava ansiosa por fazer alguma coisa significativa com seus talentos e com seu tempo disponível, mas estavam inseguros sobre como começar. Normalmente eles faziam questão de relatar sua falta de habilidade, de dinheiro, de coragem e oportunidade.

Passei a maior parte daquela semana fazendo-lhes uma pergunta: se o Deus do céu o ama infinitamente e quer que você esteja diante dele a cada instante, e se você sabe que o céu é um lugar muito melhor para você, então porque será que Ele deixou você aqui na terra?

Expus a cada aluno que encontrava o que eu achava ser uma resposta bíblica para aquela questão: você está aqui porque Deus quer que você alargue suas fronteiras, conquistando novos territórios para Ele –  talvez uma ilha – e alcançando pessoas em nome dEle.

Deus estava operando. Uma semana depois de voltar para casa, recebi uma carta deum aluno chamado Warren. Ele e seu amigo, Dave, tinham decidido desafiar o poder de Deus e pedir que os abençoasse e alargasse suas fronteiras. Eles oraram especificamente que Deus lhes desse a oportunidade de testemunhar ao governador daquele estado naquele final de semana. Jogaram seus sacos de dormir no porta-malas do Plymounth Valiant ano 1963 de Warren, viajaram mais de 600 quilômetros até a capital do estado e foram bater na porta do governador.

 A carta prossegue assim:

Veja o que tinha acontecido até a noite de domingo, quando voltamos de Sacramento. Havíamos testemunhado de nossa fé a dois frentistas de um posto de gasolina, a quatro seguranças, ao chefe da Guarda Nacional dos Estados Unidos, ao diretor do Departamento de Saúde, Educação e Ação Social do Estado da Califórnia, ao chefe da Polícia Rodoviária da Califórnia, à secretária do Governador e por fim ao próprio Governador. 

Estamos agradecidos e assustados feito crianças com o crescimento que Deus nos tem dado. Obrigado mais uma vez por seu desafio!

Isso foi só o começo. Nas semanas e meses que se seguiram, uma visão de fronteiras mais largas varreu o campus. No outono, um aluno, orientado por Warren e Dave, já havia montado um grande projeto missionário para o verão seguinte, chamado “Operação Jabez”. Seu objetivo: reunir um grupo de alunos autossustentados, fretaram avião e  adivinhe – voar para a ilha de Trindade para um ministério de verão.

E foi exatamente isso que eles fizeram. O grupo foi composto de 126 alunos e professores. Quando levantou voo de Los Angeles, a Operação Jabez já contava com grupos prontos para ministrar mediante dramatizações, construção, escola bíblica de férias, música e visitação. Nas palavras do reitor da universidade, a Operação Jabez foi o mais bem-sucedido ministério estudantil da história daquela entidade.

 Dois alunos pediram que Deus lhes alargasse as fronteiras  e Deus atendeu! Uma pequena oração refez um mapa e impactou a vida de milhares de pessoas.

Bruce Wilkinson - A Oração de Jabez

MISERÁVEIS