terça-feira, 31 de outubro de 2017

LEVANTA-TE

Moisés, meu servo, está morto; levanta- te pois agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, para a terra que eu dou aos filhos de Israel. 


Josué 1.2


Quando Moisés morreu houve luto em Israel por 30 dias. Moisés era mais do que um líder justo e honrado, foi a voz de Deus na terra por quarenta anos. Era o líder do povo no deserto e ensinou-lhes a viver diante de Deus e a enfrentar os problemas com fé. Foram anos difíceis, de lutas constantes, de fome e sede, de inimigos fortes e valentes. As intempéries da vida revelaram-lhe um homem forte e manso que amava a verdade.

A Bíblia diz que Moisés não teve sepultura entre os homens. Seu corpo nunca foi achado. Deus o enterrou num vale entre árvores, pedras e a vegetação rasteira. Não houve a oportunidade da despedida, das últimas homenagens, só o choro e a lamentação.

Deus nos ensina uma coisa preciosa nesta história - a vida não pode parar - ela precisa continuar. Há o momento da dor, do choro, do lamento - para Israel foi 30 dias. Depois é preciso seguir. Há promessas esperando, há lutas para vencer e sonhos a realizar.

Quando alguém morre, nada foi destruído, apenas a carreira de um foi interrompida. Ele cumpriu sua missão. Moisés tinha como destino tirar o povo de Israel do Egito e guiá-lo 40 anos no deserto e completou sua missão com êxito. Agora, era preciso que outro continuasse...


Que Deus nos ajude a superar nossas perdas e saber que é preciso avançar, a missão de espalhar o amor, a paz e a alegria não findou. Que a dor não nos destrua nem nos furte o poder de realizar o dever que a nós está imputado.

O SONHO E A ESPERANÇA


segunda-feira, 30 de outubro de 2017

VIVER NÃO DÓI

Definitivo, como tudo o que é simples. Nossas dores não vêm das coisas vividas, mas das coisas que foram sonhadas e não aconteceram. 

Por que sofremos tanto por amor? 

O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por todas as coisas boas que nos aconteceram. Que gerou em nós um sentimento intenso, que nos foi tão agradável.

Sofremos por quê? 

Porque automaticamente esquecemos o que foi desfrutado, passamos a sofrer, pelas nossas projeções irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado do nosso amor e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter tido junto e não tivemos, por todos os shows e livros e silêncios que gostaríamos de ter compartilhado, e não compartilhamos. Por todos os beijos cancelados, pela eternidade. 

Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e pago pouca, mas por.

Todas as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema, para conversar com um amigo, para nadar, para namorar. 

Sofremos não porque nossa mãe é impaciente conosco, mas por todos momentos em que, poderíamos estar confidenciando a ela nossas mais profundas angústias, se ela estivesse interessada em nos compreender. 

Sofremos não porque nosso time perdeu, mas pela euforia sufocada. 

Sofremos não porque envelhecemos, mas porque o futuro está sendo.

Confiscado de nós, impedindo assim que mil aventuras nos aconteçam, todas aquelas com as quais sonhamos e nunca chegamos a experimentar. 

Como aliviar a dor do que não foi vivido? 

A resposta é simples como um verso: iludindo-se menos e vivendo mais.

A cada dia que vivo, mais me convenço do desperdício da vida: no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que não arriscamos, e que, com a superdose do sofrimento, perdemos também a felicidade. 

A dor é inevitável. 

O sofrimento é opcional. 

Jesus? A Única Solução!

Eu sei de uma coisa: Você só encontrará ajuda real e paz através da fé em Jesus Cristo.

Por isto, dirija-se a Ele e derrame o seu coração a Ele e confesse tudo o que você fez em toda a sua vida., \a promessa em (Romanos 10.13). Também vale para você: “Pois todo aquele que invocar o nome do Senhor, será salvo”

Helena Rolim Gomes

A PAZ

domingo, 29 de outubro de 2017

BELA E DIFÍCIL

Nunca tome uma decisão definitiva com base numa tempestade passageira. Não importa quão negras sejam as nuvens ao seu redor. Lembre-se a si mesmo dizendo: “Essa também irá passar!” T.D. Jakes

A vida pode ser muito bela e a vida pode ser muito difícil. Aprenda a apreciar a beleza da vida ao ponto de não permitir que as dificuldade lhe levem para baixo. A maneira de lidar com as dificuldades da vida não é evitando-as; a melhor maneira de lidar com as dificuldades da vida é superando-as.

Seja mais persiste que os seus mais persistentes problemas. Use sua criatividade, sua flexibilidade e acima de tudo creia em algo aparentemente paradoxal: dificuldades são grandes bênçãos de Deus em disfarce de dores e aflições. São nos dolorosos problemas que estão as grandes oportunidades de crescimento, de aprendizado, de experiência e de amor.

Há ocasiões onde a vida se torna extremamente difícil, mas e daí? As imensas possibilidades dentro desse “disfarce” valem a pena cada lágrima de aflição derramada. Cabe a mim e a você responder da melhor maneira possível àquele que prometeu que nesta bela e misteriosa vida nunca faltaria aflições.

Para Meditação: Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo. João 16:33

Nélio DaSilva

QUERER-SE LIVRE


sábado, 28 de outubro de 2017

O QUE FAÇO?

Romanos 12:12 - "Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração"

"Quando as pessoas acham que a vida que levam é demasiado estressante, praguejam e dizem palavrões, ou entram em depressão, ou se embriagam, ou oram."

Quais têm sido as nossas reações diante das dificuldades da vida? Como temos enfrentado os problemas que têm surgido diante de nós? Qual o nosso estado de espírito em tais situações? Choramos? Murmuramos? Recuamos? Ou resistimos, confiamos, avançamos com coragem e fé?

Uma garrafa de bebida não me devolverá a paz, não curará uma enfermidade na família, não me providenciará dinheiro para as despesas da casa, não resolverá qualquer outro problema. O mesmo podemos dizer do mau-humor, ou das pragas, ou dos palavrões, ou das irritações. Também não adianta eu me fechar no quarto, não querer falar com ninguém, fugir da vida. Que poderia eu fazer nessas ocasiões?

Talvez existam outras opções, mas creio que a melhor de todas é "orar", buscar a Deus, crer na Sua provisão, crer em uma solução plena e definitiva. O Senhor nos ama e deseja que confiemos nEle nas horas de dificuldades. Ele é o Príncipe da paz, o Senhor que nos sara, o que abre as janelas dos Céus e supre todas as nossas necessidades. Com Ele não pode haver tristeza, nem depressão, nem estresse.

Deus é amor, é fonte de alegria e bênçãos. Com Ele ao nosso lado, os caminhos da vida são mais fáceis de percorrer, as tempestades logo se acalmam, o sol sempre volta a brilhar. Ele é o Amigo a quem podemos recorrer em qualquer circunstância e que jamais nos decepcionará. Ele é fiel, sempre.
O que você faz quando se aborrece? Se não costuma entregar tudo ao Senhor, experimente fazê-lo e verá que é a decisão mais sábia para recuperar sua alegria e felicidade.

FALE A NOSSA VIDA

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

VIDA NO DESERTO

Porque o Senhor tem piedade de Sião, terá piedade de todos os lugares assolados dela, e fará o seu deserto como o Éden, e a sua solidão, como o jardim do Senhor.

 Isaías 51:3.

os desertos ocupam um terço da superfície terrestre, cerca de 50 milhões de quilômetros quadrados. O Saara (Norte da África), é o maior de todos, com 8.600.000 km². Isso é quase o tamanho do Brasil. O deserto da Patagônia, na Argentina, ocupa o quarto lugar em tamanho no mundo, com 673.000 km².

O Atacama, ao norte do Chile, é o recordista em aridez. Entre 1919 e 1964 não recebeu uma única gota de água.

Nesse ambiente inóspito, gelado à noite (zero grau) e quente durante o dia (50°C), aparentemente nada conseguiria sobreviver. Mas J basta levantar uma pedra ou fazer um buraco na areia, e logo os moradores aparecem: insetos, artrópodes e alguns moluscos. Sua característica é a resistência e a ferocidade. O escorpião, por exemplo, passa meses sem beber água e pode ficar até um ano sem comer. Os cupins fazem ninhos de três metros e meio de altura para amenizar o calor, e os besouros se enterram na areia. O caracol do deserto sobrevive fechado em sua concha por períodos de até quatro anos. E apesar da lentidão, anda dezenas de quilômetros à procura de água.

Lagartixas e iguanas são equipadas com franjas nos pés, que facilitam a marcha na areia. Os ratos saltadores têm pernas traseiras bem desenvolvidas e pelos laterais na planta dos pés. Já as cobras, andam de lado.

Muitas vezes somos tentados a admitir que a nossa vida é um deserto árido e frio. Sem sentido, vazia. Muitas pessoas se acham assim. Esse sentimento incapacita e pode ressecar ou congelar o amor que há em nós.

Como a cobra que anda de lado e os lagartos que têm franjas nos pés, podemos encontrar, com a ajuda de Deus, as melhores soluções.

A promessa de Isaías é que Ele fará de nosso deserto um jardim. Talvez seja preciso chutar a areia ou remover uma pedra para encontrar um sinal de vida em nosso coração. Mas não importa. A maravilha é que mesmo escondida existe vida em qualquer um. Deixe Jesus procurar, Ele vai achar.

VISÃO


quinta-feira, 26 de outubro de 2017

O SHEIK, O CAVALO E A CARIDADE


Houve uma vez, há muito tempo atrás, um sheik chamado Samir, que possuía o mais famoso cavalo de sua região, que certo árabe de outra tribo, chamado Daher, cobiçava muito. Daher ofereceu, em troca do belo cavalo, todos os seus camelos, porém Samir não aceitou a proposta.

Um dia, o árabe Daher, disfarçando-se, cobriu o rosto de cinzas e vestiu-se de farrapos e colocou-se à beira do caminho por onde havia de passar o sheik montado em seu magnífico animal.

Ao ver que Samir se aproximava, implorou Daher, com voz disfarçada – triste e sucumbida:

-”Ajuda a este infeliz peregrino! Há três dias que estou doente e sem forças para sair daqui, em busca de alimento! Socorrei-me, óh generoso sheik, e Deus que está nos céus lhe beneficiará por sua esmola!”

Samir ofereceu-se bondosamente para levá-lo na garupa de seu cavalo. O invejoso, porém, disse assim:

-”Não posso levantar-me, senhor! Não tenho mais forças!”

Comovido diante de tão deplorável miséria, desceu Samir do cavalo e, com grande dificuldade, colocou o falso mendigo sobre a sela de seu animal.

Tão logo se viu sobre o cavalo, o impostor o esporeou e afastou-se, dizendo:

- “Sou Daher! Tenho agora este cavalo em meu poder! Vou levá-lo para minha tenda, quer queiras, quer não!”

Samir, então, pediu-lhe que parasse por um momento, pois queria solicitar-lhe apenas um favor.

O ladrão, certo de que não poderia ser perseguido nem agarrado, se deteve para ouvir o que o outro tinha a dizer.

-”Você se apoderou do meu cavalo e desejo que o mesmo te sirva bem. Entretanto eu te peço que não contes a ninguém a forma pouco digna pela qual o obtiveste.”

-”E por que não?” – disse Daher.

-” A razão é simples” – explicou o sheik. “Pode acontecer que outro homem, encontrando-se doente de verdade, se veja forçado, algum dia, a pedir auxílio e o viajante venha a desconfiar do infeliz e lhe negue assistência e esmola. Serás a causa de que muitos se abstenham de praticar a caridade pelo medo de uma traição.”

Tocado no coração, envergonhou-se Daher ao ouvir essas palavras e, inspirado pelo arrependimento, desceu do cavalo e devolveu-o ao seu legítimo dono.  Samir, que era um homem bondoso e sábio, convidou-o a ir até a sua tenda, onde o hospedou por vários dias e do  ocorrido nasceu uma amizade que lhes durou por toda a vida.

(Conto extraído do livro “Lendas do Céu e da Terra”, do escritor brasileiro Malba Tahan)

CAMINHADA


quarta-feira, 25 de outubro de 2017

QUANDO MAIS PRECISAMOS DE AJUDA

“Quando vos levarem às sinagogas e perante os governadores e as autoridades, não vos preocupeis quanto ao modo por que respondereis, nem quanto às coisas que tiverdes de falar. Porque o Espírito Santo vos ensinará, naquela mesma hora, as coisas que deveis dizer”.
 
Lucas 12:11-12

Pensamento: Quando mais precisamos de ajuda, Jesus promete nos dar as palavras que precisamos. Através dos séculos, esta promessa sustentou as pessoas que estavam sendo perseguidas. Ajudou-as a saber que não estavam sozinhas e que não precisavam se preocupar em ter a resposta perfeita ao enfrentar uma audiência hostil. Esta mesma promessa sustenta cristãos hoje, quer perseguidos pelo governo, ou ao enfrentando hostilidade de descrentes, no trabalho, na escola, ou em casa. Quando enfrentamos nossos inimigos, sabemos que não estamos sozinhos. Nosso Salvador está conosco.

Oração: Amoroso Deus, preciso da sua força e da ajuda do Espírito Santo quando falar com pessoas que se opõe a sua mensagem de salvação. Quero que as suas palavras, e não as minhas, sejam o que outras pessoas ouvem no momento crucial de confronto. Por favor, dê-me sabedoria para saber quando falar, o que dizer e quando ficar quieto. No nome de Jesus eu oro. Amém.

Fonte: Fonte: http://www.iluminalma.com/dph/

AS BORBOLETAS

terça-feira, 24 de outubro de 2017

NÃO QUERO NADA

Terantius, capitão do exército de Adriano, apresentou ao imperador romano uma petição, na qual solicitava permissão para os cristãos construírem um templo. Adriano rasgou o documento em pedaços, atirou-o ao chão e disse a Terantius que seria muito melhor que pedisse alguma coisa em seu próprio beneficio, pois seria prontamente atendido e não em prol de uma construção que serveria apenas para iludir mentes.

Terantius humildemente recolheu os pedaços de sua petição e, com dignidade, falou ao imperador: "Se eu não tenho o direito de ser ouvido quanto à causa do meu Deus, então nada quero pedir em meu favor".

NAS MÃOS DE DEUS

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

EU SOU ESPECIAL!

Em todo o mundo, não há ninguém como eu. Desde o começo dos tempos, nunca houve ninguém como eu. Ninguém tem o meu sorriso. Ninguém tem meus olhos, meu nariz, meu cabelo, minhas mãos, minha voz! Eu sou Especial.

Ninguém vê as coisas exatamente como eu. Em todo tempo, nunca houve alguém que risse igual a mim, ninguém que chorasse igual a mim! E aquilo que me faz rir ou chorar nunca provocará risos ou lagrimas identicas em outra pessoa.

Eu sou a unica na criação de Deus com meu conjunto de habilidades naturais. Sempre haverá alguém que é melhor em uma das coisas nas quais eu me dou bem, mas ninguém no universo pode atingir a qualidade de minha combinação de talentos, ideias, habilidades naturais e habilidades espirituais como num quarto cheio de instrumentos musicais, alguns se sobrepujam sozinhos, mas nenhum pode combinar com o som de sinfonia do corpo de Cristo quando são tocados juntos, porque Deus colocou os membros cada um deles no corpo como lhe apraz.

Por toda a eternidade, ninguém jamais irá se parecer, falar, andar, pensar ou fazer exatamente como eu. Eu sou especial! Eu sou rara! E como toda raridade, tenho grande valor! Eu não preciso tentar imitar os outros.

Eu aceitarei, sim, celebrarei minhas diferenças. Eu sou especial! Continuo a perceber que não é um erro eu ser especial para um propósito muito especial. Eu pedirei ao Pai que me ensine seu plano divino para minha vida e que seja revelada a mim como deve ser manifestado em perfeita sequência e ordem de tal forma que traga a maior Gloria para seu nome.

Esta sou eu . Porque sou especial? Ele me chamou e me predestinou a um chamado que ninguém pode fazer tão bem quanto eu. De todos os bilhões de candidatos, só um é qualificado,só um tem a combinação para o que o trabalho exige. É tão certo como todo floco de neve que cai, tem seu desenho perfeito e nenhum desenho é o mesmo Também é assim no corpo de Cristo. nenhum crente é igual a outro, e sem um membro o corpo estaria deficiente e o plano de Deus incompleto!

Não deixe a tristeza lhe envolver, pois ela lhe deixara sem ânimo e sem forças. Alegre-se em Deus! Lembre-se de quantas bençãos Ele lhe concedeu e que sempre existe alguém em uma situação pior que a sua.

Alegre-se em Deus pois Ele te ama.

Rita de Cássia R.de Almeida

A RAIVA



domingo, 22 de outubro de 2017

SOSSEGA CORAÇÃO


“Respondeu-lhe o Senhor: Marta! Marta! Andas inquieta e te preocupas com muitas coisas.”

Lucas 10.41

Com estas palavras Jesus repreendeu o comportamento de Marta, irmã de Lázaro, e continua repreendendo o nosso, quando nos igualamos a Marta quanto ao viver ansioso.

“Tenho que fazer isso, tenho que fazer aquilo...”

Quando permitimos ser movidos por esta roda de inquietação da alma, ficamos sobrecarregados de cuidados, e não raro, a consequência disto é o nosso afastamento da comunhão com Deus e falta de confiança na Sua providência. 

Não permanecemos calmos, sossegados, tranquilos, em toda e qualquer circunstância, por uma confiança plena no cuidado de Deus, se é que chegamos a aprender isto algum dia.

As águas do rio correrão o seu curso, sempre adiante, e não voltarão atrás.

Nadar contra a correnteza dos problemas da vida, não é e nunca será uma atitude sábia para enfrentá-los.

Trabalharemos muito, nos afadigaremos nas coisas necessárias, mas que isto seja feito com paz de mente e de coração, sabendo que o Senhor luta por nós, todas as nossas batalhas, quando demonstramos a nossa confiança n`Ele, pela nossa paz e calma espirituais.

Silvio Dutra 

sábado, 21 de outubro de 2017

POR DENTRO E POR FORA

"O que habita no esconderijo do Altíssimo, e descansa à sombra do Onipotente, diz ao Senhor: Meu refúgio e meu baluarte, Deus meu, em quem confio." 

Salmo 91.1-2

Da mesma maneira como ocorrem catástrofes no mundo, também ocorrem catástrofes em nosso coração. Poucos de nós estão conscientes disso. E também muitos filhos de Deus não estão protegidos e guardados interiormente. Chama a atenção como o Senhor, em diferentes situações, fala primeiro do lado de dentro.

Quando Noé, por exemplo, teve que construir a arca, o Senhor ordenou que ele a pintasse com piche "por dentro e por fora." Isso contradiz o nosso pensamento lógico. Nós diríamos: primeiro se deve pintar por fora, pois vindo um temporal, o barco deve estar à prova d'água. 

Mas aqui o texto é bem claro: primeiro o interior e depois o exterior. Todos nós nos preocupamos com nossa aparência, mas não nos preocupamos, senão raramente, com o fato de que o nosso coração continue protegido e guardado pelo sangue de Jesus. Por isso, nós, como filhos de Deus, muitas vezes sofremos inutilmente e passamos por situações que nada têm a ver com o sofrimento por amor ao Senhor.

Extraído do livro Pérolas Diárias

DO FUNDO DO CORAÇÃO


sexta-feira, 20 de outubro de 2017

UNSUNG

"(Ela) tem hospedado a muitos, como também a mim mesmo." - 

Romanos 16:2

James Deitz tem produzido pinturas de aviões e das suas tripulações tão realistas que parecem fotos. Os seus trabalhos estiveram patentes em muitas galerias de aviação nos Estados Unidos incluindo o Smithsonian Institution.

Uma das pinturas de Deitz, intitulada "Unsung", descreve uma tripulação de quatro mecânicos que estão trabalhando num bombardeiro. Eles estão muito abaixo da plataforma de vôo de um porta-aviões no Pacifico durante a II Guerra Mundial. Os homens pálidos, de olhar sério e cobertos de óleo, estão trabalhando incansavelmente para conseguir ter o avião pronto para voltar à batalha.

Também nós podemos estar executando tarefas desapercebidas quando apoiamos o mandamento da igreja de espalhar o evangelho e treinar crentes. Sem muitos voluntários, nenhuma igreja ou missão poderá fazer o seu ministério eficazmente.

Quando o apóstolo Paulo finalizava a sua carta aos cristãos em Roma, ele listou várias pessoas que não recebem nenhuma outra menção na Bíblia. Por exemplo, Paulo referiu-se a Febe dizendo que ela tinha "hospedado a muitos" (16:2). Febe e os outros foram essenciais à vida e ao trabalho da igreja primitiva.

Você estás tu trabalhando "abaixo da plataforma de vôo?" Lembre-se, o seu serviço para Cristo é essencial. Mesmo que ninguém mostre apreço pelo seu árduo trabalho, esteja certo que um dia o Senhor recompensará você (Colossenses 3:23-24). - Dave Egner

Dave Egner/Tele-Fé On Line

VERDADEIRAMENTE LIVRE

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

COINCIDÊNCIAS?

Deus é amor.

I João 4.8

Há uma igreja nos EUA chamada "Almighty God Tabernacle" (Tabernáculo do Deus Todo-Poderoso).

Num sábado à noite o pastor dessa igreja ficou trabalhando até mais tarde e decidiu telefonar para sua esposa, antes de voltar para casa.

A esposa não atendeu o telefone, apesar de tocar várias vezes. O pastor continuou a fazer mais algumas coisas e, mais tarde, tentou de novo e sua esposa atendeu de imediato. Ele perguntou por que ela não havia atendido antes e ela disse que o telefone sequer havia tocado.

Na segunda-feira seguinte, o pastor recebeu um telefonema. Era de um homem e ele queria saber por quê haviam ligado para sua casa no sábado à noite.

O pastor, então, entendeu que havia cometido um engano e pediu desculpas ao homem por perturbá-lo, explicando que havia tentado falar com sua esposa.

O homem disse-lhe:


- Tudo bem, não precisa se desculpar, pois, não liguei para reclamar. Liguei para agradecer. Eu estava planejando me suicidar naquele momento. Antes, porém, eu orei dizendo: "Deus, se tu existes e estás me ouvindo e não queres que eu faça isso, dá-me um sinal, agora". Naquele momento, o telefone começou a tocar. Eu olhei para o identificador de chamadas e lá estava escrito: "Almyghty God" (Deus Todo-Poderoso).

O pastor ficou maravilhado com a coincidência e perguntou:

- E por que você não atendeu, meu amigo?

Ele respondeu:

- Eu fiquei com medo.

MAIS SILÊNCIO

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

ESPERAR DEM DEUS

Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, o qual é a salvação da minha face, e o meu Deus
Salmo 42.11


Quando penso neste versículo, eu gosto de imaginar a figura de Noé. Ele fora comissionado para uma missão: salvar sua família de um iminente dilúvio. Ouvindo a voz de Deus, se pôs a construir uma embarcação capaz de suportar os dias difíceis que viriam.

Enquanto construia, ele aguardava o céu escurecer. Os anos se passaram e ele continuou martelando a madeira. Os amigos, conhecidos e familiares com certeza o incentivaram a parar a obra, mas ele permaneceu firme em seu propósito, porque ele esperava em Deus.

A maioria das pessoas pensa que esperar em Deus é sentar-se e, apenas, contemplar o Pai fazer todo o trabalho. Isso nunca foi assim e nem será. Deus está pronto a ajudar, mas no seu tempo e modo. Enquanto isso, precisamos continuar a viver de modo fiel e sincero. É preciso continuar trabalhando....

O Salmista tinha certeza que Ele não precisa ser desesperar. Pois a salvação de Deus estava chegando. Podia até demorar, mas nunca Deus nunca iria falhar.

Bem-aventurados todos os que esperam nele - Isaías 30.18 

Fandermiler Freitas

terça-feira, 17 de outubro de 2017

A MAJESTADE DO AMOR DE DEUS

Como está escrito: Amei a Jacó, e odiei a Esaú. 
Romanos 9:13

Um cavalheiro, que pensava consistir o cristianismo somente em problemas misteriosos, disse a um velho ministro: Parece-me muito estranha a seguinte declaração: "A Jacó amei, mas aborreci a Esaú."
 
"Sim, é muito estranha", disse o ministro, "porém, qual é a parte que lhe parece mais estranha?" "Oh!", respondeu o cavalheiro, "o que concerne ao aborrecimento de Esaú."
 
"Bem, senhor", replicou-lhe o ministro, "quão maravilhosamente somos feitos e quanta diferença há entre um e outro!" A parte mais inconcebível desta história é como Deus pôde amar a Jacó. Não há mistério tão profundo como o do amor de Deus. - N.T.Mil Ilustrações

VIVA OS TEUS DIAS

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

ESPERA EM DEUS

Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.

Salmo 42:5

Nos dias de hoje, é tão fácil de se abater... A gente tem tantas preocupações, tantas coisas a resolver, tanto problemas a solucionar, gasta tanta energia em busca de dias melhores que acaba sempre  com o coração inquieto e abatido quando não atinge resultados satisfatórios.

O Salmista enfrentava dias assim. Sua alma parecia atordoada com as aflições da vida. Era tão forte o seu desânimo que ele precisava constantemente perguntar a sua alma: "Por que estás abatida?"

No entanto, o que mais me chama a atenção no versículo acima é a reação do Salmista diante da tristeza que maltrata a sua alma. Ele diz: "alma, esperar em Deus". Davi tinha um relacionamento aberto com seu interior. Ele segurava sua alma pela mão e gritava em seus ouvidos: "Espera em Deus, não te perturbes."

A reação natural do corpo ao desequilíbrio da vida é se sentir complemente derrotado. O filho de Deus, porém, não pode reagir assim. Ele tem Deus em seu auxílio e, precisa apenas aprender a esperar no Pai. 

A FELICIDADE

domingo, 15 de outubro de 2017

O FÓSFORO E A VELA

Certo dia o fósforo disse para a vela: "Minha missão é te acender."

- Ah, não, disse a vela. Tu não vês que se me acendes meus dias estarão contados. Não faz uma maldade dessa não.

- Então queres permanecer toda a tua vida assim dura, fria, sem nunca ter brilhado, perguntou o fósforo.

- Mas ter que me queimar. Isso dói. Consome as minhas forças, murmurou a vela.

- Tens toda razão, respondeu o fósforo, esse é precisamente o mistério de tua vida. Tu e eu fomos feitos para ser luz. O que eu, como fósforo, posso fazer é muito pouco. Mas se passo a minha chama para ti, cumprirei com o sentido de minha vida. Eu fui feito justamente para isso: para começar o fogo. Tu és vela. Tua missão é brilhar. Toda tua dor, tua energia se transformará em luz e calor.

Ouvindo isso a vela olhou para o fósforo que já se estava apagando e disse: "Por favor, acende-me."

PROFESSOR


sábado, 14 de outubro de 2017

O DIA DE DIZER OBRIGADO A DEUS

Dentro de alguns dias, em todas as partes dos Estados Unidos e em outros cantos do mundo, será celebrado o "Dia de Ações de Graças" (Thanksgiving Day). Observado anualmente na quarta quinta-feira do mês de novembro, esse feriado foi instituído em 1863 pelo presidente Abraham Lincoln, que declarou: "O ano que está prestes a se encerrar foi repleto de bênçãos de campos frutíferos e céus propícios. A estas dádivas generosas, tão apreciadas e tão constantes, a ponto de tendermos a nos esquecer de sua origem, outras têm sido acrescentadas. Elas são as graciosas dádivas do Deus Altíssimo".

É interessante notar que Lincoln instituiu esse feriado durante a Guerra Civil americana, também conhecida como "A Guerra Entre Estados". Ao invés de se fixar na luta contínua que estava dilacerando a estrutura da Federação, o presidente optou por se concentrar em realidades positivas: "A paz com todas as nações tem sido preservada, a ordem mantida, as leis respeitadas e obedecidas, e a harmonia tem prevalecido em todas as partes, exceto no cenário do conflito militar". 

Anos atrás auxiliei um grande amigo, Albert Diepeveen, a escrever o relato das provações e desafios que ele enfrentou ao longo da vida, cujo livro ele deu o seguinte título: "Diga, "Obrigado", Mesmo Quando Não Se Sentir Grato". Suas profundas observações apontam que qualquer um pode se mostrar agradecido quando as coisas estão correndo bem, mas será que é possível ser reconhecido e grato quando as coisas não estão indo da maneira que se desejou ou esperou? 

Quando você pode paga todas as suas contas do mês e ainda lhe sobra dinheiro para gastar, para poupar e investir, é fácil se mostrar agradecido. Mas e quando emergências inesperadas esgotam sua conta bancária e o fazem ultrapassar os limites de seu crédito pessoal... Você ainda pode se mostrar grato?

Quando sua carreira avança dentro do planejado, você consegue ultrapassar suas metas e receber elogios do seu chefe, é fácil ser agradecido. Mas e quando você é preterido e não obtém a promoção que esperava, não atingiu as metas (em parte, por circunstâncias fora do seu controle) e seu chefe o está pressionando, cobrando produtividade... É fácil se mostrar grato nessa ocasião? Quando faz o seu controle de saúde anual e recebe um atestado de "ótima saúde" é fácil ser agradecido. Mas e quando o seu médico franze misteriosamente as sobrancelhas enquanto o examina, pede uma série de exames e o resultado não é nada bom... Você consegue ainda ser grato? 

Quando seu casamento está indo bem e sua família está em harmonia, o amor e a paz são abundantes, é fácil ser agradecido. Mas e quando seu cônjuge diz que talvez fosse melhor "darem um tempo", ou seus filhos se encontram em sérios problemas... Você ainda é capaz de ser grato? A Bíblia fala claramente a este respeito. "Alegrem-se sempre... Deem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus" (I Tessalonicences 5.16;18).

Pela perspectiva de Deus, devemos ser agradecidos por todas as situações que Ele permite em nosso caminho - sejam elas boas ou ruins. Isto não soa estranho ou incompreensível? Não para um seguidor de Cristo, porque a promessa é: "Porque sou Eu que conheço os planos que tenho para vocês, diz o Senhor, planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro" (Jeremias 29.11).

Deus quer que creiamos - e confiemos - que Ele está no controle de todas as circunstâncias que enfrentamos, confiantes de que se Ele as permitiu em nossa vida, as usará para o nosso bem. Essa crença nos fará ser gratos por todas as coisas. 

Robert J. Tamasy

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

MAR VERMELHO

Porém Deus fez o povo rodear pelo caminho do deserto perto do mar Vermelho;

Ex.13.18

Em algum momento da vida já esteve em um caminho sem saída? Você olha para todos os lados e não ver nada em que possa se agarrar. Foi assim que o povo de Israel se encontrava quando Faraó com seus seiscentos carros se levantaram contra eles.

A saída do Egito tinha sido comemorada com festa e alegria, o povo avançava rumo a terra prometida e o coração de cada homem, mulher e criança ia cheio de sonhos. Depois de ver o que Deus tinha operado no Egito, cada israelita acreditava ser tudo possível.

No entanto, quando ao longe uma pequena nuvem de poeira se ergueu no deserto, anunciando que Faraó e seu exército os perseguiam, toda alegria virou tristeza. Quem disse que a vida com Deus é só alegria? O Pai Exige fé e confiança. Por isso, não se admires de ver um cristão autêntico sofrer ou passar dificuldades. As adversidades fazem parte da vida com Cristo. Elas moldam nosso caráter e nos modelam.

O povo apressou-se em fugir, no entanto a única coisa que encontrou foi o Mar Vermelho, e então lamentou ter ouvido Moisés e obedecido a voz de Deus. Já vi muitas pessoas agirem assim, basta o Mar Vermelho surgir no horizonte para perderem toda a convicção em Deus e desacreditar de suas promessas.

O Mar Vermelho foi o primeiro obstáculo que pôs o povo a prova. Israel mostrou-se fraco e  rebelde. Deus nos ama e deseja levar-nos a uma terra prometida. Mas uma coisa é certa: dificuldades, obstáculos e provas surgirão durante nossa caminhada. Cada Mar Vermelho que se erguer será a oportunidade de crescer, evoluir e ver o poder de Deus agir.

O QUE É LIBERDADE?


SEJA APENAS ALMA HUMANA


terça-feira, 10 de outubro de 2017

A PORTA ABERTA

"Melhor é buscar refúgio no Senhor do que confiar no homem." 

Salmo 118:8

Prédios adicionais eram necessários para o Colégio de Avondale, mas não havia dinheiro. O presidente da Missão Australiana, A. G. Daniels, se dirigiu aos madeireiros, aos serralheiros, aos construtores, e pediu-lhes que vendessem material e trabalhassem a crédito.

Prometeu-lhes efetuar o pagamento tão logo chegasse um dinheiro que estava aguardando da Associação Geral, provavelmente na primeira semana de maio.

Maio chegou, e chegou também a mala postal. Sim, havia uma carta, mas nenhum cheque! A igreja na América estava tendo problemas ela mesma e os irmãos sugeriam que os planos de construção fossem suspensos.

Era muito tarde para esta medida. Que devia fazer o Pastor Daniels? Ele se dirigiu ao bosque de eucaliptos e clamou a Deus pedindo ajuda. Permaneceu ali toda a noite, e na manhã do dia 3 de maio veio-lhe a certeza de que Deus proveria o dinheiro. Logo após a refeição matinal o Pastor Daniels saiu para a cidade, confiante de que encontraria o dinheiro.

Na manhã seguinte ele leu na hora do culto Dan. 6:16. As palavras "Que Ele te livre" pareciam estar ali em letras maiúsculas na página.

Isto lhe deu fé para crer que Deus proveria o dinheiro para livrar o colégio de uma situação embaraçosa. Na margem ele escreveu: "7:30 da manhã. 4/5/99." Nessa tarde às 4 horas ele e um amigo resolveram passar por determinado banco. Embora já houvesse passado da hora de fechar, a porta estava ainda ligeiramente aberta. Os dois entraram e o banqueiro disse desconcertado: "Como conseguiram entrar?" "A porta estava aberta e nós simplesmente entramos", os homens responderam.

O banqueiro sabia que havia fechado a porta a chave e passado a corrente com cadeado. No entanto ali estavam dois homens diante dele que haviam entrado por essa porta fechada! "Que desejam?" ele indagou.

Não levou muito tempo ao Pastor Daniels para explicar ao homem a situação. Às 5 horas ele tinha em suas mãos 300 libras australianas.

Nessa noite o Pastor Daniels de novo abriu sua Bíblia em Dan. 6:16 na hora do culto, e escreveu na margem: "Cumprido. 5:00 h da tarde. 4/5/99." Às vezes pessoas em quem depositamos confiança falham conosco. A igreja pode nos faltar como faltou ao Pastor Daniels. Nossos amigos podem não cumprir sempre suas promessas. Mas Jesus jamais falha. Suas promessas são certas. Você pode contar com Ele!

História do Adventismo, C. Mervyn Maxwell, págs. 89 e 90.

O SILÊNCIO

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

O TREM DA ALEGRIA

Todas as viúvas o rodearam, chorando e mostrando as túnicas e vestes que Dorcas fizera quando estava com elas.

Atos 9.39

Certo dia, tomei café da manhã com um homem que vendeu jornais e engraxou sapatos por quase 60 anos nas ruas de uma cidade de Idaho, nos Estados Unidos.

Ele me contou sobre a sua vida naqueles dias, e como as coisas haviam mudado. Eu lhe perguntei: "- O que mais mudou, desde então?"

Ele disse: "As pessoas, elas não se importam mais umas com as outras."

Como exemplo, ele contou-me sobre a sua mãe, que muitas vezes deu comida a homens que vinham à sua casa. Cada dia, ela preparava comida para a sua família e então fazia diversas refeições a mais porque sabia que viajantes sem nenhum lar iriam aparecer na hora das refeições. Ela tinha uma profunda compaixão por aqueles em necessidade.

Certa vez, ela perguntou a um homem como ele encontrou o caminho até a sua porta. Ele disse-lhe: "O seu endereço está escrito em todas as paredes dos vagões de trem em que os mais miseráveis viajam clandestinamente".

Autor Desconhecido

ENQUANTO LUTA


domingo, 8 de outubro de 2017

NUNCA FALTE UM CÂNTICO

Venham! Cantemos ao Senhor com alegria! Aclamemos a Rocha da nossa salvação. Vamos à presença dele com ações de graças; vamos aclamá-lo com cânticos de louvor. 
Salmos 95:1-2

Nada representa melhor a alegria do salvo do que o desejo de cantar e louvar ao Pai. Músicas alegres e cheia de adoração expiram da alma do que teve sua vida alcançada pelo amor de Deus. É inevitável!

Por isso, quando vejo um cristão com grandes dificuldade de entoar canções e expressar-se na adoração, sinto que algo perigoso está acontecendo no interior desse homem, porque a presença do Espírito Santo implica no desejo de adorar a Deus.

Minha oração é que Deus me encha do amor divino, para que em minha alma nunca falte a vontade de louvar ao Criador pela salvação, pelo amor de Jesus demonstrado na cruz e que em meus lábios sempre existam um cântico de amor e gratidão. Na verdade, é necessário que o coração sinta prazer em declarar as misericórdias do Pai.

Louvemos ao Pai por seu tão imenso amor em nos acolher em seus braços. Vamos aclamá-lo com cânticos de louvor.

Fandermiler Freitas

ERRO EXPLICADO

sábado, 7 de outubro de 2017

HERÓIS NÃO CANTADOS

"Havia um memorial escrito diante dEle para os que temem ao Senhor, e para os que se lembram do Seu nome."  

Malaquias 3:16.

Henry Wadsworth Longfellow celebrizou Paul Revere. Este tem o seu nome nos livros de histórias dos Estados Unidos. Sua estátua permanece em Boston, Massachusetts. Todo americano mais ou menos culto conhece a história deste homem que cavalgou cerca de 18 quilômetros para advertir os milicianos sobre a aproximação dos ingleses. 

Poucos sabem os nomes respectivamente de Israel Bissel e Sybil Luddington, ambos precedentes a Paul Revere na tarefa de levar a mesma mensagem.

Israel Bissel, um cavaleiro - vigia de 23 anos de idade, deixou Watertown, Massachusetts, na mesma noite. Usando dois cavalos alternadamente ele viajou dia e noite durante quatro dias e seis horas a fim de levar a mensagem ao Congresso Continental reunido em Filadélfia. 

Dois anos mais tarde Sybil Luddington, 16 anos, filha do coronel Luddington, cavalgou toda a noite para reunir as tropas de seu pai na defesa de Danbury. 

Enquanto que um poema, uma estátua, e livros de história comemoram a façanha de Paul Revere, Israel Bissel e Sybil Luddington jazem no esquecimento nas suas sepulturas da Nova Inglaterra. 

Assim é a vida! Muitas obras boas e nobres atos ficam sem nenhuma lembrança. Há muitos heróis não cantados. 

Já lhe aconteceu de você sentir-se entristecido alguma vez por não ver reconhecidas boas coisas que você fez? Já se sentiu desanimado ao ver que alguém com menos mérito do que você tem recebido reconhecimento, enquanto você não? 

Sua família e seus amigos podem não notar, mas Deus nota. Ele jamais esquecerá o que você fizer por Ele e o bem que fizer a outros. "Pois Deus não é injusto para esquecer vosso trabalho e amor", escreveu Paulo.

O verso de hoje diz que Deus tem um livro de memórias. O Salmo 112:6 afirma que nós estaremos em "lembrança eterna" diante de Deus. Livros de histórias e estátuas um dia serão destruí dos, mas o que Deus registra em Seu livro será lembrado para sempre. Aqui é onde eu gostaria de ter registrados os meus atos. E você? 

Courage in Crtsis, págs. 84-87.

O FUTURO COMEÇA AGORA

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

DEIXA A RAIVA SECAR

Alexandre, o latoeiro, causou-me muitos males. O Senhor lhe pague segundo suas obras.

II Timóteo 4.14

Certa vez uma menina ganhou um lindo brinquedo no dia do seu aniversário, mas uma amiguinha o levou para sua casa sem permissão e o destruiu antes mesmo dela brincar uma única vez com ele. Ela ficou muito brava e queria porque queria ir até a casa da amiga para brigar com ela. Mas a mãe ponderou:

- Você se lembra daquela vez que você chegou em casa com lama no seu sapato? Você queria limpar imediatamente aquela sujeira, mas sua avó não deixou. Ela lhe disse para deixar o barro secar, pois assim ficaria mais fácil limpar.

- Sim, mamãe, eu me lembro.

- Pois é, meu amor, com a raiva é a mesma coisa. Deixe-a secar primeiro, depois fica bem mais fácil resolver tudo.

Mais tarde, a campainha tocou: era a amiga trazendo um brinquedo novo, em reposição ao que havia quebrado, pelo que se desculpou. E a menina respondeu:

- Não faz mal, não, minha raiva já secou!

Anônimo

PACIENTE


quinta-feira, 5 de outubro de 2017

MAIS ALEGRIA

Mais alegria me puseste no coração, do que a deles no tempo em que se multiplica o trigo e o vinho.

Salmo 4. 7

Conheço um homem que depois de viver anos no mundo, conhecendo os prazeres e os encantos ilusórios desta vida, encontrou-se com Jesus. Sua vida mudou por completo, abandonou tudo o que dificultava uma comunhão verdadeira com Deus e afetava seu relacionamento íntimo com o Espírito Santo. Primeiro os amigos afastaram-se; depois, ele mesmo selecionou novos ambientes para frequentar e surgiram novos amigos.

Passado um tempo, seus irmãos começaram a ficar preocupados com aquela mudança tão radical e se reuniram, certo dia, para conversar.

– Meu irmão, nós queremos saber o que está acontecendo contigo. Sua vida social acabou. Você não sai mais... não vai a um bar, não frequenta uma festa. É só trabalho, casa, igreja.

É interessante como o mundo sem Cristo ver as coisas. Eles acreditam que a felicidade está em determinadas coisas (dinheiro, mulheres, festas, drogas etc). É impossível negar que ela têm sua alegria... Mas é uma alegria ilusória e passageira. Uma alegria que não dura muito.

Ao ouvir aquelas palavras, o homem sorriu e disse calmamente: "Meus irmãos, hoje eu sou feliz, não naquele tempo. Naquele tempo, eu me divertia mais, mas não era nem um pouco feliz..."

A Bíblia diz que só Jesus tem a chave da felicidade verdadeira e real que não se acaba quando a diversão finda ou quando nos falta algo. É uma felicidade muito maior, ela vem de dentro da alma e nada que possa ocorrer fora do homem poderá por fim nesta felicidade.